Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

domingo, 31 de maio de 2020

31/05/2020 *--* Deus é Fiel !!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.


Arrecadação da Prefeitura de Santa Maria do Oeste cai R$ 731.191,42 em um mês. Veja as Planilhas:

Queda da arrecadação tributária em decorrência do coronavírus ...

A equipe de reportagens do Blog do Beto teve acesso a 2 (duas) planilhas que mostram a arrecadação do município de Santa Maria do Oeste um referente ao ano de 2019 e outra referente ao mesmo período em questão, mas do corrente ano de 2020 sendo o mês em questão a ser tratado o mês de MAIO, no ano de 2019 a Prefeitura Arrecadou o valor de R$ 2.656.645, 80 sendo que neste ano de 2020 a quantia arrecadada ao mês de MAIO foi R$ 1.925.454,38 gerando uma queda no orçamento de - R$ 731.191,42.

VEJA ABAIXO AS PLANILHAS:



QUEDA DE ARRECADAÇÃO DE:

- R$ 731.191,42.


Polícia Militar dá apoio a ação do Conselho Tutelar de Santa Maria do Oeste no Rio do Tigre.



No dia 30 de maio de 2020, às 18h30min, quando em patrulhamento a equipe foi solicitada pelos conselheiros **************, os quais solicitaram apoio da equipe policial militar, afim de averiguar denuncia qual dava conta que a pessoa de ************** estaria frequentando um bar na localidade rio do tigre, onde permanecia com seus filhos de 03 e 06 anos de idade. No local não foi constatado o fato, sendo localizado ******** o qual foi advertido e orientado.


Fonte: Polícia Militar.


Briga acaba em Morte em Palmital.


Por volta das 20:07 hrs desta data a equipe recebeu a solicitação da senhora **************, a qual relatou que homens estariam brigando em frente à sua casa e que um deles teria sido esfaqueado e morto. Diante dos fatos a equipe deslocou até o endereço supra citado sendo que chegando ao local encontrou um veículo gol de cor branca e placas ********* depredado e logo à frente na rua o corpo de um masculino, o qual apresentava sinais de violência e lesões do tipo perfurocortantes na região do tórax, pescoço e boca e aparentemente já se encontrava em óbito. O mesmo foi identificado como joão maria vaz. Foi acionado a equipe do posto de saúde municipal, sendo que no local compareceu a enfermeira *********** que confirmou o óbito do cidadão. Enquanto a equipe colhia informações da solicitante, chegou ao local a pessoa de *************, que relatou que ambos estavam juntos na hora do fato. Relatou que em dado momento dois masculinos arrombaram a porta da residência e adentraram a mesma e falaram estar procurando por joão maria, sendo que partiram para cima do mesmo e neste momento, assustado, ********** teria corrido e pulado a janela e ************ também teria corrido. Perguntado sobre a identidade dos autores, ************ afirmou que um era alto, branco e loiro, e o outro um pouco mais baixo, moreno e disse ser ************** consta que ************** é o apelido do conhecido no meio policial *************. Mostrado a foto dos irmãos de*************, o mesmo reconheceu a pessoa de ***************** como um dos autores. No local foi possível constatar que a porta da residência relatada por ************ estava arrombada e que houve luta na rua, pois o boné e a jaqueta da vítima estavam espalhados no local, bem como havia galhos de árvores quebrados. Ainda foi possível constatar que os envolvidos adentraram na casa do outro lado da rua, de propriedade ****************, quebrando a porta, e que dentro desta residência cometeram agressões contra joão maria, pois havia móveis fora do lugar e grande quantidade de sangue no local, bem como foi possível perceber através de marcas no chão que o corpo da vítima foi arrastado até o meio da rua. Diante dos fatos a equipe acionou a polícia civil, a qual se fez presente na presença do investigador *************** com viatura parati prefixo ************. Com posse das informações a equipe pm tentou localizar o autor do fato, *************,  porém não foi possível até o momento. Ainda foi tentado localizar a pessoa de ***********, a qual após ter fugido da residência onde houve o início do fato, tomou rumo ignorado, porém até o momento não foi localizada. Consta ainda que a equipe de palmital recebeu apoio da equipe de laranjal,  os quais fizeram o isolamento do local enquanto a equipe realizava as diligências e procedimentos. Compareceu no local o iml, no agente ***************.


Fonte: Polícia Militar.


Veja as últimas ocorrências de Pitanga, Laranjal e Boa Ventura do São Roque deste fim de Semana.


