Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

quarta-feira, 10 de abril de 2019

10/04/2019 *--* Deus é Fiel !!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.



Homem ateia fogo em veículo com mulher grávida e criança de quatros anos dentro, em Turvo.


Na tarde dessa terça-feira (09), um caso grave aconteceu na localidade de Passa Quatro, área rural de Turvo.

Segundo informações repassadas ao Blog do Elói, um homem colocou a esposa grávida, a enteada de quatro anos dentro de um veículo e ateou fogo. 

A mulher conseguiu sair do veículo que já estava em chamas e gritar por socorro. Um homem que passava pelo local ajudou tirar a criança que já estava com queimaduras. A mulher e a criança foram socorridas até ao Hospital Bom Pastor de Turvo, onde estão sendo atendidas.

Nossa reportagem não conseguiu informações no hospital sobre a gravidade dos feridos. O que se sabe é que a criança será encaminhada para um hospital de Curitiba.

A Polícia Militar informou ao blog que faz buscas no intuito de prender o homem. 
A ocorrência está em andamento. Em breve mais informações com o boletim da polícia.
Fonte Blog do Elói


Rio Bonito - Ônibus do município atropela cavalo no meio da pista em Guarapuava.

Rio Bonito - Ônibus do município atropela cavalo no meio da pista em Guarapuava

Na noite desta segunda dia 08, um acidente envolvendo um ônibus universitário do município de Rio Bonito do Iguaçu e um cavalo foi registrado na cidade de Guarapuava.
Segundo informações do motorista do coletivo, havia 05 animais soltos na beira da estrada quando um deles atravessou a pista, o motorista tentou desviar porém acabou colidindo contra o animal, ninguém ficou ferido, o animal morreu no local.
A polícia esteve no local para fazer a retirada dos animais.
Fonte Portal Cantu



Homem morre após ser atropelado por ônibus na BR-277.


Um homem morreu após ser atropelado por um ônibus da linha Campo Largo/Curitiba na BR-277, no começo da noite desta terça-feira (9). Ele morreu ainda no local. O acidente interditou uma faixa sentido interior do estado, no km 96.
O motoboy Bruno Ferreira Garcia, que presenciou o acidente, parou a motocicleta na via, evitando outras colisões. “Chamamos o socorro, mas logo depois eu percebi a gravidade do acidente e vi que não tinha muita coisa a ser feita”, contou o rapaz. O acidente fez com que o trânsito ficasse lento, mas sem grandes filas.
Uma passageira que preferiu não se identificar, que o coletivo estava lotado, mas ninguém de dentro do veículo se feriu. “Nós vimos um vulto quando a pessoa se jogou na frente. O motorista tentou segurar, mas não conseguiu. Eu acredito que o homem se jogou na frente do ônibus”, afirmou.
O casos será investigado pela Polícia Rodoviária Federal. O corpo da vítima, ainda não identificada, foi recolhida ao Instituto Médico Legal de Curitiba. A faixa onde o atropelamento ocorreu foi isolada para o atendimento da ocorrência.
Fonte Banda B
Menina de 11 anos tenta defender a mãe em briga e é morta a tiros pelo próprio pai.


Uma menina de 11 anos de idade foi morta pelo próprio pai na zona rural de Muritiba, na Bahia, após tentar defender a mãe em uma discussão no último domingo. Michele Magalhães Rodrigues teria tentado impedir Lucival de Oliveira Rodrigues de continuar agredindo a mãe com socos, quando foi baleada e não resistiu.
O irmão de Michele, de apenas cinco anos, também foi atingido pelos disparos e precisou ser hospitalizado. Ele segue internado nesta terça-feira. A mãe das duas crianças não teria sido ferida pelos disparos.
A Polícia Civil apontou Lucival de Oliveira Rodrigues como suspeito de ter atirado e fugido em seguida. Ele é considerado foragido e está sendo procurado pela corporação.
Fonte Banda B
Temporal deixa cidade do Rio em estágio de crise; pelo menos 8 pessoas morreram.


