Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

sábado, 17 de junho de 2017

17/06/2017 - Deus é Fiel !!! - 11:23

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.


Bicicleta é Furtada em Palmital.


Nesta data por volta de 15h00min, enquanto a equipe realizava patrulhamentos pela área central, foram abordadas algumas pessoas as quais estavam em atitude suspeita. Neste momento, aproximou-se uma pessoa relatando que a bicicleta de seu filho havia sido furtada da frente de seu escritório, próximo do local da abordagem, e sabia onde a bicicleta estava, pois havia sido verificado pelas imagens do circuito interno de segurança de um posto de gasolina próximo. O solicitante se propôs a acompanhar a equipe até a casa do suspeito. No momento em que a equipe aproximou-se da casa do suspeito com a viatura, uma pessoa com as características repassadas pelo solicitante saiu correndo. Não sendo possível a sua identificação, sendo que logo em seguida chegou o irmão do suspeito o qual não soube informar por qual motivo o seu irmão havia corrido. Foi questionado se havia uma bicicleta no local, sendo que ele respondeu que sim e mostrou ao solicitante o qual não reconheceu como sendo o produto de furto, as partes foram orientadas.

Fonte: Polícia Militar.


Jovem é morto a tiros


Um jovem foi morto a tiros na noite desta sexta (16), na localidade de Campo do Bugre, interior de Rio Bonito do Iguaçu. Clair dos Santos, 22 anos, estava indo trabalhar quando, no acostamento da BR 158, entre Rio Bonito do Iguaçu e Laranjeiras do Sul foi alvejado por disparos. A Polícia Militar está no local, às 22h57, aguardando o Instituto de Criminalística e o Instituto Médico Legal (IML). A vítima estava de motocicleta e  vestia o uniforme da empresa onde trabalhava. Ainda não há mais informações sobre o crime. 

Há duas semanas outro jovem foi vítima de tentativa de assassinato nessa mesma localidade, após ter sido vítima de tocaia (quando o autor do crime espera a vítima). Ele foi atingido por dois tiros no peito, mas não morreu.

Fonte: Rede Sul.


Mãe e filhas descobrem caso do pai e agridem amante.


A violência doméstica movimentou os meios policiais no feriado de Corpus Christi, em Guarapuava.

Mas um dos casos divulgados pelo boletim da Polícia Civil chama a atenção por envolver um casal, filhas e a amante.

De acordo com a PM, por volta das 12h45, uma mulher, 38 anos, contou à equipe que há cerca de um ano e meio vinha mantendo um relacionamento extraconjugal com um homem, 63 anos. Durante contato telefônico, o senhor a chamou para ir até a sua casa, na rua Domingos Marcondes, no bairro Santana. Chegando lá, a mulher encontrou a esposa e as filhas do amante. A esposa e o homem começaram a agredi-la com um cinto, causando lesões nas costas, pernas e glúteo, enquanto as filhas, sem intervirem na situação, apenas xingavam. Segundo a vítima, a família descobriu o caso.

Todos foram parar no Fórum de Guarapuava para a lavratura de Termo Circunstanciado. Por orientação da Polícia Civil, a esposa do senhor envolvido responderá por lesão corporal. O adúltero foi levado para a Delegacia da Polícia Civil e autuado em flagrante por violência doméstica. Mas após pagar fiança, foi liberado.

Fonte: Rede Sul.



Marido agride mulher grávida com socos e tapas.


Uma mulher grávida de seis meses foi atingida brutalmente pelo esposo em Guarapuava. De acordo com a Polícia Militar, a vítima queria sair de casa e voltar a morar com os pais. Porém, o marido reagiu com xingamentos, socos, tapas, agressões na barriga da gestante e ameaças de morte. No momento em que o agressor se distraiu, a vítima conseguiu fugir para a rua e pediu socorro a transeuntes. Ela foi levada até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no bairro Batel, tendo diversos hematomas espalhados pela cabeça e braços. Depois, a vítima foi internada em uma casa hospitalar.

Na residência do casal, a PM localizou o agressor. Ele tentou fugir, mas acabou sendo pego pela polícia. O homem possuía mandado de prisão em aberto.