PITANGA

AMEAÇA
Atendendo solicitação onde relata solicitante sra. ************ que seu esposo embriagado na sua residência, passou a lhe proferir palavras de baixo calão, como "vagabunda" e ainda começou a quebrar os utensílios da residência, que após isso saiu da residência conduzindo um veículo **************, com destino a rumo ignorado pela solicitante. Com a equipe no local a solicitante confirmou que o convivente sr. **************, lhe chamou de vagabunda e ainda deu um chute na porta da residência, se evadindo logo após. A equipe fez buscas porém sem êxito, solicitante foi orientada.

PERTURBAÇÃO DO TRABALHO OU SOSSEGO ALHEIO
No dia 31 de 05 de 2020, às 23h00min equipe pm deslocou a rua do portão no parque industrial, onde segundo ligação anônima havia uma residência com som alto, no local a equipe constatou o fato sendo orientado a proprietária da residência senhora ************ a desligar o som, a mesma acatou as orientações da equipe.

INFRAÇÃO DE TRÂNSITO
No dia 30 de maio de 2020, por volta das 22h40min quando a equipe realizava patrulhamento no centro da cidade foi abordada a motocicleta honda/cg 150 titan ************* que era pilotada pelo menor *********. 16 anos tendo como garupa **********, 15 anos, sendo constatado pela equipe que a motocicleta estava indevidamente licenciada e com escapamento inoperante; que diante dos fatos a motocicleta foi apreendida ao pátio da 3ª cia-pm e foram lavrados os autos de infração de tr nsito cabíveis. Após os procedimentos compareceu a 3ª pm o senhor ***************, pai do menor ****************, sendo ambos os menores entregues a seus cuidados.

LARANJAL

FURTO QUALIFICADO
Na da de 30/05/2020 por volta das 14:00 hrs, compareceu neste destacamento a pessoa de **************,71 anos, relatando que na data de hoje por volta das 08:30 hrs,saiu de casa e ao retornar sentiu por falta de alguns pertences em sua residência, o mesmo possui sistema de monitoramento(c meras), que ao serem vistas notou um masculino magro, de calça jeans,blusa preta e um boné azul, no momento em que ele entra e sai da residência. Do interior da residência lhe foi subtraído um celular preto samsung a5, 01 relógio de pulso oriente branco e uma botina preta, confeccionado boletim de ocorrência da situação.

BOA VENTURA DE SÃO ROQUE

NOTÍCIA DE FATO FUTURO/ DESOBEDIÊNCIA
Atendendo solicitação da srª **************, a qual está responsável pelo telefone de denúncias sobre o covid-19, a mesma informou que recebeu uma ligação, de que em uma chácara na localidade do cristo rei estaria havendo um churrasco com aglomeração de pessoas e necessitava que a equipe efetuasse uma orientação para o responsável. A equipe deslocou no local onde constatou-se o fato e em contato com o sr. **********, 37 anos, o mesmo informou que estava fazendo um churrasco para alguns conhecidos e parentes. Conversado com o mesmo a respeito da aglomeração de pessoas, sendo que o mesmo informou que já estavam terminando de almoçar e já ia fazer o pessoal irem embora. Diante dos fatos foi advertido o mesmo e orientado.


Fonte: Polícia Militar.



Homem é ejetado em capotamento na BR - 163.


No início da manhã deste domingo (31) um grave acidente de trânsito foi registrado pela PRF de Quatro Pontes na BR-163, no trecho que liga Marechal Rondon à Mercedes. Uma pessoa foi ejetada do veículo no acidente.


De acordo com informações apuradas pela reportagem do AquiAgora.net, um veiculo Renault Sandero, com placa de Marechal Cândido Rondon, acidentou-se na BR-163, nas proximidades da Oficina Sorasa, em Marechal Cândido Rondon. O veículo saiu de pista e capotou. 

No carro estavam um casal de moradores de Mercedes. Em razão do capotamento, o condutor foi ejetado do veículo, sofreu ferimentos graves. Ele foi encaminhado para atendimento na UPA de Marechal Rondon e na sequência devido a gravidade dos ferimentos foi transferido para o Hospital Bom Jesus, em Toledo
A passageira sofreu ferimentos leves e não foi hospitalizada.

Fonte: AquiAgora.net.


Motorista entra na contramão, provoca grave acidente e morre na BR-376.


Um motorista, que usava uniforme da montadora Audi, morreu em um grave acidente provocado por ele no início da BR -376 em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, por volta das 21h30 deste sábado (31). Ele dirigia um Logan do modelo antigo pela contramão e bateu de frente contra um Onix.

O policial rodoviário federal (PRF), André Ribeiro, conta que o homem foi ejetado para fora do Logan no momento da colisão. “O Logan vinha pela contramão na faixa rápida, na pista sentido Curitiba, e bateu de frente com o Onix. O condutor foi ejetado para fora, estava sem cinto de segurança e morreu no local. Ele devia estar em alta velocidade, porque a batida foi bem forte”, disse o agente da PRF.

