Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

sábado, 28 de fevereiro de 2015

Tarifa de energia sobe 36,8% no Paraná na segunda-feira.


   Resultado de imagem para Tarifa de energia sobe 36,8% no Paraná

   

A tarifa média da Companhia Paranaense de Energia (Copel) vai subir 36,8% a partir de segunda-feira (2). O reajuste extraordinário, anunciado nesta sexta-feira (27) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), é o quarto mais alto dentre as 58 distribuidoras de energia que terão sua tarifa elevada. Na média nacional, o efeito percebido pelos consumidores, ponderado pela receita das distribuidoras, será de 23,4%, segundo a Aneel.
Segundo a Copel, a conta de luz das residências vai subir 31,8%. Para o setor industrial, o aumento médio será de 38,9%. Normalmente, cada concessionária tem direito a um reajuste por ano – o da Copel ocorre no dia 24 de junho. No entanto, existia o temor de quebra de várias empresas caso elas tivessem de suportar muito mais tempo sem repassar ao consumidor o aumento de custos que sofreram de 2014 para cá.



O governo estadual, principal acionista da Copel, informou via assessoria que não vai comentar o assunto, uma vez que o reajuste “foi definido pelo governo federal”. Em meados do ano passado, quando a Aneel autorizou a companhia a reajustar sua tarifa em cerca de 35%, o governador Beto Richa determinou que ela aplicasse um aumento menor, de 25%. A diferença poderá ser repassada ao consumidor no próximo reajuste tarifário anual, em junho.
Segundo o diretor-presidente da Copel Distribuição, Vlademir Santo Daleffe, a empresa vai aplicar na íntegra o aumento autorizado pela Aneel. “Desse aumento, nem um centavo ficará na mão da Copel. É para fazer frente ao forte aumento da CDE [Conta de Desenvolvimento Energético], da alta da tarifa de Itaipu e da energia que as distribuidoras tiveram de comprar no leilão de ajuste de janeiro”, disse.



CDE

O fim dos repasses do Tesouro à CDE criou um rombo da ordem de R$ 23 bilhões para ser rateado entre todos os consumidores brasileiros. Caso os aportes do Tesouro continuassem, o valor do rateio seria bem inferior, de R$ 1,7 bilhão.
Esses R$ 23 bilhões servirão para cobrir a diferença entre o que as distribuidoras estão gastando para comprar energia – as despesas subiram por causa do uso intenso de usinas termelétricas, a fim de poupar reservatórios – e o que elas vinham cobrando dos consumidores.

Itaipu

Além do rateio da CDE, as concessionárias das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste estão arcando com o aumento do custos da energia de Itaipu, que representa em torno de 20% do suprimento dessas empresas. Neste ano, as tarifas da hidrelétrica foram reajustadas em 46%, em dólar. Como a moeda norte-americana está mais cara, o aumento em reais fica ainda mais forte.
Segundo a Aneel, o principal motivo para o aumento da tarifa de Itaipu foi o “cenário hidrológico adverso de 2014”. Por causa da falta de chuvas, a usina produziu menos no ano passado. Para honrar seus contratos com as distribuidoras, teve de comprar energia no mercado de curto prazo pagando o Preço de Liquidação de Diferenças (PLD), que passou boa parte do ano acima de R$ 800 por megawatt-hora (MWh). Esse aumento de custos, suportado por Itaipu ao longo de 2014, está sendo agora repassado às distribuidoras e, consequentemente, ao consumidor.

Leilão de ajuste

Daleffe cita também o leilão de ajuste realizado em janeiro, no qual as distribuidoras brasileiras compraram energia a preços elevados – R$ 385 por megawatt-hora (MWh) – para cobrir volumes “descontratados” que até então elas estavam tendo de comprar no mercado de curto prazo.
Fonte : GAZETA DO POVO

Justiça determina liberação de rodovias estaduais do Paraná.


  Resultado de imagem para Justiça determina liberação de rodovias

   

A Justiça estadual do Paraná determinou neste sábado (28), por meio de decisão liminar, a liberação de parte das rodovias estaduais que estão sendo alvo de bloqueios dos caminhoneiros desde a última semana. Ao todo, dos 27 pedidos de liminar judicial feitos nesta sexta (27) pela Procuradoria-Geral do Paraná (PGE), 17 foram concedidos pela Justiça estadual. O poder judiciário autorizou a ajuda da polícia para assegurar o cumprimento da decisão.



