Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

24/01/2019 *--* Deus é Fiel !!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.


Após 4 anos de casamento, homem larga a esposa para ficar com o sogro.


Alexandra Bittencour é o nome da “Sortuda”. Após 4 anos de casamento com o Henrique Eduardo, ela descobriu uma traição que já durava a mais de 4 anos! E o mais surpreendente é que o homem estava tendo um caso com o próprio pai da esposa! 

Oswaldo Nunes Bissoli, 37 anos, comerciante e persona non grata na Família Oliveira Lafaiette. O estopim para o ódio se deu a partir da revelação que genro e sogro mantinham relações íntimas em segredo e desejam tornar público o amor que compartilhavam.
Antonio Novaes Lafaiette, 60 anos, bancário e pai de três filhas surpreendeu amigos e familiares ao abandonar o lar onde viveu por 32 anos para viver com Oswaldo este amor ‘proibido’. Natália Oliveira Lafaiette, 59 anos, aposentada e abandonada está à base de ansiolíticos desde que soube do fato.

As famílias que moram no município de Vila Velha no Espírito Santo nunca suspeitaram que a amizade entre genro e sogro transcendesse os limites fraternais. Ambos durante anos cultuavam o hábito de pescar e por isso viajavam pelos recantos mais belos do Brasil em busca de rios em que pudessem colocar suas varas.
A mulher relatou que descobriu a traição quando chegou em casa mais cedo e flagrou seu pai junto com seu marido em um momento, digamos, íntimo! A mulher acabou surtando e chegou a arremessar um copo que acabou acertando seu pai. 

 No outro dia a mulher jogou todas as roupas do marido na rua e assim terminou o casamento deles. O ex casal tem 2 filhos, mas a mulher entrou na justiça para que o homem não possa ver as crianças.  
O único argumento utilizado pelo homem é que a esposa não estava dando a atenção devida a ele.

Fonte: Notícias Top.


Desclassificado do BBB19, Vanderson é investigado por suspeita de estupro e lesão corporal.

Vanderson foi desclassificado do BBB19 após ser intimado a prestar depoimento — Foto: Globo/Victor Pollak
Vanderson foi desclassificado do BBB19 após ser intimado a prestar depoimento — Foto: Globo/Victor Pollak

O acreano Vanderson Brito, desclassificado nesta quarta-feira (23) do BBB19, está sendo investigado por suspeita de estupro, lesão corporal e importunação e atentado ao pudor.

De acordo com a delegada Juliana d'Angelis, titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) de Rio Branco, três mulheres apresentaram denúncia contra Vanderson depois que ele foi anunciado no reality.

Ao G1, a família de Vanderson disse que ainda está analisando a situação antes de se posicionar e não informou se o ex-participante tem advogado. A reportagem entrou em contato com duas das três vítimas que fizeram as denúncias contra o ex-BBB, mas nenhuma delas quis comentar o caso.

O ex-participante foi desclassificado do programa depois de ser intimado a prestar depoimento dentro da casa do BBB. A intimação foi feita nesta quarta pela delegada Rita Salim, titular da (Deam), no Rio de Janeiro (RJ), a pedido da delegada do Acre, Juliana.

“Essa semana apareceram aqui três mulheres que registraram ocorrência sobre ele e a gente já instaurou, no caso são dois inquéritos e um termo circunstanciado. Um dos inquéritos é por lesão corporal leve e no outro estupro e um termo circunstanciado por importunação e atentado ao pudor. Cada crime foi denunciado por uma das vítimas que denunciou o acusado”, explicou Juliana.

Denúncias

Sobre as denúncias, a delegada disse que uma das vítimas afirmou ser ex-namorada de Vanderson e relatou ter sofrido violência física. A outra denúncia é de estupro e foi relatada por uma jovem que se relacionou com o rapaz. A terceira, de acordo com a delegada, nunca manteve qualquer tipo de relação com o suspeito.

Ainda conforme Juliana, Vanderson deve ser ouvido em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, mas o processo corre em Rio Branco. A delegada afirmou que ainda não recebeu informação se o ex-participante foi ouvido.

“Lá foi só para ser o interrogatório, ele vem só quando for ter audiência, no caso de agressão física, mas isso é futuramente, pode ser em dois ou três meses. Essa oitiva é preciso para fechar o inquérito. Ainda não recebi o documento”, concluiu Juliana.