Um temporal que atinge o Rio de Janeiro desde o início da noite desta segunda-feira, 8, provocou a morte de pelo menos oito pessoas, alagou ruas, derrubou árvores e destruiu carros em vários bairros. Avó, neta e motorista de táxi estão entre as vítimas, encontrados em um carro soterrado após um deslizamento no Botafogo.
Equipes dos Bombeiros e da Defesa Civil seguem trabalhando no local para tentar resgatar os corpos.
Além deles, o corpo de um homem que teria morrido afogado no temporal foi resgatado na tarde desta terça no Jardim Maravilha, em Campo Grande, na zona oeste do Rio. A região está completamente alagada e as pessoas estão se deslocando em barcos O morto ainda não foi identificado mas, com a nova vítima, sobe para oito o número de mortos.
Com a morte deste homem, além das três mortes confirmadas após o soterramento em Botafogo, subiu para oito o número de mortos confirmados em razão da tempestade. Um homem está desaparecido no Morro da Babilônia e pode ter sido soterrado.
No início da tarde, foi confirmada a morte de Leandro Ramos Pereira, de 40 anos, que levou um choque enquanto limpava o ralo de sua casa. Guilherme N. Fontes, de 30 anos, morreu também na noite de segunda-feira, na Gávea, na zona sul. O corpo do homem foi achado debaixo de um carro. Ele teria caído de uma moto e sido arrastado pela água na Marques de São Vicente, uma das principais ruas do bairro.
Duas mulheres, as irmãs Doralice e Gerlaine do Nascimento, de 55 e 53 anos, morreram num deslizamento no Morro da Babilônia, no Leme. Elas eram vizinhas.
O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, afirmou que mais de cinco mil homens estão trabalhando nesta manhã para tentar minimizar os problemas causados pela forte chuva. “Decretamos feriado nas escolas e pedimos para que ninguém que não precise saia às ruas. As chuvas que caíram são anormais, nenhum de nós esperava um volume desses”, disse Crivella em entrevista coletiva no Centro de Operações do Rio.
Ele disse que o Centro funcionou durante toda a noite e que as equipes vão continuar trabalhando hoje para tentar evitar mais tragédias. Crivella afirmou ainda que as regiões mais afetadas foram a zona sul e a zona oeste, e que deslizamentos graves só foram observados no Morro da Babilônia, no Leme. Segundo ele, 785 pontos da cidade estão sem luz e algumas das principais vias da cidade foram fechadas por segurança, como a Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá e o Auto da Boa Vista, que ligam a zona norte à zona oeste. “Foi uma coisa trágica ontem”, ressaltou ele.
A força da água causou o desabamento de mais um trecho da Ciclovia Tim Maia, que liga o Leblon, na zona sul, à Barra da Tijuca, na zona oeste. Desta vez, a parte que caiu fica próxima ao bairro de São Conrado. O desabamento ocorreu por volta das 22h, quando a via já estava fechada. Desde que foi inaugurada, em 2016, a estrutura já sofreu quatro desabamentos. O mais grave deles ocorreu logo após a inauguração, quando uma ressaca no mar derrubou uma parte da pista, matando duas pessoas.
Fonte Banda B


Funkeira Verônica Costa é condenada a cinco anos de prisão por tortura de ex-marido.


A vereadora Verônica Costa (MDB), a Mãe Loura, foi condenada pela Justiça a cinco anos e dez meses de prisão, em regime semiaberto, pela tortura de seu ex-marido, Márcio Costa. O caso veio à tona em fevereiro de 2011, após o homem, que na época ainda era casado com a funkeira, denunciar o caso à Polícia Civil. Na decisão, o juiz Marcelo Oliveira da Silva, da 16ª Vara Criminal, determinou a perda do cargo da vereadora. Ainda cabe recurso.
Além de Verônica, quatro parentes da funkeira também foram condenados pelo crime, a penas de cinco anos e três meses. O processo corre em segredo de Justiça.
Fonte Banda B
Idosa fica presa às ferragens em acidente em Santa Helena.


No início da noite desta terça-feira (9), o SAMU, Defesa Civil e Bombeiros de Santa Helena, foram acionados para dar atendimento a um acidente de trânsito no distrito de São Clemente, no local conhecido como “curva do cemitério”, interior de Santa Helena.
De acordo com informações do local, a condutora do Mitsubishi Pajero, placa de Marechal Cândido Rondon, trafegava pelo rodovia PR 317, sentido São Clemente / Santa Helena, quando na curva do cemitério, perdeu o controle do veículo, vindo a capotar, parando em uma plantação de milho. A idosa, que tem 78 anos de idade, estava sozinha no veículo. 
Bombeiros e Defesa Civil utilizaram um desencarcerador para retirar a vítima do veículo. 
A mulher, que é moradora de Marechal Cândido Rondon, sofreu ferimentos moderados e foi encaminhada pelo SAMU ao Pronto Atendimento Municipal de Santa Helena.
Informações são do site CORREIO DO LAGO.


Por unanimidade, 2ª Turma do STF nega reduzir pena imposta a Cunha pela Lava Jato.


