Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

quinta-feira, 5 de dezembro de 2019

05/12/2019 *--* Deus é Fiel !!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.


Hospitais de Guarapuava, Turvo e Pitanga recebem recursos de emendas da deputada Cristina.



Valores, liberados pelo governador Ratinho Júnior, são para compra de equipamentos e obras.

O governador Carlos Massa Ratinho Júnior e o secretário de estado de saúde, Beto Preto, liberaram nesta semana recursos de emendas individuais da deputada estadual Cristina Silvestri, que atenderão hospitais filantrópicos de Guarapuava, Turvo e Pitanga. A liberação foi realizada em solenidade no Palácio Iguaçu, em Curitiba.

Para Guarapuava, o hospital beneficiado foi o São Vicente de Paulo, com aporte do governo de R$ 10 milhões – destes, R$ 2 milhões são recursos oriundos de emenda da deputada Cristina, que serão utilizados nas obras do Hospital do Câncer.

Em Turvo, o Hospital Bom Pastor recebeu R$ 259 mil para a compra de equipamentos e obras de melhoria. Já o Hospital São Vicente de Paulo, de Pitanga, recebeu R$ 172 mil para obras. Ambos os recursos também são oriundos de emenda da parlamentar.

“O governador vem voltando cada vez mais o olhar para a saúde do nosso interior. Guarapuava, Turvo e Pitanga são municípios estratégicos para a região central, então este investimento será muito importante para melhorar ainda mais o atendimento aos moradores da nossa macrorregião”, ressaltou a deputada.

O evento de liberação de recursos contou com a presença do vice-prefeito de Guarapuava, Itacir Vezzaro, do provedor do Hospital São Vicente de Paulo, Huberto Limberger, do prefeito de Turvo, Jeronimo Gadens do Rosário, do representante da diretoria do Hospital Bom Pastor, Ernani Terniovcz, do diretor-administrativo do hospital de Pitanga, Tiago Porfírio, e da diretora da 5° Regional de Saúde Eliane Harmuch.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Gabinete da Deputada Estadual Cristina Silvestri na Assembleia Legislativa do Estado do Paraná.


Indivíduo é preso em Prudentópolis por tráfico de Drogas !!!


Por volta das 20h35min do dia 04 dez. 19, uma equipe de Rotam da Companhia de Prudentópolis, quando em patrulhamento pela Rua Princesa Isabel, na Vila da Luz, realizou abordagem de um indivíduo, que ao perceber a aproximação da viatura, dispensou um involucro ao chão, sendo uma sacola plástica contendo 10 porções de substância análoga a maconha, embaladas individualmente e prontas para a comercialização, a qual totalizou 26 gramas. Indagado sobre a droga encontrada, este relatou ter adquirido de um desconhecido. O abordado já é conhecido do meio policial pelo crime de tráfico de drogas, sendo ainda localizado com o mesmo, dinheiro em notas diversas. Dada voz de prisão e encaminhado a Delegacia Local para procedimentos.

Fonte: Polícia Militar.


Para defender a mãe de agressão, rapaz mata padrasto a facada.


Um homicídio foi registrado no final da tarde de quarta-feira (04) no interior de Salgado Filho.

De acordo com a Polícia Militar, o crime aconteceu após o filho perceber que a mãe estava sendo agredida pelo companheiro e ao defende-la, acabou tirando a faca da mão do padrasto e desferiu um golpe na região do tórax.

O padrasto, identificado como Adilson dos Santos de 33 anos ainda caminhou por alguns metros, mas caiu e morreu no local.

A Polícia Militar isolou o local para o trabalho de perícia e em seguida o corpo da vítima foi removido ao Instituto Médico Legal (IML) de Francisco Beltrão. O enteado de 21 anos não foi localizado.

Fonte: PP NEWS FB.


Acidente é registrado na BR-376, em Ortigueira.


A PRF atendeu no km 355 da BR-376 em Ortigueira, uma colisão frontal envolvendo dois caminhões MB, um de São José dos Pinhais/Pr, o qual deslocava sentido Londrina e outro de Recife/PE, que transitava sentido Curitiba.

