Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

quinta-feira, 2 de agosto de 2018

02/08/2018 - MATÉRIAS ATUALIZADAS !!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.



Veículo é furtado em Manoel Ribas.


No dia 01 de agosto de 2018 às 19h10min, compareceu na sede do Destacamento de Policia Militar de Manoel Ribas solicitante senhor Elton Cardoso, relatando que: estava em casa quando dois masculinos armados com revolver deram voz de roubo e levaram o veiculo Toyota/Corolla ano 2012 cor branca, placas ELW-7196 e também R$2.000,00 e 3 celulares, deslocando sentido Candido de Abreu, aproximadamente uns 14km de Manoel Ribas o Corolla parou e um outro veículo pegou as vitimas e  voltaram deixando o mesmo perto da Comunidade Cajarana sentido Ivaiporã.  A equipe Policial realizou patrulhamento nas imediações e nada foi localizado. A vitima foi orientado.  


Fonte: Polícia Militar.




Receita alerta para volta do 'golpe do amor'; entenda como funciona.

Resultado de imagem para receita federal

A Receita Federal alertou nesta quinta-feira (2) para a volta do chamado "golpe do amor", em que vítimas recebem instruções para realizar depósitos bancários em troca de valores e bens supostamente recolhidos pelo fisco.


Segundo a Receita, a alfândega no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, tem recebido, em média, dez ligações telefônicas por dia de contribuintes querendo confirmar a instrução que receberam para efetuar depósitos em contas de terceiros a fim de terem liberados encomendas ou valores supostamente retidos.

Na fraude, golpistas criam perfis falsos nas redes sociais, geralmente passando por estrangeiros em boas condições financeiras, de acordo com a Receita. Após envolverem emocionalmente a vítima, manifestam intenção de casamento e dizem que enviaram, por remessa, presentes diversos, como óculos, bolsas, celulares, anéis para o suposto noivado, dinheiro em espécie ou documentos.

Para dar veracidade ao envio dos bens e documentos, os golpistas chegam a criar sites falsos de empresas de remessas expressas (courier), "inclusive com falso rastreamento da suposta encomenda", diz o fisco.

Após o suposto envio dos presentes, o golpista alega que os bens foram retidos na alfândega e que é preciso realizar um depósito em conta de um "agente" para que haja a liberação da mercadoria. Em geral, é fornecida uma conta corrente de pessoa física para o depósito.

"Se a vítima deposita o valor solicitado, a quadrilha faz nova exigência alegando outro empecilho para a liberação da remessa ou da bagagem e assim sucessivamente", explica o fisco.

ORIENTAÇÕES

A Receita informa que não exige qualquer pagamento em espécie ou por meio de depósito em conta corrente. "Todos os tributos aduaneiros administrados pelo Órgão somente são recolhidos por meio de Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf)", afirma.

Nos casos de encomendas enviadas por remessa expressa, é possível confirmar se a empresa está habilitada para operar no Brasil através do site da Receita.

Caso a pessoa considere estar sendo vítima de ação fraudulenta ou tentativa de estelionato, o fisco orienta que seja registrada ocorrência em uma delegacia especializada.

Em caso de dúvidas, o contribuinte pode enviar questionamentos ou contatar as unidades de atendimento da Receita Federal.


Fonte: FOLHA PRESS




Bombeiros encontram corpo de homem que caiu no Rio Ivaí.


As buscas pelo pescador que caiu ontem (1º) no Rio Ivaí, em Floresta (PR), voltaram a ser feitas na manhã desta quinta-feira (2).


O pescador estava com um amigo na cachoeira do rio quando teria caído e foi levado pela correnteza. Hoje após algumas horas de buscas o corpo foi encontrado em uma região do rio. 

Mergulhadores do Corpo de Bombeiros, policiais civis e militares participaram das buscas. Um helicóptero da PM foi utilizado nos trabalhos.

Caso:

O acidente aconteceu por volta das 15h da última quarta-feira (1º). Dois amigos foram pescar na cachoeira da conhecida Ilha da Bananeira no Rio Ivaí, e um deles acabou caindo nas águas, sendo levado pela correnteza.

Segundo o Corpo de Bombeiros de Maringá, o amigo da vítima levada pelas águas conseguiu avisar as autoridades e as buscas pelo desaparecido começaram logo em seguida. 

No início da noite, os bombeiros encerraram a procura pelo homem, já que o local ficou escuro demais para prosseguir com os trabalhos.

Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Fonte: Noti-cia/Plantão 


PF faz operação contra fraude em recursos do transporte escolar.

Resultado de imagem para PF

A Operação Topique para desarticular um esquema de fraudes em licitações e desvio de recursos federais destinado ao transporte escolar no Piauí e no Maranhão foi deflagrada hoje (2) pela Polícia Federal com a participação do Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU).

As investigações mostraram que agentes públicos em parceria com empresas participavam das fraudes em licitações que eram seguidas do desvio de recursos por meio de subcontratação irregular e superfaturamento numa média de 40% dos valores pagos às empresas contratadas.

Entre 2013 e 2017, as empresas investigadas receberam cerca de R$ 297 milhões, pagos por mais de 40 prefeituras e pelo estado do Piauí, envolvendo a prestação de serviços de transporte escolar e locação de veículos. De acordo com a CGU, o prejuízo potencial apurado nesse período é superior a R$ 119 milhões.

As fraudes atingiram recursos vindos do Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate) e do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).


A Operação Topique cumpre 14 mandados de prisão preventiva, nove mandados de prisão temporária e 40 mandados de busca e apreensão nos municípios de Teresina (PI), São João da Serra (PI), Olho D’Água do Piauí (PI) e Coelho Neto (MA).

O nome Topique, escolhido para batizar a operação, é um termo popularmente utilizado para se referir aos veículos usados no transporte escolar.

Fonte: Agência Brasil



02/08/2018 - DEUS É FIEL !!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.


Jovem de 17 anos tenta dar fuga da Polícia de Pitanga e acaba sendo pego um pouco depois.


No dia 01 de agosto de 2018 às 23h20min, a equipe Policial Militar de serviço estava estacionada na Rua Munhoz da Rocha s/n, Bairro Centro, desembarcados da viatura, quando ouviu barulhos de derrapagem de pneus e logo visualizou dois veículos trafegando pela Rua Munhoz da Rocha sentido Bairro - Centro, sendo que os veículos estavam lado a lado em alta velocidade, momento em que a equipe Policial deu voz de abordagem ao condutor o qual não acatou a ordem Policial e seguiu com o veiculo sentido centro, a equipe iniciou acompanhamento tático utilizando de sinais luminosos e sonoros, porém ignorados pelo condutor que também ignorou as placas de sinalização, colocando em risco a vida de pedestres e demais condutores. Realizada a abordagem e identificado o condutor de 17 anos, o qual não possui CNH/PPD, sendo que o mesmo relatou a equipe que devido à tentativa de fuga estourou um pneu traseiro. Diante dos fatos, foram lavrados os Autos de Infrações de Transito cabíveis, recolhido o veiculo ao pátio da 3ª Companhia PM. Foi solicitada a presença do pai do adolescente que acompanhou seu filho até a 45ª DRP de Pitanga para as providencias legais.

Fonte: Polícia Militar.



S10 é furtada de pátio de residência em São Miguel do Iguaçu.


Na madrugada desta quarta-feira (01), uma S10 foi furtada em São Miguel do Iguaçu.


De acordo com as informações da Polícia Militar, o condutor teria estacionado a Caminhonete GM S10 com placas AXF-5533, no pátio de sua residência, localizada no Bairro Santa Ana e que na manhã desta quarta-feira, 01, não estaria mais naquele local.

Diante dos fatos proprietário deslocou até ao 2º Pelotão da Policia Militar de São Miguel do Iguaçu para registrar o Boletim de Ocorrência.

Já com as informações os policiais realizaram buscas no intuito de localizar o veículo, mas até o momento não tiveram êxito.

Fonte: Guia SMI com informações PM.




Mulheres armadas assaltam taxista e fogem após abandonar veículo.



Um veículo foi roubado na cidade de Terra Roxa. Pouco tempo depois o carro foi recuperado pela Polícia Militar em Guaíra.

Após receber a informação do roubo, policiais militares que realizavam patrulhamento pela região do bairro Jardim Guaíra avistaram um veículo com mesmas características.

O Palio Weekend, de cor branca, pertence a um taxista de Terra Roxa. Ele foi assaltado por duas mulheres ao realizar uma corrida até Guaíra.

De acordo com a vítima, uma das mulheres estava armada com um revólver e outra portava uma faca. Houve luta corporal entre o taxista e as criminosas. Na sequência a vítima conseguiu fugir e as mulheres se evadiram, mas acabaram abandonando o carro.