Família comenta

A família de Vanderson usou a conta dele no Instagram para lamentar sua desclassificação no BBB19. Na postagem, eles dizem que não existe um veredicto final da Justiça e que ficaram ‘perplexos’ com a notícia.

Uma das regras do programa diz que a saída de um candidato da casa resulta em desclassificação. Vanderson não será substituído e o programa seguirá com 15 participantes. O apresentador Tiago Leifert anunciará a decisão na edição desta noite.

Fonte: G1.


Bebê de 7 meses morre afogado com leite em Foz do Iguaçu.


No final desta quarta-feira (23), um bebê de apenas 7 meses faleceu após se afogar com leite materno, em Foz do Iguaçu.

Socorristas do Siate foram mobilizados até um local conhecido como 'Beco 3', na Favela do Bras, para fazer a desobstrução das via aéreas da criança, que estava inconsciente, sendo acionado, então, o apoio médico.

O bebê sofreu parada cardiorrespiratória no interior da ambulância e apesar dos esforços dos socorristas, com os procedimentos de reanimação, não foi possível salvar a vida da criança. 

O corpo do bebê foi encaminhado inicialmente para o Pronto Socorro do Hospital Municipal e posteriormente para o IML (Instituto Médico Legal).

Fonte: Tribuna Popular.


Morre no RJ, o ator Caio Junqueira.


O ator Caio Junqueira morreu nesta quarta feira (23), aos 42 anos, após ser vítima de um acidente de carro no Aterro do Flamengo, Zona Sul do Rio, na semana passada. O intérprete do policial Neto do filme “Tropa de elite” (2007) foi levado para o Hospital Miguel Couto. A Secretaria de Saúde do Rio confirmou o falecimento.

Na quarta feira passada, (16) Caio dirigia sozinho pelo Aterro do Flamengo, no Rio de Janeiro, em direção ao Centro da cidade, quando perdeu o controle do carro, bateu em uma árvore e capotou. Com duas fraturas expostas, o ator seria operado hoje, mas os médicos decidiram esperar um pouco.

Na segunda (21) o quadro de saúde do ator chegou a se estabilizar, mas os médicos esperavam controlar uma febre alta para fazer uma cirurgia na mão dele, que havia sofrido fraturas no acidente.

Caio era filho do ator Fábio Junqueira (1956/2008) e irmão de Jonas Torres, conhecido como o Bacana da série “Armação ilimitada” (1985/1988).

CARREIRA

Aos 9 anos, Caio deu os primeiros passos na carreira artística na série “Tamanho família” (1985/1986), da extinta Rede Manchete. O gosto pela profissão revelado na infância se consolidou na adolescência quando o ator estreou na Globo, em 1990. Neste ano, emendou dois trabalhos na emissora: a minissérie “Desejo” e a novela “Barriga de aluguel”. Quatro anos depois, fez sua segunda novela, “A viagem”, seguida pelas séries “Engraçadinha” (1995), “Hilda Furacão” (1998) e “Chiquinha Gonzaga” (1999).

Na década seguinte, Caio também fez vários trabalhos na Globo, entre eles a novela “O clone” (2001) e a minissérie “Um só coração” (2004). Um ano depois, o ator fez o remake de “Escrava Isaura”, na Record TV, onde protagonizou “Ribeirão do tempo” (2010) e atuou em obras bíblicas como “José do Egito” (2013) e “Milagres de Jesus” (2014).

O cinema também ocupou espaço de destaque na trajetória profissional de Caio. O ator atuou em grandes sucessos nacionais, entre eles “O que é isso companheiro” (1997), “Central do Brasil” (1998), “Abril despedaçado” (2001), “Zuzu Angel” (2006) e “Tropa de elite” (2007). As peças de teatro “Os justos” (2005) e “Hamlet” (2008) também estão no currículo de Caio.

Fonte: Globo.com


Pai entra no mar para salvar filha e desaparece; bombeiros fazem buscas.


Um homem de 39 anos desapareceu no mar após tentar salvar a filha, de seis anos, que havia sido levada pela correnteza em Guaratuba, no litoral do Paraná, na tarde desta quarta-feira (23). O caso aconteceu próximo à saída do ferry boat, na localidade conhecida como Prainha.

Segundo informações de testemunhas repassadas ao Corpo de Bombeiros, a menina estava na água usando uma boia, próximo a um banco de areia distante da praia. Ela foi levada pelo mar e o pai correu para salvá-la. O rapaz, no entanto, se afogou e desapareceu, enquanto a criança foi retirada da água por pessoas que estavam próximas. Ela passa bem.