Lenvantamento apontou que o condutor do MB que seguia sentido Norte, para evitar uma colisão traseira com outro veículo que seguia à sua frente, acabou, ao acionar os freios, perdendo o controle do veículo vindo a invadir a pista contrária e colidindo contra o outro caminhão que se deslocava sentido contrário.

Na sequência, um terceiro veículo, Kia Sorento de Londrina/PR, que também seguia sentido Sul do estado, acabou colidindo transversalmente contra um dos caminhões que estavam imobilizados sobre a via.

Chovia forte no momento do acidente, o condutor de um dos caminhões ficou preso na ferragens e precisou ser “desencarcerado” por socorristaa da concessionária , porém, apesar da gravidade, não houve vítimas.

Todos os condutores foram submetidos ao teste de “etilometro” com resultado negativo para alcoolemia.

Informação e imagens BDCom 3° Delegacia da PRF de Ponta Grossa


Guarapuava: grave acidente é registrado na BR - 277.


A PRF (Polícia Rodoviária Federal), por volta das 4h40 desta quinta-feira atendeu acidente do tipo colisão lateral, no Km 311 da BR-277 em Guarapuava.

Equipe foi acionada pois um veículo Saveiro, placa de Guarapuava, que seguia sentido Curitiba, perdeu o controle, rodou na pista e atingiu lateralmente um caminhão que seguia no sentido contrário.

O motorista do veículo de passeio sofreu lesão consideradas leves e foi encaminhado pelo resgate da concessionária para UPA Batel de Guarapuava. O condutor do caminhão nada sofreu.

Foi realizado teste do etilômetro no condutor do veículo de carga com resultado negativo para consimo de bebidas alcoólicas. Já no motorista da Saveiro não foi possível realizar o teste devido ao encaminhamento ao atendimento médico.

Chovia no horário do acidente.

Fonte: PRF.


Em CPI, Joice diz que País é governado por filhos do presidente.


Ex-líder do governo no Congresso Nacional, a deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) voltou a atacar o presidente da República, Jair Bolsonaro, e seus filhos, durante sessão da CPI das Fake News realizada na tarde desta quarta-feira, 4, no Senado Federal. Joice disse que o País é governado pelo filhos do presidente e que Jair Bolsonaro comanda a nação flertando com o autoritarismo.

Joice ainda acusou Jair Bolsonaro de compartilhar mensagens em que uma lista longa de deputadas são chamadas de prostitutas.

Desde quando foi destituída da liderança do governo, Joice passou a enfrentar os filhos de Jair Bolsonaro e o próprio presidente. Joice foi convidada pelo senador Rogério Carvalho (PT-SE) a falar à CPI das Fake News.

Segundo ela, os “flertes do presidente com o autoritarismo” a preocupam e causam reação de temor também dentro do Palácio do Planalto.

“Preocupam qualquer um que se preocupa com democracia. Por óbvio, esses flertes com o autoritarismo me preocupam. Reservadamente, dentro do Palácio esse flerte preocupa outros ministros”, disse.

Em diversos momentos, a CPI teve debates acirrados entre a ala bivarista e a bolsonarista do PSL. A deputada chegou a dizer que o País não é governado pelo presidente, nas por seus filhos. E sugeriu que Jair Bolsonaro mude a forma de governar.

“Agora, o que eu espero é que haja correção de rota. Que ele realmente cuide do país como prometemos cuidar. Espero uma correção de rota. Espero que o governo seja tocado pelo presidente, não pelos filhos do presidente”, diz ela, que completou: “Espero que nosso presidente assuma o poder que tem a frente da nação. E não se a pequena no lobby para por filho em embaixada.”

Bolsonaro

Durante visita a uma feira popular em Brasília, Bolsonaro admitiu que não teme resultado da CPI das Fake News. “Inventaram o ‘Gabinete do Ódio’ e alguns idiotas acreditaram. Outros idiotas vão até prestar depoimento, como tem um idiota prestando depoimento uma hora dessas lá”, disse.

Procurados pela reportagem, o Planalto afirmou que não comentará o depoimento de Joice e Eduardo e Carlos não retornaram o contato até a publicação da matéria.