Fonte: Rede Sul.


Família comunica falso sequestro, após menor sair de carro.


No começo da tarde de ontem, sexta-feira (16), um assalto seguido de sequestro acabou com um veículo Kadett batido em um poste de energia elétrica em uma estrada rural na comunidade da Linha Pessali, interior do município de Medianeira.
Segundo informações repassadas pela Polícia Militar, o condutor do referido veículo teria sido assaltado no Bairro Ipê, onde teria sido feito refém por dois indivíduos que pediram dinheiro e o levado junto com o veículo.
Na fuga os bandidos teriam abandonado a vítima numa estrada rural na Linha Pessali. Após abandonarem o jovem, os assaltantes teriam batido com o carro em um poste de energia elétrica ao lado da estrada, onde abandonaram o Kadett.
Falsa comunicação de crime
Após o veículo e o jovem envolvido serem levados à Delegacia da Polícia Civil de Medianeira para as devidas providências, familiares do mesmo teriam conversado com um amigo da suposta vítima, o qual acabou confirmando que na verdade tratava-se de falsa comunicação de crime, ao relatarem que foram vítimas de assalto seguido de sequestro.
O jovem, que é menor de idade, e o amigo teriam pego o veículo sem autorização dos familiares para dar uma "voltinha", quando acabaram perdendo o controle da direção do carro, vindo a colidir e derrubar o poste de energia elétrica.
Falsa comunicação de crime é uma infração penal, e é prevista no Código Penal, no artigo 340.
Redação: Guia Medianeira com informações da PM.
PRF apreende 2.400 munições, oito pistolas e 686 quilos de maconha.


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 2,4 mil munições, oito pistolas e 686 quilos de maconha na tarde desta sexta-feira (16) em Alto Paraíso, na região noroeste do Paraná.
Todas as oito pistolas são de calibre 9 milímetros. Do total de munições, 2.300 são de calibre 9 milímetros e as outras cem, de calibre 380.
O motorista de um automóvel Chevrolet Prisma que transitava pela BR-487 desobedeceu a ordem de parada dos agentes da PRF.
Seguido pelos policiais rodoviários federais, ele transitou em alta velocidade e pela contramão, até perder o controle do veículo, rodar e colidir contra uma mureta de concreto.
Na sequência, o motorista fugiu a pé, em meio a uma área de mata. Dentro do Prisma, a equipe da PRF encontrou as armas, munições e 364 quilos de maconha.
Enquanto os agentes da PRF faziam buscas pela mata, um segundo veículo, modelo Volkswagen Polo, foi encontrado escondido no local. Dentro dele havia outros 322 quilos de maconha.
O Polo tinha ainda alerta de roubo, registrado em janeiro de 2016 no município de Porto Alegre (RS).
A PRF encaminhou a ocorrência para a Delegacia da Polícia Civil em Xambrê.
Fonte: CGN.
Acidente envolve dois caminhões e um veículo na PR - 491.


Na tarde de ontem, sexta-feira (16), foi registrado um acidente de trânsito na rodovia PR-491, que liga Marechal Cândido Rondon à Nova Santa Rosa, próximo à Fecularia Horizonte.
Envolveram-se na colisão, um caminhão Mercedes Benz/ 710 com placas de Palotina, um veículo Volkswagen/ Gol com placas de Nova Santa Rosa e um Caminhão Mercedes Benz L 1113 com placas e Marechal.
Segundo informações repassadas para a nossa equipe, o caminhão Mercedes Benz com placas de Marechal e o veículo Gol com o condutor e uma passageira seguiam sentido Marechal a Nova Santa Rosa, já o condutor do caminhão Mercedes Benz com placas de Palotina seguia sentido contrário.
Em determinado momento houve falha mecânica no caminhão com placas de Palotina, o motorista tentou desviar, mas infelizmente não conseguiu, batendo no Gol e projetando-o contra um barranco as margens da rodovia, já o outro caminhão foi atingido na lateral.
Os motoristas dos caminhões felizmente nada sofreram, já as vítimas do veículo Gol sofreram escoriações pelo corpo e foram socorridas por uma equipe do Samu.
Houve danos de grande monta nos três veículos.
A PRE esteve no local realizando os devidos levantamentos e orientar o trânsito.
Com informações: Marechal Online.
Veículo capota após condutor perder controle de direção na BR 277.