A polícia realizou buscas nas proximidades, mas nenhuma suspeita foi encontrada. O veículo será entregue ao proprietário.

Fonte: TRX Online/Portal Guaíra.


Polícia Militar registra furto de 25 galinhas em chácara.


A Polícia Militar de Umuarama registrou um furto de galinhas, que ocorreu em uma chácara. 

A propriedade está localizada na saída para Xambrê. O crime aconteceu na madrugada desta quarta-feira (01).

De acordo com o denunciante, por volta de 1h da madrugada ele escutou o cachorro de uma chácara vizinha latindo. Porém, não percebeu nada estranho em sua propriedade.

Quando o dia amanheceu, ele foi até o galinheiro e notou que estariam faltando 25 galinhas.

Os policiais fizeram patrulhamentos na região, mas nenhum suspeito foi localizado.

Fonte: O Bem Dito


Carreta carregada de pó de serra tomba em Jandaia do Sul.


Uma carreta carregada com pó de serra tombou na manhã desta quarta-feira (01) na Avenida Paraná em Jandaia do Sul. 

A via ficou totalmente interditada.

O motorista não conseguiu fazer a curva e o caminhão acabou tombando. A carga ficou espalhada na pista e aguarda retirada. 

O acidente aconteceu por volta do meio-dia e a limpeza total da área se estendeu por algumas horas.

Quem precisa usar a via, que dá acesso à rodovia para quem faz o trecho sentido Apucarana, deve usar as ruas paralelas. 

Fonte: TN ONLINE


TCE julga irregulares contas de 2014 da Secretaria da Educação do Paraná.


O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) julgou irregulares as contas de 2014 da Secretaria da Educação do Estado do Paraná (Seed), de responsabilidade dos titulares da pasta naquele ano: Flávio José Arns (1º de janeiro a 2 de abril) e Paulo Afonso Schmidt (3 de abril a 31 de dezembro).

Os dois ex-secretários estaduais responsabilizados pela desaprovação das contas receberam, individualmente, 11 multas - dez de 40 vezes o valor da Unidade Padrão Fiscal do Paraná (UPF-PR) e uma de 30 vezes o valor da UPF-PR -, totalizando a sanção de cada um em 430 vezes o valor da UPF-PR, que vale R$ 99,35 em julho. Assim, o valor total das multas aplicadas a cada um deles corresponde a R$ 42.720,50 para pagamento nesse mês.

Os motivos para a desaprovação foram as irregularidades na formalização de despesas; na execução de obras; na gestão patrimonial; nos atos de cessão funcional; no afastamento e disposição de servidores; na inclusão de servidores em desvio de função nas despesas com manutenção e desenvolvimento do ensino; e na acumulação irregular de cargos públicos.

O Tribunal ressalvou as falhas relativas à gestão orçamentária, financeira e patrimonial; aos aspectos técnicos das demonstrações contábeis; à numeração de folhas de processo; à formalização de licitação; aos procedimentos para inscrições no Encontro Nacional de Educação Matemática; à renovação da locação de imóvel; e à cessão e disposição de servidores.

 Recomendações

A Seed recebeu recomendações do TCE-PR para que elabore a Demonstração das Variações Patrimoniais (DVP) nos termos do Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público (MCasp), não inclua os ingressos financeiros por transferências do Estado no Balanço Orçamentário e registre efetivamente as despesas. Ao gestor da Seed foi recomendado que protocolize processos com a maior antecedência possível, a fim de evitar os pagamentos e execução de despesas fora do prazo de vigência dos respectivos contratos.

Os conselheiros também recomendaram à secretaria que sejam readequados os procedimentos relacionados à entrega de combustível, carnes e pães aos colégios agrícolas; que o fluxo dos processos licitatórios seja otimizado, para evitar demoras; e que os processos de locação sejam iniciados com prazo suficiente para que a contratação seja concluída a tempo.

O Tribunal recomendou, ainda, que a pasta remeta os dados ao órgão de controle externo, nos termos estabelecidos pela norma vigente; e que observe os prazos para execução de obras e o Manual de Procedimentos para Locação de Imóvel, primando pelo princípio da eficiência.

Outras recomendações são para que a Seed faça o planejamento adequado de suas licitações, para que não ocorram erros nos procedimentos; aprimore a cotação de bens e serviços, para praticar valores compatíveis com o mercado; e tome providências para que os profissionais de Engenharia zelem pelas atividades de avaliação.