Fonte: CGN.


quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

04/12/2019 *--* Deus é Fiel !!!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.



Jovem de 29 anos é preso em Pitanga na PR – 466, com mandado da vara de família de Londrina – PR.

Resultado de imagem para giroflex

  Na data de 03 de dezembro de 2019 as 10h00min a equipe tomou ciência que um masculino de 29 anos possuia um Mandado de Prisão em seu desfavor, expedido pela 3ª Vara de Família de Londrina, sendo então deslocado até um estabelecimento comercial na Rodovia PR - 466 onde foi localizado o masculino, e dado fiel cumprimento ao Mandado de Prisão, sendo conduzido o mesmo até a 45ª DRP para os demais procedimentos. 

Fonte: Polícia Militar.



Mulher é assaltada quando voltava de festa de aniversário em Guarapuava e Bandidos ameaçam sua filha e levam celular.


Por volta das 07h15min do dia 03 dez. 19, uma equipe de Rádio Patrulha, deslocou até a Rua Floriano Guiné, Bairro Morro Alto, no local, a vítima relatou que nesta data, por volta das 05 horas, quando retornava de uma festa de aniversário, dois homens encapuzados, fazendo menção de estar armados, lhe deram voz de roubo e levaram um aparelho de celular marca Samsung, modelo A58, cor azul. Relatou que tentou evitar o roubo, porém os mesmos lhe desferiram socos e tapas na face. Que os autores falaram para a solicitante não chamar a polícia, pois os mesmos conheciam sua filha, ameaçando-a. Orientado quanto aos procedimentos.

Fonte: Polícia Militar.



mulher e duas crianças ficam feridas em capotamento.



Um acidente de trânsito no inicio da noite de terça-feira (03), na PR-483 em Francisco Beltrão deixou uma mulher e duas crianças feridas.

O veículo Jetta emplacado em Francisco Beltrão saiu da pista no trevo de acesso a Manfrinópolis e acabou capotando.

A condutora de 32 anos e dois filhos de 7 e 5 anos sofreram ferimentos leves e foram encaminhados a UPA para atendimento médico.

Samu, Corpo de Bombeiros e Polícia Rodoviária Estadual foram acionados para atender a ocorrência.

Foto: Ivânia Bonatto / Fonte: Diário da Informação.



Acidente é registrado na PR-495, região de Santa Helena.



No final da tarde desta terça-feira (3), foi registrado um acidente de trânsito na PR-495, no Pacuri, entre o distrito de Moreninha e Esquina Céu Azul, em Santa Helena.

Segundo informações, o condutor de 35 anos seguia com o veículo KIA Sportage pela rodovia, sentido Moreninha a Santa Helena, quando na curva do Pacuri perdeu o controle do veículo devido às pedras que estavam sobre a pista, parando em meio à plantação.

Felizmente, ninguém se feriu e apenas danos materiais foram contabilizados.

Fonte: Site Correio do Lago.



Mulher e criança, passageiros de veículo Parati, ficam feridas em capotamento na PR-495 em Medianeira.



Um capotamento de veículo foi registrado na tarde desta terça-feira (3) na rodovia PR-495, nas proximidades do trevo da comunidade de Maralucia, em Medianeira.

O fato foi registrado por volta das 16h20 e envolveu um veículo VW Parati com placas de Medianeira.

Segundo relato do condutor do veículo, ele trafegava sentido Missal à Medianeira e, devido à chuva, teria perdido o controle da direção, vindo a rodar no asfalto, sair da pista e capotar ao lado da via.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e prestou socorro à uma mulher e uma criança, que eram passageiros do carro, as quais foram encaminhadas para atendimento médico com ferimentos leves. Já o condutor não se feriu e dispensou atendimento.

Fonte: Guia Medianeira.



Por pedido da Procuradoria da Mulher, vítimas de violência doméstica poderão solicitar assessoria jurídica mais cedo.



Em breve, mulheres poderão solicitar advogado dativo ou defensor público no momento em que pedirem a medida protetiva - e não só a partir da primeira audiência como ocorre hoje.

