Fique Bem Informado acesse o Blog do Beto

ÁUDIO DESCRIÇÃO DO BLOG DO BETO: VOCÊ QUE TEM PROBLEMA VISUAL CLIQUE AQUI EM BAIXO:

quarta-feira, 12 de junho de 2019

12/06/2019 *--* Matérias Atualizadas !!!!

Leitor que está com celular Click Aqui para ler as notícias atualizadas do Blog do Beto.



Homem é preso suspeito de manter os pais idosos em barracão em situação precária.


Um homem foi preso na tarde de ontem, numa chácara, na área rural de Santa Terezinha de Itaipu.

Segundo as informações,  em um galpão estava um casal de idosos, de 81 e 83 anos de idade. 

A equipe policial adentrou, então, no local de apenas um cômodo que funcionava como sala, quarto e banheiro. 

O local é extremamente sujo, tendo acúmulo de comida por toda a parte, lixo por todo o lugar. Também foi constatado que o local estava infestado de ratos, baratas, formigas, piolho e pulgas. 

O casal de idosos foi convidado a deslocar até a delegacia para coleta de depoimento. Posteriormente, os policiais localizaram D.C.M., de 41 anos, e demais parentes dos idosos, para serem ouvidos também.  

Na delegacia, os idosos relataram que teriam ido morar na chácara 20 anos atrás. Inicialmente eles viviam em uma casa, mas depois foram expulsos e alocados no barracão.


O casal enfatiza que até hoje não entende o porque o filho teria feito isso com eles, porque a casa da chácara possuía três quartos, sala, cozinha, banheiro e varanda.

O casal de idosos relatou também que seu filho  fica com boa parte da aposentadoria dos dois, onde pede valores semanais de R$ 100,00, R$ 50,00 ou R$ 30,00 que alega que seria para pagar água, luz ou para comprar gasolina.

O casal teria pedido para os policiais civis ajudarem a voltar para a casa que era deles.

Diante dos fatos e a constatação de maus tratos pelo filho , de 41 anos de idade, que é responsável tutor de seus pais, foi dada voz de prisão pelo crime de abandonar idoso ou não prover necessidades básicas, expor a perigo, se apropriar proventos do idoso, todos relacionados ao crime de maus tratos a idoso.

Fonte: Tribuna Popular.



Cadela de 2 meses é encontrada morta e com membros decepados.
(Foto: Divulgação) - Cadela de 2 meses é encontrada morta e com membros decepados
(Foto: Divulgação)


Uma cachorrinha de dois meses foi encontrada morta e com as quatro patas decepadas, em Luiziana.

A cadela ficou desaparecida por dois dias e era de uma moradora do Conjunto Pôr do Sol. A proprietária do bichinho ainda não havia escolhido um nome para a cadela, que seria adotada nos próximos dias.

Ainda não há confirmação de quem teria cometido o crime.

Fonte: Tá Sabendo



PRF e Denarc apreendem veículo carregado com maconha em Guarapuava.


Equipes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Denarc (Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcotráfico) apreenderam cerca de 262kg de maconha no início da madrugada de hoje (12 de junho) na BR-277 em Guarapuava, na região central do Paraná.

O veículo transportador, um Ford Fiesta, contava com apoio de comparsas que seguiam à frente em um Fiat Palio, para informar sobre possíveis bloqueios policiais na rodovia.

Por volta de 00h30, os agentes da PRF receberam a informação das equipes do Denarc sobre os dois veículos envolvidos na ocorrência e abordaram o Fiat Palio com dois ocupantes em frente a unidade operacional, logo em seguida a equipe do Denarc passou pelo local em acompanhamento tático ao Ford Fiesta que transportava a droga. Durante o trajeto de cerca de dez quilômetros, o condutor do Ford Fiesta abandonou o veículo em uma via secundária e evadiu-se na mata, não sendo localizado até o momento. A equipe do Denarc então encontrou o veículo abandonado com os 262kg de maconha acondicionados em seu interior.

Já os dois ocupantes do Fiat Palio abordados pela equipe da PRF, um natural de Santa Catariana, com 27 anos e o outro natural do estado do Paraná, com 24 anos, ambos possuíam mandados de prisão em aberto e foram detidos pelos policiais. 

Os veículos, a droga e os envolvidos foram e encaminhados à 14ª Delegacia de Polícia Civil de Guarapuava.

Fonte: PRF.



Polícia apreende 262 quilos de maconha.


A Polícia Civil apreendeu mais de 260 quilos de maconha na madrugada desta quarta-feira (12), em Guarapuava. A droga estava armazenada no interior do veículo Ford Fiesta.