Fonte: Banda B.


Condutor de AUDI TT perde controle de veículo e colide com poste em Ponta Grossa.


Um automóvel esportivo Audi TT ficou parcialmente destruído após atingir um poste nas proximidades do Terras Alphaville, em Ponta Grossa. O condutor do automóvel seguia pela rua José Campos Mello, e na entrada da rua Cleia Baptista de Campos Mello, perdeu o controle, subiu a calçada e colidiu com o anteparo. O acidente ocorreu por volta das 16 horas deste sábado (30).

O condutor do automóvel, um homem de 43 anos, ficou ileso, e acionou recusa ao hospital. Já a passageira, uma mulher de 23 anos, teve ferimentos considerados leves e foi levada ao Hospital Unimed pelo Siate, que prestou atendimento no local. 

Fonte: A Rede.


Grupo bolsonarista protesta em frente ao STF com tochas e máscaras, assisto o vídeo:


O grupo bolsonarista “300 pelo Brasil”, liderado pela ativista Sara Winter, fez um protesto no sábado à noite em frente à sede do Supremo Tribunal Federal (STF), em Brasília. O grupo carregava tochas acesas, e algumas pessoas usavam máscaras de personagens de filmes de terror cobrindo todo o rosto.

Os manifestantes carregavam uma faixa onde se lia “300” e também tochas acesas e marcharam em frente ao STF gritando palavras de ordem contra o Supremo e o ministro Alexandre de Moraes, relator do inquérito das fake news. 

O ato ocorre depois de Sara e empresários bolsonaristas terem sido alvo de mandados de busca e apreensão no âmbito da investigação que apura ameaças, ofensas e fake news contra ministros da Corte e seus familiares.

“Viemos cobrar, viemos cobrar, o STF não vai nos calar”, “careca, togado, Alexandre descarado”, “ministro covarde, queremos liberdade” e “inconstitucional, Alexandre imoral” foram alguns dos gritos de ordem entoados pelo grupo, segundo vídeos divulgados nas redes sociais dos próprios integrantes da manifestação.

Integrantes do STF ouvidos reservadamente pelo Estadão/Broadcast apontaram semelhanças entre o protesto de Sara Winter e a manifestação de neonazistas e membros da Ku Klux Klan que ocorreu em 2017 na cidade de Charlottesville, nos Estados Unidos. A “KKK” é organização racista dos Estados Unidos que prega a supremacia branca e já praticou inúmeros atos violentos contra negros.

A reportagem procurou a Polícia Federal e o STF para comentar o protesto em Brasília, mas eles não se pronunciaram até a publicação deste texto. O Planalto informou que não vai comentar.

“Sobre nosso protesto de ontem: a ideia foi de um apoiador que é judeu e quem comprou as tochas e máscaras foi um organizador dos 300 que é negro. Pra esquerda, tocha: símbolo nazista. Sempre tentarão emplacar essa narrativa. Aqui não cola mais”, escreveu Sara no Twitter na manhã deste domingo (31).

Vídeo

Após a operação da última quarta-feira (27), Sara divulgou nas redes sociais um vídeo com ofensas a Moraes e aos demais ministros da Corte. Ela chegou a desafiar Moraes a “trocar socos”.

“Eles não vão me calar, de maneira nenhuma. Pelo contrário, eu sou uma pessoa extremamente resiliente. Pois agora, meu e não é que ele mora em São Paulo? Porque se estivesse aqui eu já estaria na porta da casa dele convidando ele para ‘trocar soco’ comigo. Juro por Deus, essa é a minha vontade. Eu queria trocar soco com esse ‘filha da puta’ desse ‘arrombado’! Infelizmente não posso, mas eu queria. Ele mora lá em São Paulo, né? Pois você me aguarde, Alexandre de Moraes. O senhor nunca mais vai ter paz na vida do senhor!”, esbravejou a ativista.

O vídeo foi encaminhado por Moraes ao procurador-geral da República, Augusto Aras, que o enviou ao Ministério Público Federal do DF. O caso está agora com o procurador Frederick Lustosa de Melo, que vem sendo pressionado por colegas para pedir logo à Justiça Federal a imposição de medidas cautelares contra a ativista.

Fonte: CGN.


sábado, 30 de maio de 2020

30/05/2020 *--* Deus é Fiel !!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.


Pré-candidato a prefeito de Pitanga André Luiz defende geração de emprego e renda na cidade e no campo.


