Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

quinta-feira, 15 de março de 2018

15/03/2018 - Deus é Fiel !!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.


Hebber desaparecido em Ivaiporã já foi encontrado a caminho de Manoel Ribas.


O Blog do Beto acabou de receber um aviso da Família que o Hebber que havia desaparecido em Ivaiporã foi visto andando numa estrada que ia para Manoel Ribas, e avisara a Família, que de imediato foi ao local e encontraram.
Agora já se encontra em sua casa e bem, com sua Família, que agradece o Blog e a todos que contribuíram, para encontrar seu ente querido.
Estrada da Piquiri Papéis continua um total abandono prejudicando vários moradores.

A imagem pode conter: atividades ao ar livre e natureza

Entra ano e sai ano e a estrada da Piquiri Papeis só piora.
Quem utiliza a estrada para trabalho ou locomover para cidade tem um serio problema ela esta toda destruída, esta estrada liga o Município de Santa Maria do Oeste para quem vai a Goioxim.
Mas uma vez relatamos a péssima condição da estrada causando danos aos veículos de quem transita por ela, melhorar as condições desta estrada é uma reivindicação antiga que até agora as autoridades competentes não conseguiram. 

A imagem pode conter: atividades ao ar livre e natureza

A imagem pode conter: atividades ao ar livre e natureza


Família procura por homem desaparecido em Ivaiporã desde ontem, que pode estar em Pitanga ou região. Leia a matéria para ter mais detalhes.


O Blog do Beto entrou em contato com a Família confirmando que realmente ele está desaparecido o jovem Hebber Aquinato Pacheco de 34 anos, esposo da Talita, que moram no Jardim Itaipu em Ivaiporã-PR, e tem uma filha de 10 anos.

A pessoa que gentilmente nos atendeu, confirma estas informações já divulgadas nos grupos, onde o Hebber saiu de casa e foi pra rodovia PR 466, pegou carona até o entreposto da COAMO de Ivaiporã e teria dito que o destino seria Pitanga, até agora não se tem mais notícias.

É a primeira vez que age desta forma, não se notava nenhuma grande atitude onde pudesse entender que estava com Grandes problemas, depressão.

Nem a Polícia Civil, nem a Polícia Militar não foram informados do caso oficialmente.

Ficamos na torcida para que esteja bem, o Hebber, sendo que é esportista, e sabe que é querido por todos que o conhece, e vale a pena dizer, que, se por acaso esta mensagem chegar até ele, faz saber que o Hebber é realmente uma pessoa importantíssima para os colegas, amigos, conhecidos, esportistas e principalmente pra seus pais que moram em Curiuva-PR, sua família, esposa Talita, e a pequena, a filha de 10 anos que te esperam de braços abertos e criar laços ainda mais fortes de amizade e amor entre vocês, e entre nós que conhecemos o Hebber Aquinato Pacheco de Ivaiporã, Paraná.

Qualquer notícia ligar (43) 9 9826 6575 ou para o Blog do Beto (42) 998425150.


Não podíamos deixar de registrar palestra no Estrela do Oeste em homenagem ao dia internacional das Mulheres em Santa Maria do Oeste.


Palestra e comemoração do dia internacional da mulher.
Aconteceu no domingo 10/03 no assentamento Estrela do Oeste um evento em homenagem ao dia internacional das mulheres. A Cida palestrou sobre as lutas e os direitos das mulheres.


Após onda de calor, frente fria chega em Guarapuava.