Um capotamento de um veículo foi registrado na BR 277, região da área industrial de Medianeira.

Segundo informações, o veículo seguia sentido Matelândia-Medianeira, quando o condutor aparentemente teria perdido o controle da direção do carro, vindo a sair da pista e capotar com o veículo.

Populares socorreram os dois ocupantes do veículo e ajudaram a desvirar o carro. Ambos não se feriram.

A ambulância da Ecocataratas chegou a ser acionada, mas os ocupantes teria dispensado o atendimento. A PRF registrou a ocorrência.

As informações são do site: Guia Medianeira


Acidente deixa dois em estado grave; helicóptero foi usado no resgate.


Um acidente grave registrado pela manhã no Contorno Norte, em Almirante Tamandaré (PR).

Dois carros colidiram na pista que segue sentido a Colombo.

A batida deixou os dois motoristas em estado grave.

Um deles precisou ser resgatado de helicóptero e levado ao hospital.

As informações são da Rede News 24h.


Em entrevista a revista, Joesley chama Temer de 'chefe da quadrilha'.


O empresário Joesley Batista, um dos donos do grupo J&F, em entrevista concedida à revista "Época" desta semana, afirma que o presidente Michel Temer (PMDB) é "o chefe da maior e mais perigosa organização criminosa" do país. 

Josley também confirma que pagou pelo silêncio na prisão de Eduardo Cunha e Lúcio Funaro, apontado como o principal operador de propina do ex-presidente da Câmara, e que o ex-ministro Geddel Vieira Lima era o "mensageiro" do presidente que o procurava para garantir que este silêncio seria mantido.

Na entrevista, publicada ontem, sexta-feira (16), Joesley detalha a relação com Michel Temer, que, segundo ele, "nunca foi uma relação de amizade" e sim "institucional". Ele diz que Temer o via "como um empresário que poderia financiar as campanhas dele e fazer esquemas que renderiam propina".

A relação, que teve início por meio de Wagner Rossi, ex-ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento nos governos Lula e Dilma, segundo ele, era direta, com trocas de mensagens de celular e encontros privados. Em 2010, pouco depois do início desta relação, Temer teria pedido dinheiro para campanha. "[O presidente] não é um cara cerimonioso com dinheiro", afirmou.

Josley conta que os pedidos de Temer eram sempre ligados a favores pessoais. E que ele não explicava a razão dos pedidos.

"Tem políticos que acreditam que, pelo simples fato do cargo que ele está ocupando, já o habilita a você ficar devendo favores a ele. Já o habilita a pedir algo a você de maneira que seja quase uma obrigação você fazer. Temer é assim", disse.

O empresário confirma o empréstimo de um jato para uma viagem particular de Temer e a briga por dinheiro dentro do PMDB na campanha de 2014, relatada por Ricardo Saud, empresário da JBS e que também colabora com delações premiadas no âmbito da Operação Lava Jato.

"O PT mandou dar um dinheiro para os senadores do PMDB. Acho que R$ 35 milhões. O Temer e o Eduardo descobriram e deu uma briga danada", relembra.

Segundo o empresário, os peemedebistas pediram, após a celeuma, R$ 15 milhões. "Demos o dinheiro", disse Joesley, afirmando que foi aí que Temer voltou à presidência do PMDB.

Relação de Michel Temer com Eduardo Cunha

De acordo com Joesley, Cunha se referia a Temer como seu superior hierárquico. "Tudo que o Eduardo conseguia resolver sozinho, ele resolvia. Quando ficava difícil, levava para o Temer. Essa era a hierarquia". O empresário aponta, porém, Lucio Funaro como o primeiro a participar das negociações. "Funcionava assim: primeiro vinha o Lúcio. O que ele não consegui resolver ele pedia para o Eduardo. Se o Eduardo não conseguia resolver, envolvia o Michel".

Quando se tratava de acertos de "esquema mais estrutural", Temer pedia para falar com Cunha. De acordo com Joesley, Temer se envolvia diretamente quando se tratava de pequenos favores pessoais ou "em disputas internas, como a de 2014".

