Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

terça-feira, 23 de abril de 2019

23/04/2019 *--* Deus é Fiel !!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.


Vereadora Arlete diz que camionete do Rio do Tigre continua quebrada em Santa Maria do Oeste.

                             Resultado de imagem para vereadora Arlete de Santa Maria do Oeste
Na sessão da Câmara de vereadores de ontem dia 22/04/2019, a vereadora Arlete comentou que a camionete do Rio do Tigre teria chegado da oficina que estava la  já faz um tempo. 

A mesma estava parada no Posto de Saúde a vereadora perguntou por que não teria encaminhado a camionete para sua localidade ai foi surpreendida com a informação que ela não estava em condições de voltar pois já estava com defeito de novo.

Esta camionete é a que transporta moradores doentes a vereadora estava indignada e pede as providencias o mais rápido possível para que os moradores do Rio do Tigre não seja prejudicado.

Sendo que o vereador Pintado já teria cobrado também na sessão passada.


Filho ameaça a mãe de morte em Pitanga e acaba preso.

Resultado de imagem para giroflex gif

No dia 22 de abril de 2019, ás 18h00min relatou a solicitante que seu filho de 18 anos foi até sua loja e começou ameaçá-la de morte. No local, a equipe entrou em contato com a vítima a qual confirmou que seu filho a ameaçou e danificou seu aparelho celular. Também relatou a equipe que tem uma medida protetiva em desfavor dele. Diante dos fatos a equipe logrou êxito em localizar o autor na loja da frente e deu voz de prisão. Vítima e autor foram encaminhados para a 45ª DRP para as providencias.
Fonte Policia Militar 

Homem danifica a porta do Hospital em Manoel Ribas e acaba preso pela Policia Militar.

Imagem relacionada

Por volta das 19h50min, a equipe foi acionada pelo segurança do hospital municipal de Manoel Ribas, o qual relatou que um indivíduo havia danificado a porta do referido hospital. A equipe deslocou até o local onde constatou o fato, porém o mesmo havia se evadido, foram feitas diligências e o localizado na Rua Cândido de Abreu, sendo então conduzido para a delegacia de Pitanga para providências.
Fonte Policia Militar 



Garota de 13 anos morre em acidente na BR-277, em Morretes.


Uma colisão traseira foi registrada na manhã desta terça-feira (23) no quilômetro 43, na BR-277, em Morretes.
A batida envolveu dois caminhões. Em um dos veículos estavam o condutor e três menores de idade.
Segundo a Polícia Rodoviária Federal, uma garota de 13 anos faleceu no local. As outras duas crianças precisaram ser encaminhadas para atendimento hospitalar.
Por conta do acidente, o trânsito ficou prejudicado no trecho e havia congestionamento de aproximadamente oito quilômetros por volta de 08h31.
O Instituto Médico Legal foi acionado para remoção do corpo da vítima, que passaria por necropsia para posterior liberação aos familiares.
Fonte CGN

Motorista de Ampére morre em grave colisão envolvendo caminhões na BR – 277.


A Polícia Rodoviária Federal registrou um acidente na manhã desta segunda-feira (22), no km 634 da rodovia BR-277, em Céu Azul, na região oeste do Paraná. De acordo com a PRF, a colisão traseira envolveu dois caminhões.

Um dos caminhões tinha placas de Ampére. O motorista André Maculam, ficou preso nas ferragens e morreu no local do acidente. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Cascavel. O outro motorista teve ferimentos leves.

Ainda, segundo a PRF, o trânsito precisou ser desviado pela via marginal durante o atendimento.

Fonte PPNEWS



Criança de 11 anos e estudante da UFPR morrem em batida de carro e acidente causa comoção.


A morte de dois moradores de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, causou comoção nas redes sociais nesta segunda-feira (22). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a estudante universitária Fabíula Taborda de Oliveira, de 20 anos, e o pequeno Diogo Bohn Guimarães, de 11, retornavam do Rio Grande do Sul para o Paraná quando acabaram morrendo em uma batida frontal de carro na BR-285, em Vitória das Missões, ainda no estado gaúcho.

O acidente aconteceu por volta das 10h30 deste domingo (21). Segundo a PRF, Fabíula e Diogo estavam em um veículo Sandero que voltava para São José dos Pinhais quando o motorista teria perdido o controle. Com a invasão da pista contrária, o carro deles bateu contra um Ford Ka. Uma terceira pessoa acabou morrendo após ser socorrida no local. Foi um idoso de 89 anos, que seria o motorista do Ka.