Com propostas consolidadas, experiência e muita vontade de fazer mais pelo município de Pitanga André Luiz se apresenta como pré-candidato a prefeito, trazendo com sigo um histórico de trabalho na câmara municipal onde atualmente é vereador e tem se destacado pelos projetos apresentados.

Nossas propostas como pré-candidato a prefeito são baseadas na realidade da população e principalmente no que não está dando certo, a população nos mostra o que precisa mudar como é o caso da geração de empregos, que hoje é carente em nosso município, acredito na parceria com os empresários que já estão aqui, e nos seus potenciais sempre com apoio planejado e de portas abertas para receber novas empresas e industrias. Sou sabedor dos desafios que estão por vir, me sinto preparado para assumir a pré-candidatura pelo PTB e preparado para administrar o Município. Conheço muito bem Pitanga, sei das suas maiores capacidades e também das suas necessidades, e é em cima disso que pretendemos trabalhar, aliás são estas necessidades que me fazem ser pré-candidato, entendo que precisamos de um trabalho diferente, precisamos avançar, crescer e se desenvolver em todas as áreas, para isso defendo planejamento, organização e equipe gestora.

Nasci em Pitanga, fui criado aqui, trabalho aqui e moro aqui, minha família toda é daqui as pessoas me conhecem nunca tive um processo judicial contra mim sempre prezei pelo trabalho honesto. Tenho experiência na administração pública e privada e atualmente também atuo no ensino superior já a dez anos, certamente trabalharão comigo pessoas capacitadas, escolhidas por seu conhecimento e não por politicagem. André Luiz é professor universitário e tem Mestrado em Políticas Públicas e Gestão da Educação, é pré-candidato a prefeito pelo PTB, partido que terá chapa completa de pré-candidatos a vereador.


Veja as Promoções da Hiperfarma de Santa Maria do Oeste.



Maxalgina por R$ 1,99 na Hiperfarma








Polícia Civil impede sequestro de pré-candidato a prefeito e prende dois suspeitos.


A Polícia Civil do Paraná (PCPR) impediu o sequestro de um pré-candidato a prefeito de Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Durante a ação, que aconteceu na tarde de quinta-feira (28), um homem e uma mulher, de 27 e 32 anos respectivamente, foram presos em flagrante suspeitos de planejar o crime.   

Conforme foi apurado, o pré-candidato é também um empresário muito conhecido no município. Este, foi procurado pela suspeita– que encontra-se presa – a qual disse ter sido informada que algumas pessoas haviam sido contratadas para sequestrá-lo e, para evitar o sequestro, o empresário deveria pagar aos criminosos a quantia de R$ 50 mil.

A vítima imediatamente procurou o grupo especializado em extorsão mediante sequestro da PCPR, que iniciou as investigações. Durante as diligências, os policiais civis identificaram dois suspeitos. A mulher, que havia realizado e extorsão, foi presa em Colombo, na RMC. Com ela foi encontrado um revólver calibre 32, motivo pelo qual também foi autuada em flagrante pelo crime de porte ilegal de arma de fogo.   

Ao longo das diligências, o outro suspeito também foi preso em flagrante, desta vez em Almirante Tamandaré. Os policiais civis apuraram que o suspeito é foragido do sistema penitenciário e já ostenta diversas condenações criminais em outros Estados. Ambos os criminosos foram autuados pelo crime de extorsão.   

As investigações prosseguem para verificar a possível participação de outros criminosos.

Fonte: PP News com PC-PR.


Corpo de homem é encontrado no meio de mato em Ponta Grossa.


A Guarda Municipal de Ponta Grossa, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Cidadania e Segurança Pública (SMCSP), localizou, na tarde de hoje (29), um cadáver na região do bairro de Olarias.
Conforme informações preliminares, trata-se de uma vítima do sexo masculino, de idade não determinada até o momento.
De acordo com informações da GM, a ação teve início durante patrulhamento da equipe Getam – Bravo – nas imediações do Lago de Olarias por volta das 16h. Segundo os agentes, o corpo foi encontrado em meio a mata por moradores que informaram a Guarda Municipal sobre a situação.
Ato contínuo, o Getam deslocou até o local onde se depararam com o cadáver. Na sequência, foi realizado o isolamento do local e acionamento das equipes responsáveis pela perícia.
A Guarda Municipal auxiliou no recolhimento do corpo e procedeu com o deslocamento até a delegacia para as providências cabíveis.
Fonte: CGN.

Grave acidente é registrado na rodovia BR-369; Helicóptero é mobilizado para resgate.


Um grave acidente de trânsito foi registrado na tarde desta sexta-feira (29) na rodovia BR-369, na Região de Ubiratã.

O acidente envolveu um Ônibus que transportava trabalhadores de Ubiratã e uma motocicleta Honda/XRL, com placa de Campina da Lagoa.