Faltando apenas sete dias para o início oficial do outono, as temperaturas seguem elevadas em todo o Paraná. Apesar da frente fria que chegou ao Estado na tarde desta quarta feira (14), os termômetros devem marcar altas temperaturas durante o final de semana, conforme previsão do Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar).
Em algumas cidades, ainda de acordo com o Instituto, foram registrados temperaturas superiores a 30°C. De acordo com o Simepar, o final de semana continua com muita chuva e ainda mais abafado. Amanhã, quinta feira (15), a máxima prevista é de 27°C e a mínima de 18°C.
Já na sexta feira (16), conforme previsão, deve ser o dia mais quente da semana onde a máxima pode chegar a 33°C e a mínima a 20°C. O sábado (17) deve apresentar o tempo fechado e os termômetros não passam dos 30°C. Já no domingo (18) as trovoadas e pancadas de chuvas ainda estarão presentes e a mínima será de 15°C.
Fonte RSN
Temporal provoca alagamentos e desabamentos em Curitiba. veja as Fotos e os Vídeos.
Pollo Shop Alto da XV teve o estacionamento alagado (Foto: Rede News)
A forte chuva que caiu durante a tarde desta quarta-feira (14) em Curitiba deixou estragos por toda a cidade. O Corpo de Bombeiros registrou diversos chamados de alagamentos, destelhamentos e até desabamentos.
Um cadeirante na Estrada Guilherme Weigert, no Bairro Santa Cândida, em Curitiba chegou a ligar para o Corpo de Bombeiros informando que o nível de água estava subindo. Ele foi resgatado e passa bem.
No centro da capital, na região da Praça Rui Barbosa, uma pessoa foi arrastada pela correnteza e também foi atendida pelos Bombeiros Ao menos três desabamentos e dois destelhamentos foram registrados, além de 15 chamados relacionados a alagamentos em Curitiba e região metropolitana.
A Defesa Civil registrou 25 ocorrências de alagamentos, concetradas na região centro/norte da cidade. Duas quedas de árvore aconteceram, uma no Cabral e outra no Boqueirão. Na esquina da Avenida Visconde de Guarapuava com a Rua Desembergador Westphalen, no Centro, foi registrado um afundamento de asfalto. Segundo a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil, as principais ocorrências relatadas são desabamento de muros, quedas de árvores e destelhamentos.
Em Curitiba, os bairros mais afetados foram Bom Retiro, Pilarzinho, Mercês, Vista Alegre, Atuba, Centro, Alto da XV, Hugo Lange, Tingui, Bairro Alto e Bacacheri.
Registro no bairro Bacacheri (Foto: Aleixas Villa)
De acordo com balanço divulgado pela Prefeitura de Curitiba às 20h30, 40 ruas foram alagadas, sete quedas de árvores e 17 acionamentos para verificação de risco em estruturas.
Região Metropolitana
No Município de Colombo foram registradas ocorrências de alagamentos nos bairros do Rio verde, Maracanã, Jardim Adriana, Arruda, Campo Pequeno, Jardim Monte Castelo, Jardim São Domingos. Houve destelhamentos no São Dimas. Em Almirante Tamandaré os alagamentos aconteceram no Jardim Gramado e desabamento no Jardim Monte Santo.
Estacionamento
O estacionamento do Pollo Shop, no bairro Alto da XV, ficou completamente alagado. A água chegou a atingir a metade dos veículos que estavam no local durante o temporal.
Simepar
De acordo com o Simepar, a chuva acumulada na capital alcançou os 63 milímetros até às 17h30. 
A média histórica de chuvas no mês de março é 130 milímetros e neste ano o número já foi ultrapassado, com possibilidade aumentar ainda mais. Há relatos de alagamentos no Boa Vista, Mercês, Alto da XV, Pilarzinho e Bom Retiro. 
Trânsito
A Secretaria Municipal de Trânsito registrou pontos de alagamento na Rua Visconde de Nácar, no cruzamento com as ruas Fernando Moreira e Cruz Machado, e na Alameda Dr. Carlos de Carvalho esquina com a Rua Visconde de Nácar. Assista ao vídeo:



De acordo com nota, apesar da gravidade apresentada no vídeo, as aulas continuam normalmente. "UniBrasil informa que apenas o térreo do bloco 06 foi atingido pelo alagamento do rio que passa nos fundos da Instituição, por conta da forte chuva que caiu em Curitiba na tarde de hoje (14). A equipe de manutenção já está trabalhando para solucionar os danos causados e as aulas continuam normalmente nos outros cinco blocos da Instituição."
Vila Capanema
O gramado do estádio Durival de Britto e Silva, mais conhecido como Vila Capanema, ficou submerso pela água. O lado de fora, próximo a bilheteria do Paraná Clube, também está totalmente alagado. Segundo assessoria de imprensa, nenhum dano foi encontrado, apenas sujeira. 
Escolas 
A Secretaria Municipal da Educação (SME) mobilizou as equipes de limpeza locais e o serviço de limpeza nas unidades atingidas. Nenhuma escola foi fechada devido à chuva, os danos foram pontuais e as crianças foram realocadas para outros espaços dentro das mesmas unidades. No Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Carlos Alberto de Oliveira, no Guaíra, um raio atingiu a central de alarme e a unidade ficou temporariamente sem energia, mas a situação já foi normalizada. Na Escola Municipal Professor Brandão, no Alto da Glória, entrou água pelas calhas mas a chuva não comprometeu o atendimento dos estudantes. O mesmo ocorreu na Escola Municipal Batel, na região central.
Fonte Ric mais
Condutor fica gravemente ferido em acidente na BR-277.