Através de um pedido da Procuradora da Mulher da Assembleia Legislativa do Paraná, deputada estadual Cristina Silvestri (Cidadania), a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SESP) deu sinal verde para a inclusão de um item no formulário de solicitação de medida protetiva que trará benefícios jurídicos às mulheres vítimas de violência. Em breve, elas poderão sinalizar, já no momento em que realizam a solicitação, se possuem interesse em ter acompanhamento de defensores públicos ou advogados dativos, ou seja, aqueles profissionais que atuam em casos de vítimas que não possuem condições financeiras de contratar um especialista.

“É uma medida que traz um benefício incalculável à mulher vítima de violência. Hoje, mulheres que não têm a possibilidade de contratar um advogado particular só recebem assessoria jurídica do poder público no momento da primeira audiência. O apoio especializado permite que a vítima esclareça dúvidas, receba informações sobre situações de risco e acompanhe o andamento do seu caso”, explicou Cristina.

Esta foi a primeira pauta da Procuradoria da Mulher da Assembleia, que começou a ser trabalhada pela deputada Cristina poucos dias após a instalação do órgão em julho deste ano. A demanda surgiu através de uma reunião da Comissão de Estudos sobre Violência de Gênero (CEVIGE) da OAB Paraná junto à procuradora da mulher na Assembleia. Para a sua viabilização, a parlamentar realizou reuniões na Secretaria de Segurança Pública, Coordenadoria de Delegacias da Mulher do Paraná (CODEM) e, também, no Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR).

Segundo despacho enviado à Procuradoria da Mulher da Alep, a inclusão do item solicitado está sendo alinhada pelos órgãos superiores da Polícia Civil e Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (CELEPAR) para definição do modelo de documento e sua respectiva implantação nos sistemas policiais.

“É uma grande conquista para todas as paranaenses. Este procedimento será adotado em todas as situações em que a mulher vítima de violência doméstica e/ou familiar der início a um inquérito policial, sendo assim, esta medida não atingirá apenas as Delegacias da Mulher, mas também as cidades onde não existam estas unidades especializadas”, finalizou Cristina, relembrando que a Procuradoria continuará acompanhando o caso para a inclusão efetiva do item no formulário de medida protetiva.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Gabinete da Deputada Estadual Cristina Silvestri  na Assembleia Legislativa do Estado do Paraná.



Senadores vão pedir para CCJ votar 2ª instância na semana que vem.



Senadores que defendem a prisão após condenação em segunda instância vão pedir a votação da proposta na próxima quarta-feira, 11, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, apesar da movimentação da Câmara.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), deve instalar nesta quarta-feira, 4, uma comissão especial para analisar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que tramita na Casa. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), por sua vez, quer esperar os deputados aprovarem um texto para só depois pautar a proposta.

A estratégia de Alcolumbre desagradou a seus aliados. Além disso, o líder do Podemos no Senado, Álvaro Dias (PR), afirmou que os senadores entregarão um abaixo assinado para a presidente da CCJ, Simone Tebet (MDB-MS), pedindo a votação da proposta no dia 11.

Simone Tebet quer que o Senado vote uma proposta independentemente da Câmara, mas condiciona o movimento a um acordo. Como vários líderes estão articulando o adiamento da discussão para dar prioridade à PEC da Câmara, os senadores favoráveis à execução antecipada da pena incentivaram um movimento de revolta dos liderados.

Ainda nesta terça-feira, 3, um grupo de deputados e senadores lançou a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Prisão em Segunda Instância. A estratégia é cobrar a tramitação rápida de propostas no Congresso que possibilitem a prisão de condenados em segundo grau.

Fonte: CGN.


terça-feira, 3 de dezembro de 2019

03/12/2019 *--* Deus é Fiel !!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.


Homem vai dormir e não acorda mais em Pitanga. Entenda o caso !!!

