Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

sábado, 29 de fevereiro de 2020

29/02/2020 *--* Deus é Fiel !!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.



Jovem de 23 anos, sem habilitação furta veículo em Pitanga e, é preso dirigindo o carro furtado em possível estado de embriaguez.


Na data de 29 de fevereiro de 2020, por volta das 01h40min, à equipe em patrulhamento pela Rua Fernando Amaro, bairro Maristela momento em que foi abordada pelo Sr. **, qual transitava pé pela via, relatando que teria ido até o ''bar da *** situado próximo ao estádio Alto da Colina, estacionando seu carro em frente ao bar, onde após poucos instantes que teria ficado dentro do estabelecimento, notou que seu veículo havia sido furtado, não visualizando o(s) autor (es). Relatou ainda que seu carro seria um VW-Gol, de cor vermelha. Munida de tais informações, a equipe policial iniciou patrulhamentos por diversos pontos da cidade, momento em que foi visualizado um veículo VW- Gol, placa **-** com características semelhantes às repassadas pelo Sr. **, saindo da avenida universitária, atravessando a PR-466 sentido centro, em alta velocidade, qual após visualizar a presença da equipe, qual estaria próximo ao posto de Policia Rodoviário (BPRV) empreendeu fuga, se dirigindo sentido bairro São Basílio, avançando diversas preferenciais, somente logrando êxito na abordagem ao referido veículo na Rua Amazilio Landegraf, momento em que o passageiro, ainda com o veículo em movimento abriu a porta e empreendeu fuga pulando alguns muros de casas próximas ao local da abordagem, saindo também do local outras duas mulheres, sendo somente logrado êxito em abordar o seu condutor identificado posteriormente como ***, 23 anos, qual também tentou se evadir da equipe, não acatando as ordens policiais e a todo momento colocando suas mãos na região cintura, fazendo a menção de estar armado. Diante disso, após efetuar a revista pessoal ao mesmo, não sendo nada de ilícito localizado. ** ainda resistiu a sua prisão, momento este que foi necessário o uso progressivo da força para sua contenção, bem como o uso de algemas. Diante disso, após ** apresentar diversos sinais de embriaguez, dentre eles olhos avermelhados, hálito com odor etílico e fala distorcida, foi oferecido ao mesmo o teste etilométrico, qual se recusou a fazer, sendo então lavrado o termo de constatação por sinais de embriaguez. Também realizado consulta operacional pelo sistema Sesp/Intranet, qual constou que ** não possui carteira nacional de habilitação. Em ato contínuo a equipe deslocou até a 45ª DRP de Pitanga, onde no momento da chegada se fazia presente o Sr. **, proprietário do veículo, reconhecendo-o como de sua propriedade, sendo o veículo recuperado e o condutor ** entregues na citada delegacia de Polícia Civil.

Fonte: Policia Militar.



Homem tem caminhonete Ford - F-250 apreendida por pendências administrativas em Manoel Ribas


Por volta das 00h30min, a equipe se encontrava em patrulhamento na Rua 7 de Setembro, próximo à Praça interventor Manoel Ribas, quando o veículo Ford F-250 de placas ** ao visualizar a viatura empreendeu fuga. Momento em que foi iniciado acompanhamento tático, e cerca de 1000 metros depois, na Rua Rui Barbosa, foi logrado êxito na abordagem. O condutor se tratava da pessoa de **, CNH ** que quando indagado se teria ingerido bebida alcoólica, o mesmo confirmou que sim; ainda que no interior e caçamba do veículo haviam diversas latas e garrafas de bebidas alcoólicas. Quando oferecido, **** aceitou realizar o teste etilométrico, diante disso foi deslocado até o posto de Polícia Rodoviária Estadual de Pitanga para a realização do mesmo. Foi utilizado o aparelho **, onde foi aferido o valor de **l. Diante do exposto foram lavrados os autos de infração pertinentes e o veículo recolhido ao pátio do DPM de Manoel Ribas devido a pendências administrativas.


Fonte: Policia Militar.



Menor detido com carro furtado já tem passagens por homicídio e latrocínio



Na sexta-feira (28) a Polícia Militar recebeu informações de um veículo Voyage, cor branca, estava fazendo manobras perigosas, na Linha Vista Alegre e teria deslocado sentido a cidade de Barracão.

Os policiais foram até o local e nas proximidades da Linha São José, encontraram um suspeito com as mesmas características andando a pé. Ele foi abordado e reagiu com socos e pontapés contra os policiais, sendo dominado e algemado.

