Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

sexta-feira, 20 de março de 2015

Arma de fogo e Arma branca é aprendida em 

Pitanga.


   

No dia 19 Mar. 15, às 11h10min, policiais militares deslocaram até a Rua Conselheiro
Zacarias, Centro, onde segundo denúncias anônimas, um homem estava com um veículo
Montana, armado com uma arma de fogo. A equipe Policial Militar realizou abordagem
qao veículo, sendo identificadas duas pessoas ocupantes. Em busca, foi localizado no
veículo, um Revólver marca Taurus, calibre .38 SPECIAL, municiado com 06 (seis)
cartuchos intactos, com coldre, o qual se encontrava embaixo do carpete; 01 (um) JET
LOADER com 06 (seis) cartuchos intactos, e uma faca com 21 cm de lâmina, com bainha.
Conforme consulta no sistema, foi constatado que o Revólver está registrado em nome de outra pessoa. Um dos abordados relatou ser o proprietário do referido revólver, porém
tendo em vista as denúncias contra o outro (que já responde criminalmente por tentativa
de homicídio e que recentemente foi preso por porte ilegal de arma de fogo), a equipe
encaminhou os indivíduos para 45° DRP, para serem tomados os procedimentos cabíveis. 

Fonte : POLÍCIA MILITAR DO PARANÁ
4º COMANDO REGIONAL
16º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR
CENTRO DE OPERAÇÕES POLICIAIS MILITARES
FUNCIONARIA É PEGA ROUBANDO EM CANDÓI.

  

Às 12h20min, policiais militares deslocaram até a Avenida Newton Marcondes de Oliveira,
Bairro Pioneiros, onde prestaram atendimento a uma ocorrência de natureza furto
qualificado. A equipe Policial Militar recebeu denúncia de que no endereço supracitado
uma funcionária na residência de um senhor, havia furtado certa quantia em dinheiro
deste. No local, foi realizada a busca pessoal e nada foi encontrado. Porém, outro
funcionário, que estava no local, relatou que ela havia mexido no armário momentos antes
da chegada da equipe policial. Realizada a busca no referido armário, onde foi encontrada
certa quantia. O proprietário do local relatou que não é a primeira vez que o fato acontece.
Relatou ainda, que devido estar dando falta do dinheiro de dentro da sua residência,
resolveu instalar câmera filmadora, sendo que hoje antes de deixar o dinheiro na
residência, tirou cópia de todas as notas, e ao serem conferidos as cópias, foi constatado
que eram as mesmas notas que estavam faltando no malote. Após este fato, a funcionária
confessou ter pego todo o dinheiro. Ao ser indagada onde estava o restante do dinheiro,
esta disse que havia gastado tudo, mas que devolveria. Diante dos fatos, foram
encaminhadas todas as partes à 14ª SDP.

Fonte : POLÍCIA MILITAR DO PARANÁ
4º COMANDO REGIONAL
16º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR
CENTRO DE OPERAÇÕES POLICIAIS MILITARES





Setal fecha acordo com Cade e delata cartel em obras da Petrobras.


   De acordo com o Cade, as companhias e seus funcionários confessaram a participação no cartel e “apresentaram documentos probatórios a fim de colaborar com as investigações” |

Duas companhias do grupo Setal fecharam um acordo com o Cade (Conselho de Administrativo de Defesa Econômica) por meio do qual concordaram em delatar o funcionamento de um cartel em licitações da Petrobras. No total, 23 companhias foram citadas como participantes do esquema.
O termo, chamado de acordo de leniência, foi divulgado nesta sexta-feira (20). Ele foi firmado pelaSetal Engenharia e Construções e pela SOG Óleo e Gás (Setal Óleo e Gás), além de nove executivos.
De acordo com o Cade, as companhias e seus funcionários confessaram a participação no cartel e “apresentaram documentos probatórios a fim de colaborar com as investigações”. Segundo as delatoras, o cartel começou a funcionar no final dos anos 90 e os acordos tornaram-se mais frequentes e estáveis a partir de 2003. O conluio teria durado até pelo menos o início de 2012.
O acordo de leniência permite que as duas companhias do grupo Setal tenham redução na pena, que pode chegar a 20% do faturamento.
Investigação
Os depoimentos e as provas fornecidas pelas empresas serão usados na investigação já aberta pelo Cade para apurar a denúncia de cartel. A autarquia iniciou a apuração após indícios do esquema terem surgido no âmbito da Operação Lava Jato. Para subsidiar o processo, o Cade conta ainda com os materiais apreendidos pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal do Paraná em operações de busca.
Fonte : GAZETA DO POVO

Gaeco prende fiscais da Receita Estadual e empresários.