Imagem relacionada
(IMAGEM ILUSTRATIVA)
            
Na data de 02 de dezembro por volta das 11h45min a equipe foi informada pelo corpo de bombeiros que teriam dado atendimento a um local de morte. Diante dos fatos foi deslocado até o local e constatado o fato, onde em conversa com o filho da vítima, este relatou que seu pai teria lhe pedido um copo de agua por volta das 00h00min, sendo que este tem o costume de se trancar no quarto, e que nesta manhã foi necessário arrombar a porta do quarto, onde o localizou o seu pai deitado em sua cama sem vida. Diante disso foi isolado o local e acionado os órgãos competentes.

Fonte: Polícia Militar
 


Três pessoas da mesma família são baleadas em carro.



Três pessoas da mesma família foram baleadas no fim de semana na rua do Lago, na Vila Nova, em Prudentópolis . Uma das vítimas, de 25 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu antes de receber atendimento médico.

O marido da jovem e um dos filhos do casal também foram atingidos pelos tiros. Todos estavam dentro de um Fiat Palio que foi alvo de tiros por volta das 23h30.


Segundo a Polícia Militar, a mulher foi atingida no peito e morreu ainda no local do crime. O companheiro dela foi atingido nas costas, enquanto o filho do casal, de 2 anos, sofreu lesões nas duas pernas, mas está fora de perigo. Outro filho do casal, de 4 anos, que também estava no veículo não foi atingido. O pai e as duas crianças foram encaminhados para a Santa Casa de Prudentópolis. O carro foi encaminhado ao pátio da Delegacia de Prudentópolis.

O corpo da vítima fatal foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Guarapuava. A Polícia Civil investiga as causas do homicídio. Até a publicação desta reportagem, nenhuma pessoa havia sido presa por envolvimento no crime.

Fonte: Portal A Rede com Rádio Najuá.



Defesa pede liberdade a Juninho Riqueza, réu confesso pela morte de Daniel.


A defesa de Edison Brittes Junior pediu à Justiça de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, a liberdade do acusado, que é réu confesso pela morte do jogador Daniel Corrêa Freitas. O pedido foi protocolado no Processo Eletrônico do Judiciário do Paraná nesta segunda-feira (2).

De acordo com o advogado Claudio Dalledone, o momento é oportuno para a conversão da prisão de Brittes por medidas cautelares. “Pode ser o monitoramento dele em casa, pode ser a restrição total de saída, uma vez que o processo está maduro para isso. Ele preenche requisitos objetivos e subjetivos para responder em liberdade e enxergamos que esse é o momento”, explicou.

Caso o pedido seja negado pela juíza Luciani Regina Martins de Paula, Dalledone promete recorrer ao Tribunal de Justiça do Paraná para que Brittes ganhe o direito de recorrer em liberdade, assim como os demais réus do caso.

Edison Brittes Junior, que também é conhecido como Juninho Riqueza, responde por homicídio qualificado pelo motivo torpe, meio cruel e outro recurso que dificulte ou torne impossível a defesa, ocultação de cadáver, fraude processual, corrupção de adolescente e coações no curso do processo.

Denúncia

Segundo a denúncia do Ministério Público do Paraná (MP-PR), Daniel participava das comemorações de aniversário da filha de Edison, Allana Brittes, que havia completado 18 anos. Após passar a noite em uma casa noturna do bairro Batel, Daniel foi convidado para um ‘after’ na casa da família Brittes, onde o crime aconteceu.

Edison Brittes confessa a morte de Daniel e afirma que tomou a medida extrema após encontrar Daniel na cama com Cristiana. O jogador então foi brutalmente espancado e levado no porta-malas de um Veloster até a Colônia Mergulhão, onde foi morto com um corte no pescoço e o pênis decepado.

Edison, Cristiana Brittes e Allana foram apontados como principais responsáveis pelo crime, com David William Vollero Silva, Eduardo Henrique Ribeiro da Silva, Ygor King e Evellyn Perusso sendo posteriormente indiciados e denunciados por envolvimento na morte.

Pronúncia

Atualmente, o processo aguarda a decisão de pronúncia, que pode levar os sete réus a júri popular, mas por diferentes crimes.

Fonte: BANDA B.



Beltronenses sofrem acidente após desviar de veículo na contramão na PR- 481.