A polícia recebeu uma denúncia anônima e efetuou uma barreira policial em frente ao posto da PRF Guará, na BR-277. O motorista conseguiu "furar a barreira" e ainda atirou contra a equipe policial. Ele abandonou o veículo em meio a um matagal nas proximidades do km 335 da BR 277, Serra da Esperança,e fugiu.

No interior do veículo abandonado foram localizados e apreendidos cerca de 262 quilos de maconha. O suspeito não foi localizado.

Fonte: Polícia Civil / Kryssia Kosmos / Rede Massa.



Mulher é atropelada na PR-151 e sofre ferimentos graves.

(Foto: Colaboração) - Mulher é atropelada na PR-151 e sofre ferimentos graves

Uma mulher teve ferimentos graves ao ser atropelada, em Carambeí. A vítima caminhava pela PR-151, na altura do Km 309, quando foi atropelada por um Fiat Siena, que trafegava em alta velocidade.

A jovem de 24 anos foi encaminhada ao Hospital Regional de Ponta Grossa com ferimentos graves. O condutor do carro parou para prestar socorro e acionou os médicos.

A causa do acidente ainda não foi informada.

Fonte: Stiven Souza; / Rede Massa.



Banco Mundial alerta para gastos com folha de pagamento no Paraná.


Um relatório do Banco Mundial encaminhado ao Governo do Paraná nesta semana aponta que o crescimento real da folha de pagamento de inativos (7% ao ano) e ativos (5% a.a.) superou o desempenho da receita líquida do Estado (4,4% a.a.).


O estudo avaliou dados de 2007 a 2018 e destaca que o aumento da despesa com pessoal decorreu sobretudo de reajustes salariais superiores à inflação. Este processo resultou em uma diferença entre o que é pago no setor público e no privado na casa de 35%, quando avaliadas as mesmas atribuições.

Como resultado deste processo, o Estado ultrapassou o limite de 60% estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) para gastos com pessoal em relação a Receita Corrente Líquida (RCL) ao longo dos últimos anos. Em 2017, esse indicador totalizou 61,1%, conforme o relatório do Banco Mundial, mesmo com a desaceleração no crescimento da despesa com a folha a partir de 2014.

O estudo do Banco Mundial revela que nos últimos quatro anos (2014-2018), em decorrência do ajuste fiscal, houve queda na taxa de crescimento da folha de ativos (-1,3% a.a.), enquanto a despesa com inativos evoluiu 3,4% ao ano. Os índices não refletem dados do Poder Judiciário e do Ministério Público.

O relatório indica que se a política de controle efetivo dos gastos for mantida pode haver uma economia de R$ 2,7 bilhões na folha de pagamento até 2022. A estimativa, para o período entre 2023 e 2030, é de uma redução R$ 17,6 bilhões na despesa com pessoal, se adotada uma série de sugestões apresentadas pelo Banco Mundial.

EXECUTIVO – Segundo o estudo, o Poder Executivo é responsável pelo pagamento de 84,2% dos funcionários ativos do Estado. São 148,9 mil pessoas e 163,8 mil vínculos (quando a mesma pessoa exerce mais de uma função. Exemplo: professor com dois padrões). O número de vínculos ativos caiu cerca de 9 mil desde 2015. Contudo, em todo o período analisado houve aumento de 0,8% a.a.


O estudo do Banco Mundial mostra ainda que a remuneração de servidores do Governo do Estado apresentou alta média de 4,3% ao ano em termos reais. Esse crescimento é explicado tanto pelo aumento do salário médio quanto do número de servidores.

O banco indica que 78% do total de servidores ativos do Poder Executivo são efetivos e representam 89% da folha mensal. A grande maioria dos temporários (22%) é de professores e promotores de saúde. Esse grupo é responsável por 8,2% da despesa salarial. O pagamento de comissões de servidores de carreira (1,1%) e de cargos comissionados (1,9%), completam o quadro.

Apesar da queda nos últimos anos, cerca de 40 mil vínculos efetivos foram incorporados ao Executivo desde 2011. Atualmente, este grupo representa 31,3% do quadro estável em atividade. Segundo o Banco Mundial, as aposentadorias superam as novas contratações.

PREVIDÊNCIA – O relatório indica que a folha de pagamento de efetivos é relativamente nova no Paraná: idade média de 43 anos e tempo de contribuição de 9 anos. De outra parte, o estudo indica que historicamente os servidores se aposentam com 53 anos, em média, depois de 25,5 anos de tempo de contribuição, segundo as regras atuais. Assim, até 2022 cerca de 21,4 mil efetivos vão se aposentar (16,7% dos vínculos efetivos atuais) – mais de 50% da área da educação.

Fonte: AEN.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.