Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

domingo, 18 de novembro de 2018

18/11/2018 *--* DEUS É FIEL !!!!!!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.

Acidente envolve duas motos em Santa Maria do Oeste.
Ontem por volta das 9:00 horas da noite duas motos vieram a colidir perto do trevo de Santa Maria do Oeste. A Policia Militar deu atendimento à ocorrência, sendo que um motoqueiro foi socorrido com ferimentos. 



Acidente envolvendo motocicleta deixa uma pessoa morta, na região de Palmital.






Um grave acidente vitimou uma mulher de 35 anos na noite desse sábado (17), na região de Palmital. O acidente, tipo saída de pista, ocorreu na BR-158, KM 337. A vítima viajava junto de um homem para o município de Marquinho.
De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o condutor ficou gravemente ferido. O acidente teria ocorrido após um dos pneus da moto estourar, fazendo com que o condutor perdesse o controle do veículo.
O corpo de vítima, que ainda não teve o nome revelado, foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Guarapuava. Familiares já providenciam a liberação.
Cinco pessoas morrem em acidente na BR-277.


Cinco pessoas morreram em um grave acidente no final da tarde deste sábado (17), na rodovia BR-277 entre Cascavel e Santa Tereza do Oeste.
O acidente foi entre um veículo Onix com placas de Belo Horizonte e um caminhão, com placas de Cascavel.
Os cinco ocupantes do carro morreram no local do acidente. As vítimas seriam: Beatriz Cavalcante Costa, 17 anos, Maria Aparecida Costa Lopes Teixeira, 48 anos, José dos Santos Costa, 47 anos, Matheus Costa Ramos, 23 anos e Bruna Letícia Urbano da Silva, 20 anos. Todos moradores em Maringá.
O motorista do caminhão também se feriu e foi atendido por socorristas.


Caminhão carregado com farelo tomba na BR-153.


M. d. S. N., de 46 anos, teve ferimentos médios num acidente registrado na tarde deste sábado (17) na BR-153,  no município de Ibaiti.
Ele conduzia um caminhão carregado de farelo de milho e acabou tombando numa curva no km 135. A carga ficou espalhada na pista.
O motorista teve escoriações no corpo e suspeita de fratura na coluna.
Foi encaminhado pelo SAMU (Serviço de Atendimento Médico de Urgência) à Fundação Hospitalar de Saúde Municipal de Ibaiti
A Defesa Civil de Ibaiti atendeu a ocorrência (Informe Policial).

Jovem morre em acidente entre carro e caminhão na BR-163.


Um jovem morreu em um grave acidente de trânsito registrado por volta das 05h50 deste sábado (17) na rodovia BR-163, trecho entre Toledo e Marechal Cândido Rondon.

Envolveram-se na colisão um Fiat/Palio, placas de Toledo e um caminhão Volvem que tracionava um Bitrem, placas de Pato Branco.

O condutor do Palio, Thiago Alves não resistiu e morreu no local do acidente. O corpo dele foi encaminhado ao Instituto Médico Legal.

Depois da batida o motorista do caminhão Jorge Antônio, perdeu o controle, atravessou a rodovia e foi parar dentro de uma plantação de soja. Ele não se feriu.
A Polícia Rodoviária Federal atendeu o acidente.



Homem morre em acidente entre moto e carro na PR-182.


Um homem morreu em um acidente de trânsito registrado por volta das 21h30 deste sábado (17) na rodovia PR-182, próximo ao trevo de acesso à Santa Izabel do Oeste, em Ampére.

A colisão frontal foi entre uma moto e um Prisma de Realeza. O condutor da motocicleta, Valcir da Silva Antunes de 41 anos morreu no local do acidente. Segundo informações, ele residia em Pinhal de São Bento e retornava da casa de familiares em Santa Izabel.

No carro viajava uma família de Realeza, moradores do interior do município, e ninguém se feriu.

Após os procedimentos no local, o corpo de Valcir foi removido ao Instituto Médico Legal de Francisco Beltrão.
A ocorrência foi atendida pelo Corpo de Bombeiros de Ampére, Samu e Polícia Rodoviária Estadual.



Pai denuncia violência sexual contra seu filho de 03 anos.