Segundo a PRF, o ônibus seguia de Ubiratã para Juranda, quando bateu com a moto, que estava cruzando a pista.

Com o impacto, o motociclista de 58 anos recebeu atendimentos do Samu e foi encaminhado a Campo Mourão com o apoio da aeronave do Paraná Urgência. Ele estava com lesões graves.

A Polícia Rodoviária Federal registrou a ocorrência e realizou o teste do bafômetro nos envolvidos, que não haviam ingerido bebidas alcoólicas.


Motociclista morre após colisão na PR-484 em Boa Vista da Aparecida.


Um grave acidente de trânsito foi registrado na tarde desta sexta-feira (29) em Boa Vista da Aparecida. O fato ocorreu na PR-484 proximidades do Parque Industrial.

Uma motocicleta Honda CG 150 de cor prata e um caminhão de transporte de máquinas da Prefeitura de Boa Vista da Aparecida acabaram colidindo próximo ao acesso do município.

Conforme as primeiras informações o condutor da moto e do caminhão seguiam no mesmo sentido quando o motociclista foi realizar uma ultrapassagem e acabou colidindo na lateral do caminhão que fazia uma conversão para acessar uma estrada vicinal.

O condutor da motocicleta foi encaminhado em estado grave ao hospital de Boa Vista da Aparecida pela ambulância do município, mas devido aos ferimentos o condutor acabou morrendo antes de dar entrada na unidade hospitalar.

O motociclista ainda não foi identificado oficialmente, mas a Polícia Civil de Capitão Leônidas Marques está indo até o local para realizar os procedimentos de identificação e acionar o IML – Instituto Médico Legal de Cascavel para recolher o corpo.

A Policia Rodoviária Estadual registrou a ocorrência.

Fonte: Interativa FM.


Caminhão carregado com tijolos capota na rodovia PR-562.


Um grave acidente de trânsito foi registrado no inicio da tarde desta sexta-feira (29), na rodovia PR-562, na Serra de São Brás, em Coronel Vivida.

O acidente envolveu um caminhão Mercedes-Benz 2418 com placas de Itapejara D’Oeste, carregado com tijolos, que acabou capotando e ficou destruído.

O motorista Luiz Carlos de 54 anos relatou a Rádio Voz que a carga pendeu para o lado e ele não conseguiu evitar o acidente. A cabine ficou destruída e apesar da gravidade do acidente, Luiz Carlos sofreu apenas uma pancada na cabeça, sem gravidade.

Ele ficou preso pelo cinto de segurança e saiu da cabine com ajuda de populares.

Socorristas do Corpo de Bombeiros e Samu estiveram no local.

Fotos Vanderlei Lima / Fonte: Rádio Voz.


Vectra capota e moça fica ferida na rodovia PR-491 em Nova Santa Rosa.


Um capotamento de veículo foi registrado por volta das 13h20 da tarde desta sexta-feira (29) na PR 491, proximidades do Clube Internacional em Nova Santa Rosa.

Segundo relatos do condutor, aos policiais rodoviários que atenderam a ocorrência, ele fazia o trajeto Marechal Rondon a Nova Santa Rosa, na curva o volante travou e o veículo saiu da pista caindo em um buraco às margens da rodovia capotando na sequência.

No Vectra estavam um casal e uma criança, todos moradores do município, a ambulância foi acionada e a moça que estava no banco do passageiro foi encaminhada para atendimento médico com ferimentos leves, segundo o que foi repassado a nossa reportagem.

Fonte: Portal Nova Santa Rosa.


Paraná estima safra de grãos acima de 40 milhões de toneladas.


O Paraná deverá produzir 40,6 milhões de toneladas de grãos na safra 2019/2020, volume 13% superior ao da safra 2018/2019, em uma área de quase 10 milhões de hectares, segundo relatório mensal divulgado pelo Departamento de Economia Rural (Deral), da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento.

Os números do Deral confirmam os efeitos negativos da severa estiagem pela qual o Estado passa em algumas culturas. É o caso da segunda safra de milho, cuja produção caiu em 1,6 milhão de toneladas com relação à estimativa inicial, que era de aproximadamente 12,8 milhões de toneladas. Estima-se uma perda, considerando os preços a R$ 42,00, de cerca R$ 1 bilhão. “A estiagem pegou a planta em diversos estágios, desde o crescimento vegetativo, até o enchimento de grão. Precisamos esperar para ver o pleno efeito da seca, e não será surpresa se essa perda se aproximar dos 20% em relação ao que se imaginava no começo”, avalia o secretário estadual da Agricultura e do Abastecimento Norberto Ortigara.