Uma família de Francisco Beltrão sofreu um acidente na noite de domingo (01), em Ampére.

Segundo o condutor, eles seguiam pela rodovia PR-481 com um veículo GM/Corsa e por volta das 10h30 um Vectra que transitava no sentido contrário avançou na contramão e para não bater de frente ele tirou o carro da pista e acabou caindo em uma ribanceira de aproximadamente quatro metros.

No carro estava o casal e o filho que visitavam familiares em Ampére e retornavam para casa em Francisco Beltrão.

A esposa do condutor e o filho do casal de três anos foram socorridos ao Hospital Santa Rita pela equipe do Samu de Realeza. O condutor teve escoriações leves e dispensou encaminhamento.

O Corpo de Bombeiros também prestou atendimento na ocorrência.

O condutor do veículo que causou o acidente não parou para prestar socorro e não foi identificado.

Fonte: PP NEWS FB.


Moro pede votação de projeto de lei de 2ª instância este ano.


O ministro Sergio Moro, da Justiça e Segurança Pública, afirmou ser contra deixar para o ano de 2020 a discussão sobre a prisão em segunda instância. Esse é o cenário mais provável no momento no Congresso, na medida em que o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), está costurando um acordo com líderes para aguardar a tramitação de uma proposta de emenda constitucional na Câmara dos Deputados. Na primeira manifestação contrária a esse acordo, Moro reafirmou que não é necessária PEC, e sim, projeto de lei, para promover a mudança, por meio da alteração do Código do Processo Penal.

“Eu gostaria de ver isso aprovado o quanto antes. Se for possível aprovar por um projeto de lei nesse ano, no Senado ou na Câmara, um tanto melhor. Por que a gente tem de esperar o ano que vem?”, indagou em Moro, em entrevista à Rádio Jornal do Commercio de Caruaru.

“Mas, se a decisão do Congresso for fazer por uma emenda constitucional, que tenha alguns prazos maiores, aí é uma decisão do Congresso. O importante é a sociedade, nós ficarmos vigilantes em relação a essa situação, para que possamos ver isso realizado”.

Senadores próximos ao ministro da Justiça vinham apelando ao chefe da pasta para se colocar publicamente com mais contundência a respeito do que classificam como um “acordão” entre Alcolumbre, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), líderes do Centrão e da esquerda.

Houve incômodo até com a postura de Moro durante reunião com parlamentares na semana passada. O encontro terminou com líderes anunciando um acordo para priorizar a discussão na Câmara. Para interlocutores do ministro, a ida ao encontro demonstra que existe diálogo de Moro com o Congresso e representa o reconhecimento de que ele não pode pautar o Legislativo.

Acordo

A tentativa de firmar um acordo para bloquear a tramitação das propostas no Senado foi encampada pelo presidente da Casa, Davi Alcolumbre, em reunião com líderes do Congresso na terça-feira da semana passada. Após reação da ala contrária a essa solução, incluindo a presidente da Comissão de Constituição e Justiça, Simone Tebet (MDB-MS), Alcolumbre decidiu aguardar a Câmara enviar um cronograma de tramitação da PEC na Casa, e instalar comissão especial até esta terça-feira, 3. A expectativa é se Maia irá cumprir esse combinado.

Se a PEC da Câmara realmente for priorizada, a tramitação deve ser mais lenta e a aprovação, mais difícil. Uma Proposta de Emenda à Constituição precisa de 308 votos na Câmara e 49 no Senado em dois turnos para ser aprovada, além de ter de passar por comissões antes do plenário, com até 40 sessões.

Já um projeto de lei, como quer Moro a bancada “lavajatista”, precisa apenas de maioria simples nas duas Casas. Defensores da proposta dizem já ter votos para aprovar um projeto como esse. Reservadamente, parlamentares avaliam que a estratégia de priorizar a PEC da Câmara leva em conta que os deputados dificilmente votarão a proposta em plenário rapidamente. Ou seja, esperar a Câmara e evitar que o Senado aprove outra proposta deixaria o assunto em “banho-maria”.