Um grave acidente foi registrado nesta quarta-feira, dia 14, por volta das 13h30, no Km 488 da BR-277 em Nova Laranjeiras.
O condutor de um veículo UP, perdeu o controle do veículo e colidiu contra uma árvore, as margens da rodovia.
O condutor ficou gravemente ferido, foi encaminhado pelos socorristas da Ecocataratas para o Hospital Universitário em Cascavel, já dois passageiros foram encaminhados para o Hospital São Lucas em Laranjeiras do Sul.
Os nomes das vítimas não foram divulgados para nossa redação.
A Polícia Rodoviária Federal atendeu a ocorrência.
As informações são do Portal Cantu.

Caminhão cai de ponte e deixa três pessoas feridas entre Londrina e Sertanópolis.

Ponte onde o caminhão caiu fica entre Londrina e Sertanópolis. (Foto: Dionísio Mathias/RPC

Um caminhão caiu de uma ponte e deixou três pessoas feridas na madrugada desta quinta-feira (15), entre Londrina e Sertanópolis. O acidente aconteceu no Rio Couro de Boi. 

O Corpo de Bombeiros foi acionado para atender a ocorrência e informou que o motorista perdeu o controle da direção. O veículo bateu na mureta de proteção e caiu no barranco.

Motoristas que flagraram o acidente ajudaram o caminhoneiro e um passageiro a saírem da cabine. Uma mulher, que também era ocupante do caminhão, ficou presa entre as ferragens, e teve de ser retirada com a ajuda dos bombeiros. Todos foram encaminhados para hospitais locais sem ferimentos graves.

A rodovia chegou a ficar interditada, mas foi liberada pouco tempo depois.

Fonte: TN Online.


Paciente do HU tem mão costurada ao abdômen.


Trata-se da técnica do uso de retalho abdominal para atender a paciente que perdeu a cobertura da palma e dorso da mão esquerda após acidente em tombamento de bitrem. O Hospital Universitário Regional dos Campos Gerais da Universidade Estadual de Ponta Grossa (HU-UEPG) realizou, nesta quarta-feira (14), pela primeira vez, cirurgia de recuperação de pele da mão em paciente vítima de tombamento de bitrem que transportava soja. Com duração de 2 horas, a cirurgia Groin Flap se constitui na técnica do uso de retalho abdominal para cobertura da mão pós-trauma e foi realizada pelos cirurgiões plásticos Rafael Pires e Alfredo Benjamin Duarte da Silva. Professor do Departamento de Medicina da UEPG, Alfredo da Silva é especialista em cirurgia reconstrutiva e microcirurgia.

O paciente foi atendido no Pronto Socorro Municipal – e devido à gravidade da lesão foi transferido ao HU-UEPG. Rafael Pires explica que o motorista perdeu a cobertura da palma e dorso da mão esquerda no acidente. O médico conta que o motorista chegou ao hospital com indicação de amputação da mão, mas que ao examinar o trauma decidiu por colocar a mão do paciente dentro do abdômen para a recuperação da pele perdida.

Para a recuperação da pele, Rafael Pires observa que a mão permanece no abdômen por três a quatro semanas. A recuperação tem acompanhamento e reavaliação semanal, segundo o médico, para proporcionar ao paciente de 66 anos uma recuperação tranquila após o implante da mão no abdômen. O diretor do HU-UEPG, Everson Augusto Krum, ressalta que o paciente daqui a três meses poderá retornar ao hospital para nova cirurgia voltada para recuperação de movimentos da mão.