Ao ser identificado, os policiais constataram que ele possui diversas passagens por homicídio, latrocínio (roubo seguido de morte), e diversos furtos. O menor havia abandonado o veículo que ficou sem combustível.

O veículo havia sido furtado na noite de quinta-feira e estava com diversas ferramentas no seu interior. Ele disse que vendeu as ferramentas na Linha Tarumã, Bom Jesus do Sul, em um estabelecimento comercial.

A esposa do proprietário do estabelecimento disse que seu marido comprou algumas ferramentas por R$ 30,00. Os demais objetos foram encontrados na casa do menor.

Após os procedimentos, o menor, o veículo recuperado e as ferramentas foram entregues na delegacia da Polícia Civil de Barracão.

Fonte: CGN.



Coveiro é encontrado morto em cemitério.


Policiais militares e socorristas do Siate foram acionados na tarde desta quinta-feira (27), para atenderem uma ocorrência no interior do Cemitério de Rolândia, onde um homem foi encontrado caído com ferimento na região da cabeça.

Na chegada ao local, os socorristas constataram que a vítima, identificada como V. R., de 47 anos, já estava sem vida. Segundo informações, o homem trabalhava no local como coveiro havia pelo menos 30 anos.

A vítima estava caída e na região do supercílio foi constatado um ferimento. Uma equipe da Polícia Civil esteve no local e logo após os trabalhos investigativos, o corpo foi recolhido por uma funerária e levado para o Instituto Médico Legal de Londrina.

As causas da morte serão apuradas pela Polícia Civil.

Fonte: Londrina News.



Mulher tem parte do braço esmagado durante acidente de trabalho.


Uma mulher de 60 anos sofreu um esmagamento de membro quando operava uma máquina de fazer pães em uma empresa no Parque Industrial em Ibiporã.

O acidente de trabalho foi registrado durante a tarde desta quinta-feira (27), na Rua Guará com a rodovia BR 369, saída para Londrina.

Socorristas do Siate e equipe médica do Samu estiveram no local para atender a vítima que foi identificada como L. C. S.. Na chegada do socorro ao local, a mulher encontrava-se com o antebraço esmagado e preso a máquina. Uma unidade do Siate de Londrina atendeu a vítima, devido a ambulância dos bombeiros da cidade estar em atendimento a outra ocorrência.

A mulher precisou ser levada ao Hospital Evangélico em Londrina devido aos graves ferimentos.

Fonte: Londrina News.



Ladrões assaltam mercearia e roubam R$ 1.300 usando cabo de estilingue como arma.


Dois indivíduos realizaram um assalto na Mercearia São José, na Rua Professor Willians, em Moreira Sales, onde deram voz de assalto ao dono do estabelecimento e roubaram R$ 1.300,00 em dinheiro.

A vítima disse que foi ameaçada com um objeto escuro, que parecia uma arma.

Mais tarde, com a prisão dos ladrões, se descobriu que a “arma” era um cabo de estilingue.

A equipe da Polícia Militar foi acionada e passou a realizar diligências, recebendo a informação de que um indivíduo teria participado do assalto, mas ele não estava em sua casa.

Na continuidade, os policiais abordaram outro indivíduo, em atitude suspeita, que foi reconhecido como um dos assaltantes.

Quando o boletim de ocorrência já estava sendo finalizado, o pai do outro assaltante entrou em contato com a polícia, dizendo que o filho queria se entregar e devolver R$ 500,00 que era a sua parte no roubo.

Depois disso, o primeiro detido também resolveu confessar o crime e devolveu R$ 600,00.

Os dois indivíduos, com idade de 22 e 25 anos, foram encaminhados para a Delegacia de Polícia de Goioerê, para as providências cabíveis.

Fonte: Goio News


Motociclista morre após colidir em caminhonete e em poste.


Um motociclista de 29 anos morreu após se envolver em um acidente com uma caminhonete na Rua Firmino Almeida Tavares, no Conjunto Parigot de Souza II, na zona norte de Londrina. O acidente aconteceu na noite desta quinta-feira (27).

Segundo informações, os veículos seguiam no mesmo sentido, quando o condutor da caminhonete iria realizar uma conversão à direita, o motociclista tentou fazer uma ultrapassagem também pela direita e acabou colidindo contra a parte frontal lateral do veículo, logo em seguida ele perdeu o controle da direção e se chocou contra um poste de iluminação pública. 