A Polícia Militar de Francisco Beltrão foi acionada no Hospital Regional no sábado (17) onde a equipe de psicologia informou que deu entrada uma criança de 03 anos, moradora em Salto do Lontra vítima de violência sexual.

No hospital o pai da criança informou aos policiais que foi buscar seu filho na casa de sua ex-mulher para passar o final de semana com ele.

Ao chegar em sua casa o filho começou a se queixar de dores no anus e ao verificar avistou ferimentos na criança e então procurou o atendimento médico de Salto do Lontra que acionou o Conselho Tutelar do município, que os encaminhou para o Hospital Regional.

A Polícia Militar registrou o Boletim de Ocorrência e encaminhou para a 19ª SDP para posterior realização de exame de ato libidinoso no IML.
O pai informou que seu filho mora com a mãe e o namorado dela.



Adolescente de 13 anos se perde da família e desaparece no Litoral do Paraná.


Um adolescente de 13 anos está desaparecido desde a tarde desta sexta-feira (16), em Guaratuba, no Litoral do Paraná. Morador de Araucária, na região metropolitana de Curitiba, Wellington Bruno Kluger Moreira aproveitou o feriado prolongado e foi passar o dia na praia com a irmã, vindo a sumir após dizer que iria comprar um sorvete, por volta das 17h30.
À Banda B, a prima Jaqueline Firmiano de Matos explicou que a única pista dele é uma imagem de câmeras de monitoramento. “Nessa filmagem, ele está na beira da praia, mas depois disso não viram mais. Ele desapareceu perto do Morro do Cristo”, descreveu.
Segundo Jaqueline, há um temor por parte da família por conta do jeito introspectivo de Wellington. “Ele é muito quieto e não sabe se expressar, então não conseguiria nem pedir ajuda. Ele está com fome, sem dinheiro e não sabemos o que aconteceu”, lamentou.
O adolescente possui família na cidade, mas todos seguem a procura. Wellington tem 1,80m de altura e toma medicamentos controlados.
Qualquer informação sobre o paradeiro do adolescente pode ser repassada pelo telefone (41) 9810-1908.

Defensoria da União ajuiza ação para manter médicos cubanos.



A Defensoria Pública da União (DPU) ajuizou ação civil pública (ACP) em que pede à União a manutenção das atuais regras do programa Mais Médicos e a abertura deste a profissionais estrangeiros de qualquer nacionalidade. O objetivo, segundo a própria defensoria, é garantir a continuidade dos serviços prestados à população.
De acordo com a Agência Brasil, o pedido de tutela de urgência em caráter antecedente à ACP visa “evitar que a população atendida seja prejudicada com a saída abrupta de milhares de médicos sem que a União previamente promova medidas efetivas de modo a repor imediatamente o quantitativo de médicos que estão em vias de deixar o programa”, informou o órgão, por meio de nota.
A Defensoria Pública da União alega que qualquer mudança, incluindo a não necessidade de submissão ao Revalida, deve estar condicionada à realização de prévio estudo de impacto e comprovação da eficácia imediata de medidas compensatórias que assegurem a plena continuidade dos serviços.
O Revalida reconhece os diplomas de médicos que se formaram no exterior e querem trabalhar no Brasil. O exame é feito tanto por estrangeiros formados em medicina fora do Brasil, quanto por brasileiros que se graduaram em outro país e querem exercer a profissão em sua terra natal.
DIREITO FUNDAMENTAL
Segundo informou a Agência Brasil, em seus argumentos, a ação destaca que a assistência à saúde, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), é direito fundamental de todos, sendo a União responsável pela prestação dos serviços.
Na ação, a DPU cita ainda que, no julgamento da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) nº. 5035, o Supremo Tribunal Federal (STF) declarou a constitucionalidade do programa da forma como foi preconizado.
ASSISTÊNCIA
Ainda de acordo com a ACP, os profissionais cubanos representam, atualmente, mais da metade dos médicos do programa. A rescisão repentina dos contratos, segundo a defensoria, impactará de forma negativa com o desatendimento de mais de 29 milhões de brasileiros, cenário citado como “desastroso” para, pelo menos, 3.243 municípios.
Dados da DPU indicam que, das 5.570 cidades brasileiras, 3.228 (79,5%) só têm médico pelo programa, enquanto 90% dos atendimentos da população indígena no país são feitos por profissionais cubanos.
SELEÇÃO DE BRASILEIROS
O Ministério da Saúde informou que fará ainda neste mês a seleção para contratar profissionais brasileiros em substituição aos cubanos que fazem parte do Mais Médicos.
A pasta finalizou nessa sexta (16) a proposta de edital para preencher 8.332 vagas deixadas pelos cubanos. A expectativa é que os médicos brasileiros selecionados nesta nova etapa comecem a trabalhar nos municípios imediatamente após a seleção.
ROMPIMENTO
O acordo com o governo brasileiro foi rompido quarta (14) pelas autoridades cubanas, que não concordaram com a exigência do Revalida como requisito para a participação de profissionais cubanos no programa Mais Médicos. A medida foi anunciada pelo presidente eleito Jair Bolsonaro, que também quer que os profissionais cubanos recebam integralmente o salário e tenham permissão de trazer a família para o Brasil.
No mesmo dia, o Ministério de Saúde Pública de Cuba anunciou a retirada de seus profissionais do programa no Brasil por divergir de exigências feitas pelo futuro presidente e também em decorrência de críticas feitas por ele aos médicos cubanos