Fabíula cursava Terapia Ocupacional na Universidade Federal do Paraná (UFPR). A instituição divulgou uma nota para lamentar o acidente. “Todo conforto, carinho e solidariedade aos amigos e familiares. A UFPR e a PRAE (Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis) estão à disposição e oferecem plantões psicológicos para auxiliar, de alguma forma, neste momento de dor”, informou.

O colégio de Diogo, o Tradição de São José dos Pinhais, também lamentou a batida. “É com profunda tristeza que comunicamos que neste domingo o nosso aluno Diogo Bohn Guimarães, do 6° ano A, veio a falecer em um acidente de carro.

Desejamos força e conforto para o coração de sua mãe Marlise e de toda sua querida família, bem como das famílias das outras vítimas do acidente. Todas as nossas orações estão com eles neste momento de dor”, disse.

Os corpos das vítimas foram transportados para São José dos Pinhais e foram velados nesta segunda, na Capela Municipal Natalina Berti.
Fonte Banda B


Padrasto que torturou enteada de 13 anos diz que fez isso para educá-la.


Os desembargadores da 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC) mantiveram a condenação de um homem morador de Correia Pinto, no Planalto Serrano, que torturou a enteada de 13 anos com um pedaço de fio elétrico, um cabo de vassoura de metal e uma cinta. Ele foi sentenciado à pena de dois anos e quatro meses de reclusão, em regime inicialmente aberto. O julgamento ocorreu no dia 16 passado. As informações foram divulgadas pelo Tribunal de Justiça – (Apelação Criminal n. 0000597-80.2014.8.24.0083).

De acordo com o processo, a vítima sofreu equimose na região dos olhos, contusão com edema na orelha, contusão com escoriações e edema nas costas, mamas, região lombar, glúteo, coxas, braços e pernas. As agressões, segundo a acusação feita pelo Ministério Público do Estado, “foram tão intensas que o cabo da vassoura quebrou”.

Os autos revelam que o réu segurou a vítima pelo pescoço e lhe desferiu tapas na orelha. “Talvez eu tenha exagerado um pouco, mas fiz para educá-la”, disse ele em depoimento à polícia, antes de ser preso.

Segundo o processo, em 11 de junho de 2014, por volta das 20h45min, o homem e sua mulher foram a um culto religioso. Mas ele voltou para casa porque, segundo disse, esqueceu a carteira. Ao chegar, sempre de acordo com a ação, encontrou a enteada com um colega de escola. Eles assistiam tevê. O rapaz conseguiu fugir, mas ela não. Depois das agressões, o homem, que se diz “muito religioso”, retornou ao culto.

A adolescente foi à casa de uma amiga e depois ao hospital para tratar os ferimentos. A conselheira tutelar, que esteve no pronto-socorro, afirmou: “Ela estava machucada desde o dedo do pé até a orelha, literalmente. Nunca tinha visto nenhuma situação tão grave.”

Dias depois, a mãe da vítima, mulher do agressor, disse à polícia que a relação familiar sempre foi tranquila e que, até então, não havia registro de violência física.

“Minha filha prometeu que não fará isso novamente, ela está bem arrependida em ter desobedecido a uma ordem (de não receber colegas da escola em casa) e quer pedir perdão para o padrasto, ela quer que voltemos a viver juntos novamente.”
A defesa tentou, sem sucesso, que o homem fosse julgado por crimes que estabelecem, em tese, penas menos duras, como maus-tratos ou lesões corporais no âmbito doméstico.

Porém, de acordo com o desembargador Júlio César Ferreira de Melo, relator da apelação, “as provas não deixam dúvida de que o agressor praticou o crime previsto na Lei 9.455/1997, conhecida como Lei da Tortura”.

“Impossível seria supor que um indivíduo que agride incessantemente uma adolescente com tapas, cinta, fio elétrico de extensão e cabo de vassoura de metal até rompê-lo teria apenas se ‘excedido’ nos meios de correção educacional, sem almejar seu intenso sofrimento físico”, anotou o magistrado.
Ele classificou as agressões físicas e psicológicas como “bestiais e brutais” e determinou que o homem comece a cumprir a pena imediatamente.

Além do relator, participaram do julgamento os desembargadores Getúlio Corrêa e Leopoldo Augusto Brüggemann. A decisão foi unânime. A sentença foi proferida pelo juiz Gustavo Bristot de Mello.
Fonte Banda B


Governo anuncia acordo sobre custo do diesel e caminhoneiros descartam paralisação.


SÃO PAULO, SP, E BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) – Depois de quatro horas de reunião, dirigentes das onze principais centrais sindicais de caminhoneiros autônomos conseguiram fechar um acordo com o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas.

Em resposta ao último reajuste do diesel nas refinarias, os caminhoneiros presentes defendiam uma paralisação no dia 29. Após a negociação, a greve foi suspensa.