Além dos cirurgiões plásticos Rafael Pires e Alfredo Duarte, a equipe de cirurgia foi composta pelo anestesista Carlos Magno; os residentes de Cirurgia Geral e Anestesia, Thiago Merini e Giordano Passoni; a instrumentador, Elenise Santos; os acadêmicos de Medicina, Guilherme Stirmer e Willian Josviak; e a circulante, Silmara de Almeida.


Informações Assessoria de Imprensa.


Genética e trabalho podem ter ajudado Hawking a viver mais do que o esperado.


Quando começou a desenvolver os sintomas da doença degenerativa conhecida como esclerose lateral amiotrófica, nos anos 1960, o então jovem cientista Stephen Hawking ouviu de seu médico que em três anos, no máximo, estaria morto -antes mesmo da conclusão de seu doutorado.
De progressão usualmente rápida, a doença, conhecida como ELA, é caracterizada pela crescente paralisia dos músculos, culminando com a incapacidade de respirar e a morte.
Rara, ainda não é totalmente compreendida. Não se sabe exatamente por que Hawking, morto aos 76 anos nesta quarta-feira (14), superou com folga a expectativa de vida que recebeu, por exemplo.
Mas especialistas especulam que a genética pode ser uma das respostas. Genes que promovem a proteção dos neurônios motores poderiam ser os responsáveis pela longevidade do cientista.
Segundo o geneticista Ciro Martinhago, evoluções diferentes de uma mesma doença, mesmo entre irmãos gêmeos com a mesma mutação genética, têm como raiz a interação entre os genes e também interações do genoma com fatores ambientais (como a saúde em geral da pessoa).
Tudo isso pode potencializar ou minimizar o quadro clínico da doença, afirma Martinhago. "Conhecemos os genes, mas essas variantes é que trazem a individualidade para cada um."
Observações empíricas apontam que questões psicossociais também têm interferência no quadro geral dos pacientes, segundo o geneticista.
Acary Oliveira, neurologista especialista em ELA do hospital Albert Einstein, conta que acompanha uma paciente diagnosticada com a doença há 23 anos e, apesar dos comprometimentos musculares, é saudável. "O que ela e Hawking parecem ter em comum é a vontade de se manter útil para a sociedade", afirma Oliveira.
Oliveira aventa ainda a possibilidade de o físico não ter realmente ELA, mas, sim, uma doença como atrofia muscular progressiva ou atrofia muscular espinhal, devido à dificuldade de se diagnosticar a ELA, que não possui exames específicos de identificação.
As maiores chances futuras de tratamentos mais efetivos para a doença, que atualmente não tem cura, estão na terapia genética. "Do ponto de vista terapêutico, você pode inibir os genes causadores ou estimular os protetores", diz Oliveira, segundo o qual esses genes estão sendo descobertos aos poucos.
A ELA está sendo utilizada como uma base de estudos para doenças degenerativas, como mal de Parkinson, o que aumenta os estudos relacionadas à rara condição -que atinge 1 a cada 100 mil pessoas por ano.
BALDE DE GELO
Há cerca de quatro anos, o desafio do balde de gelo, no qual pessoas despejavam água com gelo sobre a própria cabeça, dominou as redes sociais. O intuito da ação era despertar atenção e levantar recursos financeiros para pesquisas com ELA.
O resultado do desafio foi a arrecadação de US$ 115 milhões, segundo a associação americana ALS (na sigla em inglês, esclerose lateral amiotrófica).
A associação afirma que, desse montante, US$ 84 milhões foram destinados a pesquisas sobre a doença, além dos valores destinados a centros de tratamento e projetos educacionais.
Um dos projetos apoiados pela iniciativa conseguiu identificar um gene associado a ELA, segundo reportagem do jornal inglês Guardian, de 2016.
Assim como a fama de Hawking, o desafio também ajudou a jogar luz sobre a rara doença. "A iniciativa trouxe um batalhão de pessoas que colocaram como uma missão entender melhor a doença e minimizar ela", diz Oliveira.


O especialista dá o exemplo de pesquisadores da Fatec que, ao ficarem sabendo da doença por meio do desafio do balde de gelo, o procuraram para o desenvolvimento de um mecanismo para que os pacientes conseguissem controlar posições de suas camas com os olhos, o que aumenta a independência das pessoas que sofrem com a condição.
Fonte: Folha Press.