Até as 16 horas deste sábado (28), quatro rodovias estaduais continuavam bloqueadas pelos caminhoneiros, mesmo com a determinação da Justiça do Paraná para a liberação imediata das rodovias estaduais. Outras nove rodovias federais estão com trechos interditados.



De acordo com o documento da decisão, os motoristas que impedirem a passagem de veículos podem pagar multa de R$ 10 mil reais por hora de desobediência. A Confederação Nacional dos Transportes Autônomos (CNTA), a Federação Interestadual dos Transportadores Rodoviárias Autônomos de Bens (Fenacam), e o Sindicato dos Transportes Rodoviários Autônomos de Bens do Estado do Paraná (Sindicam), também podem pagar multa de R$ 100 mil reais por hora em casa de descumprimento.
Como a justiça trabalha em regime de plantão, o número de liminares aprovadas pela Justiça ainda pode aumentar neste fim de semana.

Negociação

Na quarta-feira (25), sindicatos e associações aceitaram a proposta do governo para acabar com a paralisação. Mas, como a categoria está dividida e não há uma liderança centralizada, alguns motoristas mantêm os bloqueios mesmo após o acordo, alegando que não participaram das negociações.
Entre os pontos que foram acertados entre o governo e alguns caminhoneiros está a sanção integral da Lei do Caminhoneiro, que regulamenta a profissão de motorista, e o compromisso da Petrobras de que o diesel não sofrerá reajuste nos próximos seis meses. Os motoristas querem também a fixação de uma tabela com preço de referência do frete.
Fonte : GAZETA DO POVO


Para toda família, para todos os estilos, no seu 

dia a dia, em seus melhores momentos!

PLANETA JEANS

RUA FRANCISCO TEIXEIRA - Nº: 37 

Comércio fecha em algumas cidades em protesto.


   Ampére - Foto: Vera Franciosi Schmitz

Na manhã desta sexta-feira (27), comerciantes de alguns municípios da região sudoeste fecharam as portas e foram para a rua junto com a população em protesto contra a carga tributária sobre os produtos e serviços.
Segundo a coordenação da Coordenadoria das Associações Comerciais e Empresariais  do Sudoeste do Paraná (Cacispar) cerca de 15 municípios aderiram ao movimento e fecharam as portas por cerca de duas horas.
Dois Vizinhos, Flor da Serra do Sul, Mangueirinha, Marmeleiro, Capanema, Pranchita, Ampére, Renascença, Itapejara D`Oeste, Planalto, Santa Izabel do Oeste, Salto do Lontra, São Jorge do Oeste, Pérola D`Oeste, Chopinzinho, Palmas e Capitão Leonidas Marques no Oeste, aderiram o protesto e tiveram apoio de professores e caminhoneiros.
Fonte : PPNEWS
         BODEGÃO

 PAPEL MILI APENAS R$ 9,99


                               SUCO TRINK APENAS R$ 0,66

Professores repudiam pedido de liminar; Greve chega ao 20º dia.


   

Sindicato se pronunciou oficialmente em relação à ação do governo que pretende acabar com paralisação: "direito de greve está garantido na constituição"
A greve dos professores e funcionários da rede estadual de ensino do Paraná chegou ao 20º dia neste sábado (28) e ainda não tem data para acabar. Na sexta-feira (27), o governo do estado entrou com um pedido liminar para que a justiça considerasse ilegal a greve, o que acabou gerando uma nota oficial de repúdio do Sindicato dos Trabalhadores da Educação do Paraná (APP-Sindicado). A assembleia da categoria está definida para a próxima quarta-feira. A orientação momentânea é que a greve continue.
Segundo o governo do estado, a ação é baseada em um suposto descumprimento de acordo da APP. Com isso, o poder público deseja retomar as aulas já na segunda-feira (02). O governador Beto Richa afirmou que todas as reivindicações da categoria foram atendidas e, por isso, acredita que “tudo esteja resolvido e que a greve irá acabar, com as aulas retornando na segunda”.
Com a decisão de entrar na justiça, a APP emitiu uma nota de repúdio ao governo. De acordo com o sindicato, a ação do poder público desconsidera o direito de greve garantida na constituição. “Tal atitude só demonstra a falta de diálogo deste governo com os trabalhadores. Vale ressaltar que o governador não participou de qualquer reunião de negociação. O governo apresentou suas propostas e foi informado pela comissão de negociação de que tais propostas seriam levadas à avaliação da categoria. Isso ocorrerá na próxima quarta-feira”, disse.
O sindicato ainda ressaltou que, caso a liminar saia, o departamento jurídico da entidade “não medirá esforços para a garantia do direito de greve”. A liminar começou a ser analisada ainda nesta sexta-feira (27) pelo Tribunal de Justiça e pode sair a qualquer momento.
Fonte : aRede
            LOJÃO DO BRÁZ

              

                


             O melhor para você

Paraná vai à Justiça contra greve dos professores.