   

Investigações aconteciam há nove meses; Gaeco descobriu existência de quadrilha envolvida em atos de corrupção ativa e passiva no órgão
O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) deflagrou nesta sexta-feira (20) operação para desarticular um esquema de corrupção na Receita Estadual de Londrina, na região Norte do Paraná. Foram cumpridos mandados em três estados: no Paraná (nas cidades de Curitiba, Londrina, Ibiporã, Bandeirantes, Maringá, Campina Grande do Sul e Alvorada do Sul); em São Paulo (no município de Palmital); e no Rio de Janeiro (na capital e em Angra dos Reis).
Ao todo, foram expedidos pelo juízo da 3ª Vara Criminal de Londrina 14 mandados de prisão preventiva, sete mandados de prisão temporária, 30 mandados de busca e apreensão e 15 mandados de condução coercitiva (pessoas encaminhadas para prestarem declarações).
Entre os detidos estão fiscais da Receita Estadual, um policial civil, um contador e empresários (inclusive os “testas de ferro”). Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos na Receita Estadual de Londrina, em empresas, escritórios de contabilidade e em residências, locais em que foram apreendidos documentos, computadores e quantias em dinheiro.
Investigações
Há cerca de nove meses o Gaeco e a Promotoria de Proteção ao Patrimônio Público de Londrina iniciaram as investigações, que apontaram a existência de uma organização criminosa envolvida em corrupção ativa (dos empresários) e passiva (dos servidores da Receita Estadual), além de falsidade de documentos e lavagem de dinheiro. As investigações ainda não permitem estimar o montante do prejuízo causado pelo grupo aos cofres públicos.
Fonte : aRede

Preso um dos cinco foragidos de Cambará.


   

Cinco presos fugiram da carceragem da Delegacia de Polícia Civil de Cambará durante o horário de visitas, por volta das 14 horas desta quinta-feira,dia 19. Os marginais serraram uma barra de ferro do solário fugindo pelo telhado dos fundos da unidade prisional.
Os fugitivos são Alysson Dominato da Silva,vulgo "Totó", Anderson de Souza, Lucas Alves Carneiro,o "Luquinha", Lucas Cassiano e Romário Aparecido Domingas, conhecido como "Canarinho".Este último,de 21 anos, foi recapturado pela polícia militar na manhã desta sexta-feira caminhando sozinho sentido salto Grande,cidade paulista perto da divisa com o Paraná.
O delegado Richard Alain Lolli está em férias, e quem responde, de forma interina, é o delegado de Joaquim Távora, Rubens José Peres.
Fonte : NP

Professores de Curitiba aprovam 

indicativo de greve e podem paralisar 

atividades em abril.


   20150319_Assembleia

Reunidos em assembleia realizada na noite desta quinta-feira (19), professores das escolas municipais de Curitiba aprovaram indicativo e podem entrar em greve a partir do dia 8 de abril. De acordo com o Sindicato dos Servidores do Magistério Municipal de Curitiba (Sismmac), a categoria não aceita a forma com que a prefeitura vem conduzindo o processo de implantação e enquadramento no novo plano de carreira da categoria.
Os professores reivindicam que a trajetória de carreira, critério para enquadramento no novo plano, seja calculada com base nos crescimentos que cada professora ou professor teve oportunidade real de participar, desde 2001, quando o atual plano de carreira da categoria foi implantado.“Depois de dois anos de negociação com a gestão, a divulgação do simulador, na última segunda-feira, gerou muita revolta no magistério. O sentimento geral é de que o longo processo de negociação foi ignorado nessa reta final. Uma grande parcela da categoria, com mais de 15 anos de rede, se sentiu duplamente penalizada com as distorções demonstradas na ferramenta”, diz nota do sindicato.
A Banda B entrou em contato com a Prefeitura de Curitiba, que informou que todos os avanços anunciados dentro do novo Plano de Carreira do Magistério estão garantidos e que nenhum compromisso será descumprido.
“O simulador, que permite conhecer a proposta do enquadramento e o ganho financeiro de cada profissional, teve problemas técnicos e por isso a ferramenta foi retirada do site. O prazo para a adesão ao plano será estendido e as novas datas serão divulgadas juntamente com o simulador. A administração municipal está em permanente diálogo com os professores para todos os esclarecimentos”, disse nota da prefeitura.
Fonte : Banda B


Depois de 14 horas segundo agente é liberado e termina rebelião na PCE.