A segunda safra de feijão também sofreu o impacto da estiagem e teve perdas em torno de 39%. “A estimativa inicial de produção era de 438 mil toneladas. Agora, espera-se 270 mil toneladas. Por outro lado, os preços estão em alta”, diz o chefe do Deral, Salatiel Turra. Com relação às culturas de inverno, as poucas chuvas registradas no mês maio permitiram a recuperação do atraso da semeadura de aveia branca, aveia preta, trigo e triticale.

“Mesmo com as perdas, nossa expectativa de produção ainda está em 40,6 milhões de toneladas, o que mostra um crescimento e uma recuperação consistente com relação ao que colhemos no ano passado”, acrescenta Ortigara.

SOJA – A safra de soja está encerrada no Paraná, com volume recorde de 20,7 milhões de toneladas, 28% superior ao da safra 2018/2019. Cerca de 82% da produção está comercializada até o momento, o que equivale a 17 milhões de toneladas, um resultado considerado avançado para a época. No mesmo período do ano passado, esse índice era de 50% – cerca de 8 milhões de toneladas. 

Segundo o economista do Deral, Marcelo Garrido, a alta do dólar, acima dos R$ 5,00, tem garantido a competitividade do produto brasileiro no mercado externo.

A comercialização da safra 2020/2021, no entanto, ainda é incerta para os produtores, principalmente por causa da pandemia do novo coronavírus. “Os insumos para a próxima safra serão comprados em dólar. Então, as vendas dependem da relação cambial”, diz Garrido. A saca de 60 kg é comercializada por R$ 94,00, valor 39% maior do que no ano passado, de R$ 70,00.

A segunda safra de soja está colhida – a Portaria 342/2019, da Agência de Defesa Agropecuária, fixa a data de 15 de maio como limite para colheita ou interrupção do ciclo da cultura. De 10 de junho a 10 de setembro, acontece o vazio sanitário da soja, medida necessária para o controle da ferrugem asiática.

MILHO PRIMEIRA SAFRA – A área de 353 mil hectares do milho de primeira safra está totalmente colhida, somando uma produção de 3,5 milhões de toneladas, um crescimento de 12% na comparação com a safra passada e com produtividade recorde de 10 mil quilos por hectare.

MILHO SEGUNDA SAFRA – A segunda safra, que está no campo, deve sofrer os impactos da estiagem de forma mais expressiva na região Oeste do Estado, onde as perdas podem chegar a 900 mil toneladas. Estima-se um aumento de área pouco expressivo, de 1%, e a produção está estimada em 11,3 milhões de toneladas, 12% de perda com relação à estimativa inicial, que era de 12,9 milhões de toneladas, e redução de 15% com relação ao volume produzido na safra anterior.

O Deral aponta uma perda consolidada em 1,6 milhão de toneladas em relação ao relatório de abril. “Mas essa quebra ainda pode chegar a 2,5 milhões de toneladas, de até 20% da estimativa inicial. O volume total de produção, 14 milhões de toneladas, deve ser suficiente para abastecer o mercado paranaense”, explica o técnico Edmar Gervásio. Com estimativa de produção de 100 milhões de toneladas, segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a safra brasileira também deve abastecer o mercado e pressionar os preços.

O período mais intenso da colheita deve começar nos próximos 15 dias, principalmente nos núcleos regionais de Campo Mourão, Toledo e Cascavel. Com isso, será possível ter um panorama mais completo das perdas no campo. “O cenário não é tão bom para a produção, mas os agricultores podem conseguir um bom faturamento”, afirma o técnico. Estima-se que as duas safras de milho devem somar um rendimento de R$ 8 bilhões. A comercialização está em 30%, com os agricultores segurando a produção na expectativa de preços melhores. A saca de 60 kg é comercializada a R$ 42,00, valor suficiente para cobrir os custos de produção e remunerar os produtores.

FEIJÃO SEGUNDA SAFRA – O potencial inicial de produção da segunda safra sofreu perda de 39%. Estima-se agora a produção de 270 mil toneladas, 25% a menos do que na safra 2018/2019.  A área deve ser 10% menor, passando de 248 mil hectares para 222 mil hectares.

O relatório deste mês mostra que as condições de campo estão piorando. Atualmente,  apenas 17% das lavouras estão em boas condições, indicando queda na qualidade do grão. Outros 59% estão em condições médias e 32% ruins.

A saca de 60 kg do feijão-cores está em R$ 300,00, e a do feijão-preto  cerca de  R$ 211,00. “Os preços em alta poderiam indicar um rendimento mais expressivo para o produtor, mas a produção não acompanhou o crescimento”, diz o engenheiro agrônomo do Deral, Carlos Alberto Salvador. Atualmente, o Paraná tem 69% da área colhida, índice semelhante ao do ano passado, que era de 65% no mesmo período.