“Já vão ficar para o ano que vem e, se bobear, vão para as calendas as 40 sessões, para ver se engana a opinião pública”, comento o líder do PSL no Senado, Major Olimpio (SP) durante sessão do Congresso Nacional na última quarta-feira, 27.

Deputados do Centrão argumentam que a PEC da Câmara, ao alcançar mais processos além de acusações penais, é uma discussão mais justa e aplica a segunda instância “para todos”. A proposta tem um efeito ampliado e afetar não só ações na área criminal, mas também antecipar o pagamento de dívidas cobradas na Justiça, aumentando despesas para União, Estados, municípios e empresas.

“Eu sou daqueles que prefiro esperar mais um mês e dar uma solução robusta, estruturada que responde à população, que dá estabilidade para as instituições a embarcar numa aventura, para fazer demagogia, sabendo que ela não terá efeito prático nenhum ou que ela pode mudar ali na próxima esquina”, comentou o deputado Marcelo Ramos (PL-AM).

Fonte: Polícia Militar.



Cunha alega aneurisma cerebral e pede prisão domiciliar no Rio.



O ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha apresentou pedido à Justiça do Rio para cumprir em regime domiciliar o restante da pena imposta pela Lava Jato. A defesa alega que o ex-parlamentar apresenta um quadro de aneurisma cerebral.

Atualmente, Cunha se encontra detido no presídio de Bangu 8, após ser transferido em maio do Complexo Médico Penal de Pinhais, no Paraná, onde estava preso pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

A Secretária de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro (Seap-RJ) confirmou ter sido acionada para elaborar um laudo médico sobre a saúde de Cunha para responder as alegações trazidas pela defesa e pelo Ministério Público do Rio. O processo de execução penal contra Cunha corre em segredo de Justiça e a defesa não quis comentar o assunto.

Cunha está detido desde maio na Penitenciária Pedrolino Werling de Oliveira, conhecido como Bangu 8, no Rio. A defesa obteve a transferência pela Justiça Estadual do Paraná a pedido do advogado Rafael Guedes, que sustentou que o ex-presidente da Câmara tinha o direito de ficar mais próximo da família.

Preso desde 19 de outubro de 2016, quando foi alvo de prisão preventiva no âmbito da Lava Jato, Cunha foi sentenciado a 14 anos e seis meses de prisão pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), o Tribunal da Lava Jato, por suposta propina de US$ 1,5 milhão envolvendo a compra de um campo petrolífero em Benin, na África, pela Petrobras, em 2011.

Na primeira instância, o ex-presidente da Câmara foi condenado pela justiça federal de Brasília a 24 anos e dez meses de prisão por desvios de recursos do Fundo de Investimentos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

Apesar do novo entendimento sobre a execução de pena após julgamento em segunda instância, Cunha não foi solto devido a pedidos de prisão preventiva que ainda o proíbem de responder às acusações em liberdade. Em agosto, o Supremo Tribunal Federal manteve um dos mandados contra Cunha imposto pela 14ª Vara Federal do Rio Grande do Norte.

Fonte: CGN.



PF faz buscas em MG contra supostas ameaças a Bolsonaro nas redes sociais



A Polícia Federal cumpriu dois mandados de busca e apreensão em Três Corações e Alfenas, municípios no Sul de Minas Gerais, para apurar supostas ameaças publicadas em redes sociais contra o presidente Jair Bolsonaro. As ordens foram expedidas pela Justiça Federal sob argumento de crime contra a segurança nacional.

A investigação teve início na última sexta-feira, 29, após um homem ser detido por ter publicado em seu perfil nas redes sociais fotos e vídeos de suposto plano de atentado contra Bolsonaro. O presidente esteve na cidade de Três Corações no mesmo dia para participar da Solenidade de Diplomação das Turmas do Curso de Formação de Sargentos 2019.

Bolsonaro chegou ao município mineiro por volta das 10h35 e deixou a cidade às 13h30, conforme registros em sua agenda oficial.

O suspeito detido era funcionário terceirizado da Escola de Sargentos das Armas e aparecia em vídeos postados pela instituição em redes sociais. A investigação tramita em segredo de Justiça.


Fonte: CGN.