O governo se comprometeu a implementar a política de frete mínimo e, a partir desta terça-feira (23), os caminhoneiro terão poder de denunciar ao ministério, sem risco de penalidades, as empresas que descumprirem a política de preço mínimo.
“De fevereiro para cá já teve o reajuste de mais de 10% nas bombas e o gatilho não foi acionado. Ele [Freitas] se comprometeu a resolver isso essa semana”, disse.

Hoje, quando reportam as infrações para a ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), os caminhoneiros também são multados. O valor é R$ 550. Pelo acordo fechado nesta segunda-feira (22), eles estarão livres dessa autuação.

“Teremos mais poder de pressão agora”, disse Carlos DelloRarosa, presidente do Sindicam (Sindicato dos Transportadores Rodoviários Autônomos de Bens) de Londrina (PR).

Segundo Dellarosa, os caminhoneiros não poderão ameaçar as empresas, mas poderão fazer o transporte sem risco de serem autuados. “Não tinha cabimento”, disse.

“Eu carrego o meu caminhão, se o embarcador não me pagar o piso, pego os documentos, ligo para o sindicato, que faz uma cópia desses papéis e um protocolo, depois leva direto para o ministério da Infraestrutura, ao invés de levar para a ANTT”, afirmou o caminhoneiro de Curitiba (PA) Wanderlei Alves, conhecido como Dedéco.

Depois de passar pela análise do ministério, ainda segundo o caminhoneiro, a denúncia seguirá para a agência de transportes efetuar a multa em até 30 dias.
De acordo com o presidente da CNTA (Confederação Nacional dos Transportes Autônomos), Diumar Bueno, durante o encontro, o ministro Tarcísio gravou um vídeo que foi disparado pelas redes de Whatsapp dos representantes sindicais. Nela, o ministro se compromete em cumprir o acordo.

Logo em seguida, os cerca de 30 representantes sindicais ligados à CNTA dispararam o vídeo para os caminhoneiros desmobilizando a paralisação.

Em vídeos da reunião obtidos pela reportagem, um dos caminhoneiros presentes exige que o ministro dê uma resposta imediata sobre o preço do diesel. O ministro então afirma que não existe uma “fada madrinha, que bate com a varinha de condão na Petrobras e sai o óleo diesel. Nós importamos derivados [de petróleo]”.

Trégua

A trégua deve durar cerca de dois meses, segundo Bueno, prazo para que o governo consiga implementar a nova política de frete mínimo, que terá novos padrões de cálculo. O novo critério está sob consulta pública.

“Até lá, valerá a regra vigente”, disse Bueno. “O ministro se comprometeu a repassar para o frete todos os reajustes feitos pela ANTT desde o início do ano.”
Segundo ele, os cálculos ainda serão feitos, mas estima-se que o piso do frete deve sofrer uma alta entre 10% e 17%.

O frete mínimo foi estabelecido em maio de 2018 como forma de pôr fim à paralisação dos caminhoneiros e estabelece que, sempre que a alta for superior a 10%, será repassada ao frete. Bueno disse ainda que a negociação vale para os caminhoneiros autônomos.

A afirmação explica o descontentamento da categoria com as negociações que o governo vinha mantendo com líderes de caminhoneiros ligados a empresas.
Fonte Banda B

STJ julga nesta terça-feira recurso de Lula contra condenação no caso tríplex.


A defesa de Lula pediu ao STJ que seja anulada a condenação do petista no caso do triplex do Guarujá, que levou o ex-presidente à prisão, sentenciado a 12 anos e um mês pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. Os advogados de Lula defendem que o órgão competente para julgar o caso é a Justiça Eleitoral
Em derrota para a Lava Jato, o Supremo Tribunal Federal decidiu no mês passado que crimes como corrupção e lavagem devem ser julgados na Justiça Eleitoral se estiverem relacionados a caixa 2 de campanha.
Embora o petista não tenha sido condenado por caixa dois, a defesa alega que o processo menciona suspeitas de crime eleitoral, de que Lula teria liderado um esquema de arrecadação de valores a partidos políticos, que custearia campanhas eleitorais.
A possibilidade de Lula pedir a anulação do processo em função da decisão do STF já tinha sido aventada pela força-tarefa da Lava Jato, que foi contrária ao entendimento da Suprema Corte.
“Ainda que formalmente não tenha sido imputado ao Recorrente delito previsto no Código Eleitoral, materialmente é esse o contexto fático, pelo qual se extrai que toda a instrução processual foi realizada perante órgão jurisdicional absolutamente incompetente para tanto”, alega a defesa de Lula.
O relator é ministro Felix Fischer, que já negou outros pedidos do petista.
Fonte Banda B