FEIJÃO TERCEIRA SAFRA – A área da terceira safra, cujo plantio iniciou em março, está estimada em 2 mil hectares, com produção de 2 mil toneladas. A produtividade está baixa – 1236 kg/ha neste momento.

CEVADA – A cevada está entre as culturas não afetadas significativamente pela estiagem. No relatório do mês de maio, o Deral indica um reajuste positivo na estimativa de área – de 62,6 mil hectares para 65 mil hectares, 8% a mais do que a área da safra 2018/2019.

No núcleo regional de Guarapuava, que lidera a produção estadual, o aumento na área plantada deve ser de 14% – 37,5 mil hectares. Na região de Ponta Grossa, que representa 27% da área paranaense, devem ser plantados 17 mil hectares.

Segundo o Deral, a produção total pode ser 23% maior do que no ano passado, atingindo 299,3 mil toneladas.  No núcleo regional de Ponta Grossa, 1% da área está plantada, em torno de 170 hectares. “De maneira geral, o plantio da cevada no Paraná vai ficar mais intenso a partir da segunda quinzena de junho”, diz o engenheiro agrônomo Rogério Nogueira.

A comercialização chegou a 30%, que representa metade da área de plantio no núcleo regional de Guarapuava.

TRIGO –  Estima-se  uma área de 1,09 milhão de hectares de trigo no Paraná, 6% superior à área da safra passada, e produção de 3,5 milhões de toneladas, 65% maior. No entanto, o levantamento dos técnicos aponta problemas pontuais na cultura no último mês.

As poucas chuvas registradas em maio, principalmente na região Norte, afetaram a uniformidade na maturação das plantas, com impacto na qualidade do trigo. Já em Toledo, onde choveu significativamente, algumas lavouras talvez precisem ser replantadas.

“Se tudo correr bem a partir de agora, o Paraná pode atingir a estimativa de produção, apesar das condições não tão boas em algumas lavouras, se compararmos com anos anteriores”, explica o engenheiro agrônomo Carlos Hugo W. Godinho.

O índice de plantio chegou a 63% neste mês e pode acelerar mais nos próximos dias. “Esse percentual é bastante representativo e compensa o atraso que havia no Estado”. O plantio do trigo na região Centro Sul, que começa em junho, precisa de mais chuvas para garantir um bom andamento.

A cultura  mantém preços favoráveis. Nesta semana, o valor da saca de 60 kg atingiu R$ 63,00 em algumas praças.

Em virtude dos bons preços, a comercialização tem aumento de 5% para contratos futuros. Porém, grande parte da comercialização dos moinhos vem de fora. Com as perdas registradas nas três últimas safras, os moinhos precisaram comprar mais de outros países, num momento em que o dólar está num patamar alto. “A preocupação agora é com a competitividade entre o trigo e o milho na indústria de ração, já que a moagem de milho para etanol caiu 50% e o país tem mais oferta no mercado”, acrescenta o agrônomo.

CAFÉ – A seca teve consequências severas para o café paranaense, com índice de chuvas aproximadamente 30% abaixo do normal. Em maio, tanto a estiagem quanto a situação de pandemia, na questão da movimentação de trabalhadores no campo, influenciaram a cultura. “Até agora, não temos informação de falta de mão de obra, mas o pico da colheita será em junho e julho, e será preciso avaliar um possível impacto”, diz o economista do Deral, Paulo Franzini.

A produção esperada é de 56,3 mil toneladas, volume semelhante ao da safra passada, em uma área de 36,1 mil hectares, uma redução de 2% na comparação com a safra 2018/2019.

Os preços do café apresentam uma recuperação, depois de valores baixos em 2018 e 2019, quando os produtores tiveram dificuldade para se manter na cultura e reduziram os investimentos. Em abril, a saca de 60 kg foi comercializada por R$ 490,00. Há um ano, o valor era de R$ 360,00.

A safra 2018/2019 tem 97% da produção comercializada. “No ano passado, os produtores adiaram a comercialização para não vender com preços baixos. Mas, neste ano, a tendência é de que as vendas aconteçam mais cedo”, explica Franzini.  As lavouras estão em boas condições nesta safra, em função do inverno mais seco e das chuvas de setembro do ano passado.

MANDIOCA – A produção nacional de mandioca deve atingir 18,6 milhões de toneladas nesta safra, 1,1% a menos que no ano passado. O Paraná é o segundo principal produtor, atrás do Pará, mas lidera a produção da fécula, com aproximadamente 60% do volume brasileiro. O Estado também concentra o maior parque industrial tanto de fécula quanto de farinha.