Moro é exonerado do cargo de juiz federal.


O juiz federal Sérgio Moro pediu exoneração do cargo, na manhã desta sexta-feira (16), e foi atendido pelo presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), desembargador Thompson Flores, no início da tarde.
Com a medida, ele deixa de ser juiz titular da 13ª Vara Federal de Curitiba, responsável pelas ações da Lava Jato, a partir da próxima segunda-feira (19). A medida foi adotada porque ele aceitou o convite do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) para assumir o cargo de Ministro da Justiça, participa da transição de governos e foi criticado.
No documento, Moro afirmou que recebeu críticas após ter solicitado as férias acumuladas da Justiça Federal, até o mês de janeiro.  “Houve quem reclamasse que eu, mesmo em férias, afastado da jurisdição e sem assumir cargo executivo, não poderia sequer participar do planejamento de ações do futuro governo”.
O juiz ainda afirmou que a permanência no cargo era relevante devido à segurança dos dependentes. “Embora a permanência na magistratura fosse relevante ao ora subscritor por permitir que seus dependentes continuassem a usufruir de cobertura previdenciária integral no caso de algum infortúnio, especialmente em contexto no qual há ameaças, não pretendo dar azo a controvérsias artificiais, já que o foco é organizar a transição e as futuras ações do Ministério da Justiça”.



Moro declarou pesar e disse ter orgulho do cargo que exerceu. “Assim, venho, mais uma vez registrando meu pesar por deixar a magistratura, requerer a minha exoneração do honroso cargo de juiz federal da Justiça Federal da 4ª Região”. “Destaco meu orgulho pessoal de ter exercido durante 22 anos o cargo de juiz federal e de ter integrado os quadros da Justiça Federal brasileira, verdadeira instituição republicana”, finalizou Sergio Fernando Moro.
Vaga na a 13ª Vara
Após a divulgação da exoneração de Moro no Diário Oficial da União (DOU), ocorre a divulgação do edital para concurso de remoção, que é um concurso interno entre os magistrados da Justiça Federal da 4ª Região, para preenchimento de vagas.
Os juízes que quiserem concorrer a vaga tem o prazo de 10 dias para apresentar interesse e três para desistir. Após isso, o processo instruído deve ter a duração de um mês.
O candidato deve ser escolhido de acordo com o critério da antiguidade. Primeiro leva-se em conta o tempo no cargo de juiz federal na 4ª Região. Depois, a antiguidade no exercício no cargo de juiz federal substituto na 4ª Região e, por fim, o critério de classificação no concurso público.
O ato de remoção é expedido pelo Presidente do TRF4 e publicado no Diário Eletrônico da Justiça Federal da 4ª Região.
Até que seja preenchida a vaga de juiz federal na vara, o cargo de titular fica com a juíza substituta, Gabriela Hardt. Não há redistribuição de processos, ou seja, as ações da Lava Jato permanecem com quem assumir o cargo.