Temer diz que estuda recorrer à OMC contra tarifa do aço de Trump.

Resultado de imagem para temer

O presidente Michel Temer disse que se o governo de Donald Trump não rever o aumento de tarifas de importação de aço o Brasil vai entrar com uma representação contra a política norte-americana na OMC (Organização Mundial do Comércio) junto com outros países que sofreram prejuízos com a medida.

"Nós aqui somos contra todo e qualquer protecionismo. Somos pela abertura plena", afirmou. Temer disse que vai ligar para o presidente Trump propondo a abertura de negociações sobre o aumento da tarifa do aço.

A declaração do presidente ocorreu na plenária de abertura da versão do Fórum Econômico Mundial na América Latina.

O ministro Aloysio Nunes, das Relações Exteriores, afirmou que a primeira opção do Brasil é o diálogo com Trump e as empresas americanas que importam aço do Brasil.

"O Brasil é um país amigo dos Estados Unidos", afirmou Aloysio. Além de Temer e Aloysio participaram da abertura o governador Geraldo Alckmin, o prefeito João Dória, Pelé e Klaus Schwab, o fundador do fórum.

Fonte: Folha Press.


Estou pronto para ser preso, diz Lula em livro.


Às vésperas do julgamento dos recursos contra sua condenação em segunda instância na Lava Jato, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirma, em livro, que está preparado para sua possível prisão, mas que pretende "brigar" nos tribunais superiores para provar sua inocência.

"Eu estou pronto para ser preso", declara Lula no livro "A Verdade Vencerá: O Povo Sabe Por Que Me Condenam" (ed. Boitempo), que será lançado nesta sexta (23) em São Paulo. "Eu não vou sair do Brasil, eu não vou me esconder em embaixada, eu não vou fugir. Vou estar na minha casa, chegando em casa entre oito e nove horas da noite, indo dormir às dez horas, acordando às cinco da manhã para fazer ginástica", diz.

Com 216 páginas, a obra reúne artigos e uma entrevista com o petista, realizada em fevereiro deste ano em três encontros pelos jornalistas Juca Kfouri e Maria Inês Nassif, pelo professor de relações internacionais Gilberto Maringoni (que concorreu ao governo de São Paulo em 2014 pelo PSOL) e pela editora Ivana Jinkings, diretora da Boitempo e organizadora do livro.

Na entrevista, o petista afirma que descarta a possibilidade de se exilar por acreditar que terá mais força para reverter sua condenação se continuar no país. "Vou fazer a sociedade brasileira discutir os meus processos aqui dentro", afirma. "Eu conheço companheiros que ficaram quinze anos exilados e não tiveram voz aqui dentro, no Brasil."

"Se eu tivesse cometido um erro, se eu tivesse cometido um crime, de todos esses de que eu estou sendo acusado, talvez eu fizesse isso. Como tenho plena consciência da minha inocência, eles vão pagar o preço", afirma, em referência aos investigadores da Lava Jato, a quem acusa de perseguição.


"O preço que vai ser pago historicamente é a mentira contada agora. Eu sei que é difícil eles [juízes e procuradores] aceitarem que um metalúrgico torneiro mecânico diga que eles estão mentindo. Mas eles estão mentindo."

O escritor gaúcho Luis Fernando Verissimo assina o prólogo do livro. O prefácio é escrito pelo cientista político Luis Fernando Miguel, recentemente alvo de polêmica por ter criado uma disciplina na UnB que trata o processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) como "golpe de 2016".

Em janeiro, o TRF-4 (Tribunal Regional Federal), responsável pelos casos da Lava Jato em segunda instância, confirmou a condenação do ex-presidente por corrupção e lavagem de dinheiro no caso que investiga a cessão e reforma de um apartamento tríplex em Guarujá (SP). A pena foi fixada em 12 anos e um mês de prisão —maior do que a estabelecida na instância inferior pelo juiz Sergio Moro.

Ainda neste mês, o tribunal pode julgar os recursos apresentados pela defesa do petista. Entendimento atual do STF (Supremo Tribunal Federal) permite a execução da pena de prisão após encerrado o processo na segunda instância.

Fonte: CGN.