Postado na data: 20/03/2015 08:57 - Categoria(s): Notícias Diversas
pce.jpg

Foto: Blog Esmael Moraes

Dois agentes penitenciários foram feitos reféns no final da tarde desta quinta-feira (19) após os presos da Penitenciária Central do Estado (PCE) se rebelarem. Um deles foi liberado por volta das 22 horas e outro às 7h30. A rebelião aconteceu no Bloco 6, onde ficam os presos de castigo. Quatro estariam rebelados. Eles pedem proteção porque dizem estar sendo ameaçados de morte por outros detentos.
A Secretaria de Segurança Pública do Paraná (Sesp) ainda não informou se o agente estava ferido e se o pedido dos rebelados foi atendido. As negociações ontem foram interrompidas às 22h30 e foram retomadas nesta sexta-feira (20), quando aconteceu a liberação do agente. O primeiro agente liberado não ficou ferido.
O Comando de Operações Especiais e o Batalhão de Operações Especiais (Bope) cercaram as dependências da penitenciária. O helicóptero da Polícia Militar acompanhou toda a movimentação.
O diretor do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Paraná, Rodrigo Fontoura, em entrevista antes da liberação do primeiro refém, afirmou que a situação era crítica devido à preocupação com os dois colegas que estavam nas mãos dos presos rebelados. “Queremos um desfecho melhor possível, mas a situação é crítica. Estivemos lá dentro e os agentes estão sentados num canto, não apanharam, estão bem, mas não estamos tranquilos. Até um tempo atrás reclamávamos da superlotação, das condições de trabalho, da proteção da vida dos agentes e, com a morte em Guarapuava esta semana, nem isso foi atendido. O que vamos pedir amanhã? A morte já chegou dentro do presídio”, afirmou o diretor.
Morte
A rebelião na PCE acontece quatro dias depois da morte de um agente penitenciário na Centro de Regime Semi-aberto de Guarapuava. Marcelo Fernando Pinheiro, 31 anos, foi morto sem nenhuma rebelião pelos presos. Os detentos que o mataram entraram pela parte de trás da cadeia, pularam o alambrado e mataram o agente com três tiros. Um outro agente ficou ferido, mas sem risco de morte.
Fonte : J cattelan

PRF apreende pistola, munição e 59 quilos de maconha com adolescente que dirigia carro roubado.


   

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu uma pistola Taurus PT 58 SS calibre 380 e 59,5 quilos de maconha na madrugada desta sexta-feira (20) em Cascavel, região oeste do Paraná.
A arma e a droga estavam dentro de um automóvel Hyundai HB20, abordado pelos policiais rodoviários federais na praça de pedágio localizada no quilômetro 569 da BR- 277. O automóvel era conduzido por um adolescente de 16 anos, que foi apreendido.
A pistola estava carregada e pronta para uso, dentro de uma mochila, sobre o banco do passageiro. Havia ainda um carregador sobressalente e, no total, 50 munições. A carga de maconha, distribuída em 81 tabletes, estava no porta-malas.
Com placas frias, o veículo tinha alerta de roubo registrado no último dia 31 de janeiro em Florianópolis (SC).
A equipe da PRF encaminhou a pistola, as munições, a maconha, o veículo e o menor para a 15ª Subdivisão da  Polícia Civil em Cascavel.

  
Fonte : Banda B


Pelo 2° dia seguido, alunos fecham 

avenida no Batel e perguntam: “Cadê os 

professores?”


   vicente 1

Pelo segundo dia seguido, alunos da Escola Júlia Wanderley fecharam a Av. Vicente Machado, no bairro Batel, em Curitiba, por cerca de meia hora. No fim da manhã desta sexta-feira (20), a manifestação envolveu em torno de 60 estudantes que pedem a contratação imediata de professores. Eles prometem continuar dia após dia enquanto o Governo Estadual não arrumar o horário escolar.
Os adolescentes do 1°, 2° e 3° aão aguentam mais ter que ir para escola e ficar sem fazer nada. “Não tem professores. O diretor do colégio nos falou que faltam 14. O governo prometeu contratar, mas ficou só nisso, porque até agora nada. A gente tem mais aula sem nada pra fazer do que aula de verdade”, disse à Banda B, durante a manifestação de ontem, a estudante Brise Wursthorn, que
Já a estudante Aghata Nunes, de 16 anos, reclamou à Banda B sobre o problema enfrentado com as linhas de ônibus que passam pelo colégio. “Antes a Linha Curitiba/Campo Largo vinha até aqui e agora não. Os alunos estão tendo que ir até a Av. Sete de Setembro, o que nos prejudica e dá até mais insegurança”, disse ela, referindo-se a linha que antes ia até o Batel e agora tem ponto final no Terminal Campina do Siqueira.
Respostas
Banda B entrou em contato com a Secretaria de Educação referente à reclamação dos estudantes que enviou, na tarde ontem, a seguinte nota sobre o caso:
A Secretaria de Estado da Educação esclarece que, devido às movimentações normais de professores no início do ano letivo, o Núcleo Regional de Educação de Curitiba realiza o chamamento para completar o quadro de professores do Colégio Estadual Júlia Wanderley, o que deve ocorrer o mais breve possível. Os casos pontuais serão resolvidos conforme a necessidade das escolas estaduais.
Notícia Relacionada:
Fonte Banda B