A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) negou, por unanimidade, nesta terça-feira, 9, reduzir a pena imposta pela Lava Jato ao ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha, preso desde 2016 pela operação. Em março de 2017, o então juiz federal Sergio Moro condenou Cunha em ação relativa a recebimento de propina na compra do campo petrolífero de Benin, na África, por corrupção, lavagem e evasão fraudulenta de divisas. Segundo o Ministério Público, ele recebeu R$ 1,5 milhão de propina, tendo o dinheiro sido lavado em contas na Suíça.

Quando julgou o caso, a segunda instância da Justiça reduziu em 10 meses a pena do ex-parlamentar, que caiu para 14 anos e 6 meses. A defesa de Cunha havia alegado ao STF que as condenações relativas aos crimes de corrupção e lavagem se referiam ao mesmo ato atribuído a Cunha, ou seja, o apontado recebimento de propina no caso. Para os advogados, a prática poderia ser considerada apenas como corrupção.
Relator do pedido, o ministro Edson Fachin negou os argumentos da defesa. Fachin apontou que as instâncias inferiores (1º e 2º grau) demonstraram que houve tanto corrupção passiva como lavagem no caso, com transferências bancárias que indicaram tentativas de dissimulação da propina. O ministro também ressaltou que a discussão que a defesa pretendia realizar não poderia ser feita por meio de habeas corpus – tipo de processo julgado pelos ministros nesta terça-feira, que não permite a revisão de provas.
Relator da Lava Jato no STF, Fachin também negou que o caso tenha qualquer relação com um precedente criado no mensalão. Lá, o plenário do STF assentou que o recebimento indireto de valores não se traduz, automaticamente, como crime de lavagem, ficando a prática restrita ao delito de corrupção. “Isto posto pondero que situação retratada nestes autos é diferente do que verificado pelo tribunal pleno na ação penal 470 (Mensalão), não se verificando mero recebimento por interposta pessoa”, assinalou, destacando o esquema de transferência de valores realizado na Suíça.
O caso da condenação de Cunha foi lembrado nesta semana por Moro, que sentenciou o ex-parlamentar na primeira instância. O ministro destacou que este foi um dos processos emblemáticos de cooperação internacional entre Brasil e Suíça, em vista das transferências de dinheiro ocorridas no país europeu.
Em seu voto, a ministra Cármen Lúcia destacou que a “arquitetura criminosa” é complexa, e não simples como pretendeu demonstrar a defesa. “O paciente, portanto, foi condenado por receber vantagem indevida (corrupção) e após a celebração do contrato, houve a transferência das quantias nos valores devidamente comprovados, a transferência posterior”, assinalou Cármen.
Os demais ministros da Segunda Turma, Celso de Mello, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski, também acompanharam o voto de Fachin.
Fonte Banda B
MPF é contra pedido de Lula para que ação do triplex siga para Justiça Eleitoral.


Em parecer encaminhado ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) nesta terça-feira, 9, o Ministério Público Federal (MPF) se posicionou contrário a uma solicitação da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que a ação do triplex do Guarujá seja encaminhada à Justiça Eleitoral.
Os advogados de Lula fizeram o pedido dentro de um recurso no STJ que busca derrubar a condenação do petista no caso. Para a defesa, a sentença que levou o ex-presidente à cadeia deve ser anulada e o processo, enviado à Justiça Eleitoral. Caberá aos ministros da Quinta Turma do STJ decidir sobre o pedido da defesa de Lula.
Para a subprocuradora-geral da República Aurea Maria Etelvina Pierre, que assina o parecer do MPF, a condenação de Lula no caso do triplex não traz elementos de eleições, o que não justifica, afirma, o envio da ação penal à Justiça Eleitoral, como pedido pelo petista.
“Não configurada hipótese a justificar a prevalência de competência da Justiça Eleitoral”, concluiu Aurea. Se a Quinta Turma seguir o parecer do MPF, o processo permanecerá no âmbito da Justiça Federal e a sentença não é anulada. A solicitação do ex-presidente foi feita com base em recente decisão da Suprema Corte, em que se fixou o entendimento de que cabe à Justiça Eleitoral processar crimes como corrupção quando há conexão com delito de eleição.
Relator do processo de Lula no STJ, o ministro Felix Fischer pediu o parecer do MPF na semana passada. Antes disso, o recurso do ex-presidente estava pronto para ser julgado pela Quinta Turma. Com o envio da manifestação, ministros do tribunal esperam que o processo seja analisado pelo STJ nos próximos dias
No início do mês passado, a expectativa era de que o caso fosse concluído ainda em março, antes da análise pelo STF das ações que tratam da prisão após condenação em segunda instância, que aconteceria nesta quarta-feira, 10. Esse julgamento no STF, no entanto, acabou sendo cancelado pelo presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, atendendo a um pedido da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), autora de uma das ações que abordam o tema.
Fonte Banda B