O empresário afirma que o grupo tinha influência "no FI-FGTS, na Caixa, na Agricultura, todos órgãos onde tínhamos interesses", e que temia que eles "encampassem" o Ministério da Agricultura.

Quando Cunha foi eleito presidente da Câmara dos Deputados, os "achaques" ficaram mais constantes. O empresário relata pedidos de propina do peemedebista em troca de "abafamentos" de CPIs que pudessem ser prejudiciais ao empresário. Josley disse, contudo, que não pagava esses achaques.

"Eduardo sempre deixava claro que o fortalecimento dele era o fortalecimento do grupo da Câmara e do próprio Michel", disse.

"Mais perigosa organização criminosa desse país. Liderada pelo presidente"

Joesley, ao apontar Temer como o "chefe da quadrilha", cita como integrantes da "organização criminosa" os peemedebistas Eduardo Cunha, Eduardo Henrique Alves (ambos já presos), Geddel Vieira Lima e Moreira Franco.

"Quem não está preso está hoje no Planalto. Essa turma é muita perigosa. Não pode brigar com eles. Nunca tive coragem de brigar com eles. Esse grupo é o de mais difícil convívio que já tive na minha vida". Para Joesley, "eles não têm limites".

Silêncio de Cunha e Funaro na cadeia

Na entrevista, Joesley também detalha como virou "refém de dois presidiários", referindo-se aos pagamentos que realizou "em dinheiro vivo" a mensageiros de Eduardo Cunha e Lucio Funaro, para que estes não delatassem os esquemas de corrupção que os envolviam e que também implicavam o empresário.

"O presidente estava preocupado. Quem estava incumbido de manter Eduardo e Lúcio calmos era eu", diz Joesley, ressaltando, ainda, que era Geddel Vieira Lima quem atuava em nome de Temer para garantir que esse "sistema" fosse mantido.

"Depois que o Eduardo foi preso, mantive a interlocução desses assuntos via Geddel. O presidente sabia de tudo. Eu informava o presidente por meio do Geddel", afirma.

Crise

A delação premiada de Joesley Batista e outros executivos da JBS detonou a maior crise do governo Temer desde que o presidente assumiu o cargo. Joesley gravou uma conversa com o presidente no Palácio do Jaburu, em março deste ano, e entregou o áudio para a Procuradoria-Geral da República. Na conversa, ele fala sobre o suborno a agentes do poder judiciário, cita questões no BNDES e relata que "estou bem com o Eduardo", o que a PGR entendeu como sendo uma sinalização de que o empresário continuava pagando mesadas a Cunha, com aval do presidente, para evitar uma delação do ex-deputado.

Temer nega que soubesse de qualquer pagamento a Cunha e Funaro, alega que o áudio foi editado e diz que foi alvo de uma armação de Joesley, que estava em vias de assinar o acordo com a PGR.

Com informações UOL.


Acordo do Mercosul permitirá redução de gastos com medicamentos.


O Brasil e os demais membros fundadores do Mercosul (Argentina, Paraguai e Uruguai) assinaram nesta sexta-feira (16) um acordo para reduzir de forma significativa os gastos com a compra de medicamentos para a saúde publica.

De acordo com o ministro da Saúde do Brasil, Ricardo Barros, ao negociarem como bloco com a indústria farmacêutica os quatro paises podem conseguir descontos maiores, de ate 83%.

O Brasil já participou, em 2015, de uma experiência de negociar com a indústria farmacêutica em forma conjunta, com a compra do medicamento Darunavir, usado no tratamento do HIV.

Com esse acordo, do qual participaram Argentina, Chile, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela, o governo brasileiro conseguiu uma redução de US$ 14,2 milhoes na aquisição do remédio.

O novo acordo permitirá a compra conjunta, este ano, de outros medicamentos para tratamento de artrite reumatoide, câncer e Hepatite C. 

Segundo Ricardo Barros, alem de reduzir gastos, o Brasil está investindo em pesquisa e na transferência tecnológica para ampliar a produção farmacêutica no país.

Fonte: CGN.