Os conselheiros recomendaram, ainda, que sejam tomadas medidas para evitar a reincidência de pagamento indevido a alguns servidores; e que permaneçam os controles de restituição das parcelas devidas por outros servidores. Finalmente, o TCE-PR recomendou que sejam implantados mecanismos que possibilitem o maior controle quanto aos pagamentos realizados pela Seed; e que passem a ser observadas pela secretaria as previsões normativas quanto à cessão servidores.

Irregularidades

A Primeira Inspetoria de Controle Externo (1ª ICE) - unidade do TCE-PR responsável pela fiscalização da Seed em 2014 - afirmou que houve a realização de despesas que, somadas, ultrapassaram o limite de dispensa de licitação nas aquisições efetuadas para os colégios agrícolas e escolas que recebem recursos descentralizados para execução de reparos.  Produtos foram adquiridos de vários fornecedores com valores individuais abaixo do valor exigível para licitação, o que caracterizou o fracionamento ilegal da despesa, em violação ao disposto da Lei nº 8.666/93 (Lei de Licitações e Contratos).

De acordo com o relatório da 1ª ICE, o cronograma físico de execução das obras do contrato nº 398/2013-GAS-SEED, relativas ao Colégio Estadual Ambrósio Bini, teve sucessivos atrasos, o que resultou na retirada dos equipamentos de perfuração e, em seguida, na formalização de aditivos contratuais.

Além disso, foram realizadas obras em desacordo com o projeto executivo, que previa estacas profundas, resultando na paralização da execução até a regularização da situação; e ocorreu atraso de quatro meses na execução das obras de estacas raiz para o reforço estrutural.

Os técnicos do Tribunal ressaltaram que ainda não foi encerrado o processo de extinção do Instituto de Desenvolvimento Educacional do Paraná (Fundepar), cujas atribuições, servidores, cargos, dotações orçamentárias, créditos, receitas e patrimônio foram transferidos ao âmbito administrativo da Seed.

O relatório da 1ª ICE evidenciou que servidores em disposição receberam cumulativamente remuneração da Seed por meses, como um professor colocado à disposição da Prefeitura de Araucária, apesar de se tratar de uma disposição funcional sem ônus para origem; e um agente educacional que foi designado para o cargo de secretário municipal de Educação. Além disso, 19 servidores afastados não devolveram remunerações indevidamente pagas no período em que foram remunerados cumulativamente pelos municípios, outros estados e órgãos aos quais foram cedidos.

A Seed também colocou à disposição e afastou servidores do Projeto de Valorização do Magistério na Educação Básica, que eram remunerados com a parcela de 60% do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), em ofensa ao disposto na Constituição Federal. Além disso, muitos desses servidores nem mesmo pertenciam ao quadro do magistério.

Outra irregularidade constatada foi a realização de despesas de manutenção e desenvolvimento do ensino com servidores em desvio de função ou em atividade alheia ao ensino, em desrespeito ao artigo nº 71, VI, da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) e ao artigo nº 115 da Lei Complementar nº 7/76 (Estatuto do Magistério), que veda a prestação de serviços estranhos à educação, ao ensino e à pesquisa.

Houve, ainda, pagamentos a servidores que foram colocados à disposição para ocupar cargos políticos, o que configura acúmulo remunerado de cargos públicos, nos termos do artigo nº 37, XVI, da Constituição Federal.

Decisão

A Coordenadoria de Gestão Estadual (CGM), responsável pela instrução do processo, opinou pela irregularidade das contas de 2014 da Seed, com ressalvas e recomendações. O Ministério Público de Contas (MPC-PR) concordou com a unidade técnica.

O relator do processo, conselheiro Artagão de Mattos Leão, afirmou que o agente público não pode fracionar as despesas por meio de várias aquisições de menor valor, no mesmo exercício, para adoção de dispensa de licitação ou modalidade menos rigorosa do que aquela determinada para a totalidade do valor objeto a ser licitado.

Artagão ressaltou que não houve o planejamento eficaz da obra do Colégio Estadual Ambrósio Bini, cujo projeto era inadequado e na qual não foram observadas as restrições orçamentárias, o que resultou em dano ao erário; perda na qualidade no processo de ensino e de aprendizagem; e demora excessiva na finalização da obra.

