Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

04/12/2019 *--* Deus é Fiel !!!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.



Jovem de 29 anos é preso em Pitanga na PR – 466, com mandado da vara de família de Londrina – PR.

Resultado de imagem para giroflex

  Na data de 03 de dezembro de 2019 as 10h00min a equipe tomou ciência que um masculino de 29 anos possuia um Mandado de Prisão em seu desfavor, expedido pela 3ª Vara de Família de Londrina, sendo então deslocado até um estabelecimento comercial na Rodovia PR - 466 onde foi localizado o masculino, e dado fiel cumprimento ao Mandado de Prisão, sendo conduzido o mesmo até a 45ª DRP para os demais procedimentos. 

Fonte: Polícia Militar.



Mulher é assaltada quando voltava de festa de aniversário em Guarapuava e Bandidos ameaçam sua filha e levam celular.


Por volta das 07h15min do dia 03 dez. 19, uma equipe de Rádio Patrulha, deslocou até a Rua Floriano Guiné, Bairro Morro Alto, no local, a vítima relatou que nesta data, por volta das 05 horas, quando retornava de uma festa de aniversário, dois homens encapuzados, fazendo menção de estar armados, lhe deram voz de roubo e levaram um aparelho de celular marca Samsung, modelo A58, cor azul. Relatou que tentou evitar o roubo, porém os mesmos lhe desferiram socos e tapas na face. Que os autores falaram para a solicitante não chamar a polícia, pois os mesmos conheciam sua filha, ameaçando-a. Orientado quanto aos procedimentos.

Fonte: Polícia Militar.



mulher e duas crianças ficam feridas em capotamento.



Um acidente de trânsito no inicio da noite de terça-feira (03), na PR-483 em Francisco Beltrão deixou uma mulher e duas crianças feridas.

O veículo Jetta emplacado em Francisco Beltrão saiu da pista no trevo de acesso a Manfrinópolis e acabou capotando.

A condutora de 32 anos e dois filhos de 7 e 5 anos sofreram ferimentos leves e foram encaminhados a UPA para atendimento médico.

Samu, Corpo de Bombeiros e Polícia Rodoviária Estadual foram acionados para atender a ocorrência.

Foto: Ivânia Bonatto / Fonte: Diário da Informação.



Acidente é registrado na PR-495, região de Santa Helena.



No final da tarde desta terça-feira (3), foi registrado um acidente de trânsito na PR-495, no Pacuri, entre o distrito de Moreninha e Esquina Céu Azul, em Santa Helena.

Segundo informações, o condutor de 35 anos seguia com o veículo KIA Sportage pela rodovia, sentido Moreninha a Santa Helena, quando na curva do Pacuri perdeu o controle do veículo devido às pedras que estavam sobre a pista, parando em meio à plantação.

Felizmente, ninguém se feriu e apenas danos materiais foram contabilizados.

Fonte: Site Correio do Lago.



Mulher e criança, passageiros de veículo Parati, ficam feridas em capotamento na PR-495 em Medianeira.



Um capotamento de veículo foi registrado na tarde desta terça-feira (3) na rodovia PR-495, nas proximidades do trevo da comunidade de Maralucia, em Medianeira.

O fato foi registrado por volta das 16h20 e envolveu um veículo VW Parati com placas de Medianeira.

Segundo relato do condutor do veículo, ele trafegava sentido Missal à Medianeira e, devido à chuva, teria perdido o controle da direção, vindo a rodar no asfalto, sair da pista e capotar ao lado da via.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e prestou socorro à uma mulher e uma criança, que eram passageiros do carro, as quais foram encaminhadas para atendimento médico com ferimentos leves. Já o condutor não se feriu e dispensou atendimento.

Fonte: Guia Medianeira.



Por pedido da Procuradoria da Mulher, vítimas de violência doméstica poderão solicitar assessoria jurídica mais cedo.



Em breve, mulheres poderão solicitar advogado dativo ou defensor público no momento em que pedirem a medida protetiva - e não só a partir da primeira audiência como ocorre hoje.

Através de um pedido da Procuradora da Mulher da Assembleia Legislativa do Paraná, deputada estadual Cristina Silvestri (Cidadania), a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SESP) deu sinal verde para a inclusão de um item no formulário de solicitação de medida protetiva que trará benefícios jurídicos às mulheres vítimas de violência. Em breve, elas poderão sinalizar, já no momento em que realizam a solicitação, se possuem interesse em ter acompanhamento de defensores públicos ou advogados dativos, ou seja, aqueles profissionais que atuam em casos de vítimas que não possuem condições financeiras de contratar um especialista.

“É uma medida que traz um benefício incalculável à mulher vítima de violência. Hoje, mulheres que não têm a possibilidade de contratar um advogado particular só recebem assessoria jurídica do poder público no momento da primeira audiência. O apoio especializado permite que a vítima esclareça dúvidas, receba informações sobre situações de risco e acompanhe o andamento do seu caso”, explicou Cristina.

Esta foi a primeira pauta da Procuradoria da Mulher da Assembleia, que começou a ser trabalhada pela deputada Cristina poucos dias após a instalação do órgão em julho deste ano. A demanda surgiu através de uma reunião da Comissão de Estudos sobre Violência de Gênero (CEVIGE) da OAB Paraná junto à procuradora da mulher na Assembleia. Para a sua viabilização, a parlamentar realizou reuniões na Secretaria de Segurança Pública, Coordenadoria de Delegacias da Mulher do Paraná (CODEM) e, também, no Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR).

Segundo despacho enviado à Procuradoria da Mulher da Alep, a inclusão do item solicitado está sendo alinhada pelos órgãos superiores da Polícia Civil e Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (CELEPAR) para definição do modelo de documento e sua respectiva implantação nos sistemas policiais.

“É uma grande conquista para todas as paranaenses. Este procedimento será adotado em todas as situações em que a mulher vítima de violência doméstica e/ou familiar der início a um inquérito policial, sendo assim, esta medida não atingirá apenas as Delegacias da Mulher, mas também as cidades onde não existam estas unidades especializadas”, finalizou Cristina, relembrando que a Procuradoria continuará acompanhando o caso para a inclusão efetiva do item no formulário de medida protetiva.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Gabinete da Deputada Estadual Cristina Silvestri  na Assembleia Legislativa do Estado do Paraná.



Senadores vão pedir para CCJ votar 2ª instância na semana que vem.



Senadores que defendem a prisão após condenação em segunda instância vão pedir a votação da proposta na próxima quarta-feira, 11, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, apesar da movimentação da Câmara.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), deve instalar nesta quarta-feira, 4, uma comissão especial para analisar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que tramita na Casa. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), por sua vez, quer esperar os deputados aprovarem um texto para só depois pautar a proposta.

A estratégia de Alcolumbre desagradou a seus aliados. Além disso, o líder do Podemos no Senado, Álvaro Dias (PR), afirmou que os senadores entregarão um abaixo assinado para a presidente da CCJ, Simone Tebet (MDB-MS), pedindo a votação da proposta no dia 11.

Simone Tebet quer que o Senado vote uma proposta independentemente da Câmara, mas condiciona o movimento a um acordo. Como vários líderes estão articulando o adiamento da discussão para dar prioridade à PEC da Câmara, os senadores favoráveis à execução antecipada da pena incentivaram um movimento de revolta dos liderados.

Ainda nesta terça-feira, 3, um grupo de deputados e senadores lançou a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Prisão em Segunda Instância. A estratégia é cobrar a tramitação rápida de propostas no Congresso que possibilitem a prisão de condenados em segundo grau.

Fonte: CGN.