A área paranaense é de 140 mil hectares, e o Estado deve colher cerca de 3,4 milhões de tonadas de mandioca em raiz. A produção está essencialmente nos núcleos regionais de Paranavaí – onde está a maior concentração de indústrias de fécula, Umuarama, Campo Mourão e Toledo.

Aproximadamente 30% da safra 19/20 está colhida. “Com as poucas chuvas de maio, a umidade do solo está resolvida para a colheita e também para o início do plantio em algumas regiões”, diz o economista Methodio Groxko. A tonelada de mandioca está sendo comercializada por aproximadamente R$ 320,00, valor semelhante ao do mesmo período do ano passado. Porém, o recente aumento do custo da mão de obra desequilibra essa reação. A pandemia da Covid-19, que diminuiu o consumo de alguns alimentos, fez reduzir a demanda por fécula, que deve ser recuperada quando a circulação de pessoas no comércio normalizar.

Fonte: Assessoria com CGN.


Bolsonaro coloca militar indicado pelo Centrão no comando da Funasa.

Bolsonaro vai vetar aumento de pena por injúria na internet

Em nova parceria entre militares e políticos do Centrão, o governo federal trocou o comando da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e nomeou nesta sexta-feira, 29, o comandante da Polícia Militar de Minas Gerais, coronel Giovanne Gomes da Silva, para a presidência do órgão. O nome foi uma indicação do deputado Diego Andrade (PSD-MG), em negociação capitaneada pelo presidente da sigla, o ex-ministro Gilberto Kassab.

Como mostrou o Estadão, a ala militar do Palácio do Planalto, até então crítica à chamada “velha política”, tem negociado a entrada de partidos do bloco no governo. Os acordos, com aval do presidente Jair Bolsonaro, têm sido capitaneados pelo ministro-chefe da Secretaria de Governo e general da ativa, Luiz Eduardo Ramos. O ministro-chefe da Casa Civil, Walter Braga Netto, também general, eventualmente participa das conversas que ocorrem dentro do Palácio do Planalto. O encontro dos dois extremos foi apelidado em Brasília de “Centrão Verde-Oliva” e acumula discórdia e desconfiança em todos os lados.

O coronel Silva entra no lugar de Marcio Sidney Sousa Cavalcante, exonerado hoje e que estava no posto desde o dia 9 de março. A Funasa é cobiçada por ser responsável por obras de saneamento básico em todo País. O órgão tem orçamento de R$ 3,13 bilhões para 2020.

Em live nas redes sociais na quinta-feira, 28, Bolsonaro reconheceu que negocia distribuição de cargos com partidos. “A imprensa sempre reclamou de mim que eu não tinha diálogo, que não conseguia atingir a governabilidade. De dois meses para cá eu decidi que tinha que ter uma agenda positiva para o Brasil, e comecei a conversar com os partidos de Centro também. Em nenhum momento nós oferecemos ou eles pediram ministérios, estatais ou bancos oficiais”, disse o presidente.

Além da Funasa, Bolsonaro já entregou o comando do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs) ao Progressistas e a secretaria de Mobilidade Urbana do Ministério do Desenvolvimento Regional ao PL.

O PSD integra o Centrão, mas há resistências internas sobre o apoio ao governo Bolsonaro. “Respeito a decisão da maioria do PSD da Câmara de aliar-se ao governo federal. Peço, porém, que respeitem a minha posição no sentido de não concordar com essa postura”, escreveu o deputado Fábio Trad (PSD-MS) no Twitter, nesta sexta-feira, 29. “Eu não acredito em um governo que hostiliza a democracia. Continuarei independente e crítico em favor do país.”

Diego Andrade, padrinho da indicação na Funasa, é sobrinho do ex-senador Clésio Andrade, condenado no chamado mensalão mineiro, esquema que levou à cadeia o ex-governador de Minas Eduardo Azeredo (PSDB).

Ministério da Saúde

Também nesta sexta-feira foi nomeado o segundo-tenente do Exército Vilson Roberto Ortiz Grzechoczinski como coordenador distrital de Saúde Indígena no Distrito Sanitário Especial Indígena Potiguara da Secretaria Especial de Saúde Indígena. Ele assume o cargo em substituição a Helena Aguiar Rodrigues.

Desde o mês passado, o governo vem nomeando servidores militares em cargos estratégicos do Ministério da Saúde. A primeira nomeação de destaque foi a do general Eduardo Pazuello, que inicialmente assumiu o cargo de secretário-executivo do ministério na gestão do então ministro Nelson Teich. Com a saída de Teich do governo, no último dia 15, Pazuello se tornou o ministro interino da pasta.

FONTE: CGN.