   

Estado espera uma decisão ainda neste fim de semana para que as aulas retornem na segunda-feira
O governo do Paraná entrou nesta sexta-feira com pedido em caráter liminar, no Tribunal de Justiça, considerando a greve ilegal e para que os professores retornem imediatamente ao trabalho. De acordo com as informações da Secretaria de Comunicação, o Estado sustenta ter atendido a todas as reivindicações da categoria, não existindo, assim, motivos para persistir a mobilização. Uma decisão judicial deve sair a qualquer momento.
Segundo o governo, um documento com os compromissos assumidos foi enviado para a APP-Sindicado na quinta-feira, dia 26, confirmando o interesse da administração estadual em atender a pauta de reivindicações encaminhada pela categoria.
O Governo do Estado vai pagar integralmente o terço de férias dos professores da educação básica e das instituições de ensino superior do Estado até 31 de março. O governador Beto Richa também determinou a implantação de progressões e promoções para funcionários e professores a partir de maio e junho, respectivamente.
O pagamento do abono de férias em parcela única, impacto financeiro de R$ 116 milhões, e a implantação das progressões e promoções eram as últimas reivindicações do movimento grevista que já dura duas semanas e afeta 970 mil alunos das 2.100 escolas estaduais
Também foi feito o pagamento integral das rescisões dos contratos com professores temporários (PSS), no valor de R$ 70 milhões na terça-feira. Além disso, o Estado se depositou R$ 12 milhões referente ao terço de férias dos demais servidores públicos.
“Não existem mais razões administrativas, operacionais e financeiras que impeçam o início do ano letivo. O Governo fez todo o possível para resolver a situação do magistério. Agora temos que voltar para as salas de aula para que os alunos não sejam prejudicados ainda mais”, afirmou o secretário da Casa Civil, Eduardo Sciarra.
Professores querem negociar
O Comando de Greve Estadual, avaliando as propostas apresentadas pelo governo do Estado, após três rodadas de negociações, definiu que é necessária a reabertura das negociações, uma vez que as propostas apresentadas são insuficientes para reverter o caos instalado no pior início do ano letivo de nossa história. ‘Além disso, as propostas apresentadas pelo governo não asseguram direitos fundamentais já garantidos em nossa carreira e também não cumprem alguns compromissos referentes à categoria já assumidos anteriormente pelo governador’, diz o comando.
Fonte : aRede




                                                                                             ID: 303277.

MARCIO LOJÃO DO BRÁZ TEL: (42) 3644-1096
TEL: (42) 9149-1201 VIVO    
TEL: (42) 9968-3882

Padre pega 16 anos de prisão por abusar de menina no PR.


   

Caso aconteceu em Goioerê, na região noroeste do Paraná; Advogado do religioso afirmou que irá recorrer da sentença junto ao Tribuna de Justiça
O Padre Durvalino Rodrigues foi condenado pela Justiça a 16 anos de prisão pelo crime de estupro de vulnerável. O religioso está preso desde o dia 25 de maio do ano passado na Cadeia Pública da cidade de Goioerê, localizada no noroeste do Paraná.
O religioso foi detido após uma denúncia de abuso sexual transmitidas através do ‘Disque 100′. A vítima era uma menina de 10 anos. O caso começou a ser investigado em fevereiro de 2014. A garota acabou sendo ouvida pela polícia e confirmando o abuso.
Não há muitas informações a respeito do caso, já que ele correu em segredo de justiça para preservar a menina. O advogado do Padre Durvalino anunciou que irá recorrer à decisão junto ao Tribunal de Justiça.
De acordo com a Diocese de Campo Mourão, o padre já estava afastado das funções eclesiásticas quando foi preso pela Polícia Civil.
Fonte : aRede



Supermecado Oeste Rua Generoso Karpinski - Centro - SANTA MARIA DO OESTE - PARANÁ.

Acidente mata professora e deixa dezenas 

feridos.