D. A. C. sofreu diversos ferimentos graves e incompatíveis com a vida. O Siate foi acionado, mas na chegada ao local já não havia mais o que fazer pelo homem.

De acordo com informações, o motociclista sofreu lesões como fraturas em pescoço, trauma na base do crânio, fraturas em braço, perna e ombro.

O motorista da camionete, que pertence a uma empresa, prestou todo o atendimento possível, acionando o socorro e permanecendo no local até a chegada dos órgãos competentes. O homem ficou muito abalado com o fato e preferiu não se pronunciar naquele momento.

O corpo do homem que trabalhava no açougue de um hipermercado na zona leste, foi recolhido e levado para o IML.

Fonte: Londrina News.


No primeiro dia de trabalho homem capota caminhão e fica em estado grave.


Um homem de 40 anos foi socorrido nesta sexta-feira (28) após se envolver em um acidente de trânsito.

O capotamento do caminhão aconteceu na ‘Estrada do Buli’, Área Rural de Londrina. 

Segundo informações, o homem estava no primeiro dia de trabalho, transportando grãos de soja, quando se envolveu no acidente.

Não foram repassados detalhes do que teria motivado o incidente.

Equipes do Siate deslocaram ao endereço, mas, diante da gravidade foi mobilizado o apoio do aeromédico do Consamu.

A vítima estava com um TCE (Traumatismo Crânio-Encefálico) sendo encaminhado à Casa Hospitalar de Londrina.

Fonte: Eliandro Piva.


Proprietário do grupo Petrópolis vira réu na Lava Jato.


O juiz Luiz Antonio Bonat, da 13.ª Vara Federal de Curitiba, abriu ação penal contra o empresário Walter Faria e outros 21 investigados ligados ao Grupo Petrópolis, à Odebrecht e ao Antígua Overseas Bank por crime de lavagem de dinheiro. O esquema teria movimentado, entre 2006 e 2014, R$ 1,1 bilhão, em valores atualizados.

A denúncia foi oferecida pela força-tarefa da Lava Jato em Curitiba em dezembro do ano passado. A acusação formal foi resultado da 62.ª fase da operação, denominada “Rock City”, deflagrada em julho do mesmo ano, para apurar o envolvimento de executivos do Grupo Petrópolis na lavagem de dinheiro desviado pela Odebrecht de contratos com a Petrobrás.

A operação teve como origem um esquema de sonegação tributária “que contava com a burla de medidores de produção de cerveja”. “A bebida era vendida a pequenos comerciantes em espécie e, então, os valores eram entregues à Odebrecht”.

De acordo com a força-tarefa, Faria, proprietário do Grupo Petrópolis, “atuou, em larga escala, na lavagem de ativos e desempenhou substancial papel como grande operador do pagamento de propinas”. O executivo teria ainda “atuado no pagamento de subornos decorrentes do contrato da sonda Petrobrás 10.000”.

Em contrapartida, afirma a denúncia do Ministério Público Federal, o empresário teria recebido “altas somas no exterior” e sido beneficiado com “uma série de negócios jurídicos fraudulentos no Brasil”, além de “investimentos” da Odebrecht na cervejaria do grupo.

Nesse mesmo caso, a Procuradoria acusa a Odebrecht de repassar o dinheiro ilícito diretamente a contas no exterior vinculadas à empreiteira e ao Grupo Petrópolis. Para isso, a construtora teria usado “camadas de contas estrangeiras em nome de diferentes offshores”. O Grupo Petrópolis, por sua vez, disponibilizava dinheiro em espécie no Brasil para a Odebrecht, de acordo com as investigações da Lava Jato.

“Essa estratégia envolveu também a utilização de complexa estrutura financeira de contas no exterior relacionadas às atividades do Grupo Petrópolis. De acordo com documentação encaminhada pela Suíça, foram identificadas 38 offshores distintas com contas bancárias no EFG Bank de Lugano, controladas por Walter Faria”, afirma trecho da denúncia.

Defesas. Faria negou irregularidades. O empresário afirmou, por meio de sua assessoria, que, “sempre que foi requerido, prestou todos os esclarecimentos necessários às autoridades competentes, o que fará outra vez, em juízo, para demonstrar a improcedência da acusação”.

O Grupo Petrópolis, a Odebrecht e o Antígua Overseas Bank não responderam aos contatos da reportagem.

Fonte: jornal O Estado de S. Paulo.