O relator destacou que, apesar de a Seed ter justificado que a baixa do Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) da Fundepar ainda não havia ocorrido em razão de pendências junto à Receita Federal, a norma autorizadora da extinção do instituto (Lei Estadual nº 15.566/2007) foi editada há nove anos, prazo muito além do razoável para a finalização do processo.

Quanto às irregularidades em atos de cessão funcional, o conselheiro frisou que houve um conjunto de apontamentos semelhantes referentes à remuneração cumulativa de servidores cedidos e colocados à disposição. "Apesar de a Seed ter apresentado justificativas quanto a 20 servidores do Projeto de Valorização do Magistério na Educação Básica que foram cedidos, não houve justificativa para a cessão de 32 servidores vinculados ao projeto", afirmou Artagão.

O relator salientou, ainda, que, ao prestar serviços na Assembleia Legislativa, na Procuradoria-Geral do Estado e em prefeituras, os servidores do magistério atuaram em desvio de função, em afronta às disposições da LDB e do Estatuto do Magistério, em razão do desenvolvimento de atividades fora do âmbito escolar. Ele lembrou que a situação desrespeita, também, o disposto no artigo nº 212 da Constituição Federal, que trata da aplicação de 25% da arrecadação na manutenção de desenvolvimento do ensino.

Finalmente, o conselheiro ressaltou que devem ser aplicadas as diretrizes estabelecidas no artigo nº 38 e seguintes da Constituição Federal nos casos de afastamento para assunção de cargo de natureza política; e que o servidor público deverá afastar-se do cargo efetivo para o exercício do cargo político, devendo realizar a opção entre a remuneração do cargo efetivo ou o subsídio do cargo político, conforme estabelecido no artigo nº 26 do Decreto Estadual nº 8466/13.

Os conselheiros acompanharam, por unanimidade, o voto do relator, na sessão do Tribunal Pleno de 28 de junho. Os prazos para recurso passaram a contar a partir do primeiro dia útil seguinte à publicação do Acórdão nº 1723/18 - Tribunal Pleno, na edição nº 1.865 do Diário Eletrônico do TCE-PR (DETC), veiculada em 16 de julho, no portal www.tce.pr.gov.br.

Fonte: CGN.


Ministro Edson Fachin é eleito ministro efetivo do TSE.


O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e relator dos processos da Operação Lava Jato, Edson Fachin, foi eleito hoje (1º) para o cargo de membro efetivo do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), responsável pela organização das eleições no país.

A eleição foi realizada de forma simbólica pelo plenário do Supremo, responsável pela indicação, porque Fachin já atua como ministro substituto da Corte eleitoral.

A partir do dia 15 agosto, o TSE também terá entre seus membros a ministra Rosa Weber, como nova presidente, o ministro Luís Roberto Barroso, além de Fachin. A ministra entrará no lugar do atual presidente, Luiz Fux, que completará dois anos no cargo.

O TSE é formado por sete ministros: três oriundos do STF, dois do Superior Tribunal de Justiça (STJ), além de dois membros da advocacia.

Fonte: Agência Brasil


Anvisa aprova medicamentos para câncer de mama e asma grave.

Resultado de imagem para remédio

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou dois novos medicamentos: o Kisqali (succinato de ribociclibe), indicado para o tratamento de câncer de mama localmente avançado ou metastático em mulheres na pós-menopausa; e o Cinqair (reslizumabe), indicado como terapia adjuvante de manutenção em pacientes adultos com asma grave.

De acordo com a Anvisa, o Kisqali será comercializado na forma de comprimido revestido, com concentração de 254,4 miligramas (mg) de succinato de ribociclibe (200 mg de ribociclibe), fabricado pela empresa Novartis Singapore Pharmaceutical Manufacturing PTE. LTD, em Cingapura. A detentora do registro no Brasil é a Novartis Biociências S.A.

Já o Cinqair (reslizumabe) está enquadrado na categoria de produto biológico novo e é indicado, por exemplo, quando o quadro clínico for inadequadamente controlado com o uso de corticosteroides inalatórios, em doses médias a alta, associado a outro medicamento para tratamento de manutenção.

“O Cinqair (reslizumabe) não deve ser utilizado para tratar os sintomas agudos da asma ou exacerbações agudas. Também não é indicado para o alívio de broncoespasmos agudos ou estado de mal asmático”, informou a agência. O produto será fabricado pela Lonza Biologicals Inc., nos Estados Unidos, e a detentora do registro no Brasil é a empresa Teva Farmacêutica Ltda.

Fonte: Agência Brasil