   Acidente mata professora e deixa dezenas feridos

Acidente na tarde deste sábado, dia 28, deixou dezenas de feridos após tombamento de um ônibus da empresa São José, de Wenceslau Braz, que levaria fiéis católicos para Bandeirantes.Chovia no momento do sinistro. A professora estadual aposentada Cleusa Maria Soares(loira na foto com blusa estampada) morreu. Tinha 57 anos e era casada com o caminhoneiro Natal Corcini.
A viagem para o Santuário São Miguel Arcanjo foi interrompida em torno das 14 horas numa reta da chamada curva do Fiats, no KM 284 da rodovia PR-092.O motorista João Dias, de 62 anos, que não se machucou, contou que o eixo do cardã estourou.A revelação foi confirmada depois pelo guincheiro.
De acordo com informações da polícia rodoviária estadual em Siqueira Campos, todos os outros 45 passageiros, incluindo uma criança de colo, se feriram e foram atendidos na Santa Casa siqueirense,com escoriações e prováveis fraturas de dedos e mãos,por exemplo.
O ônibus, de placas AJK 9997/Wenceslau Braz está em perfeitas condições, com o seguro em dia e o condutor fez o teste do bafômetro, sem registrar problemas.
O patrulheiro comentou com o npdiario que, ao chegar no local do acidente, havia desespero, a maioria chorando e gritando.Os fiéis tinham acabado de rezar o terço quando ocorreu o tombamento.
A professora municipal Maria Honória Panichek disse que iria agradecer pelos 34 anos de casamento com marido Pedro(os dois na foto) no dia de hoje.
A funcionária pública Maria José afirmou ter sofrido somente um corte no braço causado por estilhaços dos vidros e manifestou agradecimentos por já estar em casa, em São José da Boa Vista.

Os católicos participariam da celebração de missa no Santuário de São Miguel Arcanjo(foto), que tem aproximadamente 2.700m2 , o formato de cruz é coberto de chapas de metal e é o terceiro maior do mundo dedicado a São Miguel Arcanjo,sendo que os outros dois ficam na Europa. Ao lado, foi construído um edifício com quatro pavimentos.
O Santuário começou a ser construído em 2009,concluído em 2012 e em pouco tempo se tornou um dos maiores centros de peregrinação religiosa do Sul do Brasil.Desde então devido as graças alcançadas atrai pessoas de toda parte em busca de um alívio físico e/ou emocional.
Fonte : NP
                         REALIZAR IMOVEIS

Oportunidade de um bom negocio;

- Terreno no centro de Santa Maria do Oeste


1.200M2 da para fazer 04 lotes de 300 M2 por apenas R$ 

250.000.00, aceita carro no negocio ou imovel na região 

de Curitiba.

- Terreno 300M2 no centro 150.000.00

- Terreno 516M2  no centro 180.000.00

- Terrreno 240M2 lot. tropical 52.000.00

- Terreno 260M2 lot. tropical 65.000.00, aceita camionete .

- Terreno rural 26 alq. todo em pasto da para fazer 


13alq. planta apenas R$ 800.000.00

- Terreno rural25 alq. apenas 10 minutos do centro de 

Santa Maria do Oeste por 1.250.000.00, troca por 

imoveis em Guarapuava.

- Uma chacara 2 alq. na beira do asfalto troca por casa 

Mulher com os filhos no carro morre em acidente na Av. das Torres; crianças foram salvas por taxista.


   Foto: Juliano Cunha - Banda B
   Foto: Juliano Cunha – Banda B

Uma mulher de 34 anos morreu no começo da manhã deste sábado (28) após perder o controle e capotar o carro em que estava na Avenida das Torres, próximo ao portal de São José dos Pinhais, na região metropolitana. Ela estava com os dois filhos, de 7 e 12 anos, que foram salvos por um taxista que passava pelo local e mobilizou algumas pessoas a desvirar o veículo Peugeot 207.
De acordo com o tenente Silva, do Corpo de Bombeiros, a vítima pode ter morrido por afogamento, já que o canteiro central da via estava com um acúmulo muito grande de água. “Ela estava com muita espuma na boca, o que pode indicar que esse foi o motivo da morte, já que os três usavam cinto de segurança”, disse.
A vítima era funcionária administrativa do Serviço de Atendimento Movél de Urgência (Samu) e seguia para o trabalho em São José dos Pinhais.
Taxistas, em mensagens de Whatsapp que chegaram até a Banda B, elogiaram a atitude do colega, que mobilizou um grupo com a intenção de resgatar as crianças. “Tem que dar os parabéns para o pessoal, principalmente para o taxista que dirigia um Classic. Se não fosse ele, as crianças também poderiam ter morrido”, disse um dos membros do grupo.
As crianças foram encaminhadas a um hospital de São José dos Pinhais, mas não correm risco de morte.
Fonte : Banda B