Embarcações da base náutica e uma aeronave foram acionadas para realizar o resgate da vítima. Militares do quartel de Matinhos foram até o local e iniciaram as buscas na técnica do mergulho livre, auxiliando no trabalho de superfície, que já era feito por moto aquática e bote inflável de salvamento.

As buscas já duram mais de uma hora e, por enquanto, o pai da criança não foi encontrado.

Fonte: Banda B.


Colisão frontal deixa um morto e um ferido na BR-282.


A Polícia Rodoviária Federal de Maravilha atendeu um grave acidente na rodovia BR-282, em Cunha Porã, no Oeste de Santa Catarina.


O acidente aconteceu às 16 horas e envolveu um Citroen C4 Pallas de Chapecó (SC) e um Ford/KA de Belo Horizonte (MG)

O condutor do KA de 38 anos morreu no local do acidente. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de São Miguel do Oeste.

O condutor do Citroen teve ferimentos graves e foi encaminhado ao hospital de Maravilha.

Fonte e Foto: PPNEWS com PRF.


Três pessoas morrem em colisão contra carreta na PR-239.



Um grave acidente foi registrado por volta das 18 horas de quarta-feira (23), na rodovia PR-239, no trevo de acesso ao município de Campina da Lagoa, deixou três pessoas mortas e outras duas em estado grave.
A colisão envolveu um veículo GM/Cobalt com placas de Campo Grande (MS), ocupado por cinco pessoas e uma carreta Scania, placas de São Jorge da Boa Ventura (PR). 
De acordo com as primeiras informações, o motorista do veículo tentou atravessar a via, sendo colhido pela carreta. O condutor do caminhão nada sofreu.
Três pessoas que estavam no Cobalt morreram na hora e outras duas ficaram gravemente feridas. 

Com a força da batida o veículo foi lançado para fora da pista, ficando completamente destruído. Equipes de resgate foram mobilizadas atender as vítimas, que ficaram presas às ferragens. 
As informações são do Goionews/ Tribuna do Interior.

Viatura da Polícia Civil se envolve em colisão de trânsito na BR - 376.


Três pessoas tiveram ferimentos graves após acidente na BR-376 em Imbaú (na região dos Campos Gerais). A ocorrência foi registrada no fim da tarde desta quarta-feira (23).
Uma viatura da Polícia Civil, Renault Duster, e uma Volkswagen Saveiro com placas de Imbituva (PR) se envolveram no acidente. O veículo da Polícia seguia no sentido norte da via quando se descontrolou na curva atingindo a mureta a sua direita. Ainda desgovernado, o Duster cruzou a pista de rolamento colidindo frontalmente com a Saveiro que seguia no sentido contrário. 
Equipes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da concessionária CCR RodoNorte, que administra o trecho, estiveram no local para atender o caso.
O condutor da viatura policial teve ferimentos leves e foi liberado no local.
Os dois ocupantes da Saveiro tiveram ferimentos graves. Os dois foram encaminhadas para hospitais de Ponta Grossa.
As informações e a foto são do site A Rede. 

Rigor nas finanças permite reposição salarial em Turvo.



O prefeito de Turvo, Jerônimo Gadens do Rosário anuncia a reposição salarial a servidores e professores do município. “Estamos respeitando o índice do IPCA [Índice de Preços ao Consumidor], que é de 3,75% aos servidores, e do piso nacional dos professores, de 4,17%”, disse o prefeito ao Portal RSN.
De acordo com o secretário municipal da Fazenda, Emerson Ribeiro de Campos, o município caminha na contramão da maioria dos municípios brasileiros. “Nossa administração é enxuta”.
Com 517 servidores, dos quais 180 cargos do magistério, até dezembro, o município mantinha o limite prudencial de 48,6%. Porém, em dezembro, o prefeito promoveu uma política de contenção de gastos e esse percentual caiu para 45,61%.
“Para fechar o exercício de 2018, indo contra a realidade enfrentada por outros municípios, fizemos uma contenção de gastos para chegar em janeiro e manter o índice baixo e ter a margem de reposição salarial”.
Outro fato que contribuiu para esse enxugamento da máquina pública refere-se aos cargos comissionados. Das vagas existentes, apenas 72% estão ocupados. “E desses cargos 22% são efetivos, são funcionários de carreira que receberam promoções em cargos de chefias e até no primeiro escalão. A nossa secretária de Educação, por exemplo, veio do quadro de carreira”, afirma Emerson.